História Joshua estava viciado em Dora Aventureira - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Seventeen
Personagens Hong Jisoo "Joshua", Junghan "Jeonghan", Seungcheol "S.Coups"
Tags Coletânea Colors, Colors: Orange, Jeongcheolsoo, Jihancheol
Visualizações 48
Palavras 290
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Comédia, Drabble, Ficção, LGBT, Slash, Universo Alternativo
Avisos: Homossexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


pra curiosidade o Joshua só tá fazendo isso pra treinar o inglês dele (e torturar os namoradinhos tbm, 1 hr ele admite isso)

Capítulo 1 - Joshua ficou doido de vez, não é possível.


Jeonghan, literalmente, meteu um tapa na própria testa assim que entrou no quarto que os três namorados dividiam e viu Joshua com o laptop no colo e um Seungcheol cativo.

Se fosse em qualquer outra ocasião, ele teria rido até chorar e o estômago doer daquela cena ridícula, mas uma das musiquinhas irritantes e sem noção de "Dora, the explorer" (como Joshua gostava de dizer) estava tocando tão alto que até mesmo da porta se era possível ouvir.

Choi Seungcheol estava sendo torturado ao som de "sou o mapa, sou o mapa", e se Yoon Jeonghan não saísse do quarto imediatamente, também viraria um  dos alvos do namorado.

Antes que Seungcheol pudesse lhe pedir ajuda — mesmo que Joshua quando ficava naquele jeito, nada faria com que ele mudasse de ideia —, começou a andar pelo corredor, tentando fazer o mínimo barulho possível, mas antes que saísse completamente do local, ouviu seu nome sendo chamado por uma voz suave.

Quis rir — talvez chorar um pouco — de desespero, o americano deveria tê-lo visto saindo pela porta, e aquilo só significava uma coisa: iria morrer. E não iria ser uma morte digna, Jeonghan morreria porque em algum momento não surportaria mais ouvir aquela mesma música de sempre e se jogaria do oitavo andar.

Resignado com a vida em geral, o Yoon foi se sentar no lado vago da cama, sabendo que o Choi provavelmente estava lidando com a vontade de cometer um crime a pelo menos meia hora. Trocaram um último olhar, combinando silenciosamente de sumir com aquele eletrônico infernal por um bom tempo, até o Hong esquecer que Dora Aventureira existia, ou ambos realmente perderiam a cabeça.

E, sinceramente, o filho da puta que inventou aquela música do capeta deveria queimar no fogo do inferno. 


Notas Finais


Eu nÃo sUpOrTo MaIs cAnTaR sOu O mApA mEnTaLmEnTe SeNd HeLp Or I wIlL cOmMiT a CrImE


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...