1. Spirit Fanfics >
  2. Jovens na sociedade >
  3. Capítulo 2

História Jovens na sociedade - Capítulo 2


Escrita por:


Capítulo 2 - Capítulo 2



Já se passavam das três da manhã e eu não conseguia dormir, faltava algumas semanas para o vestibular e eu me encontrava nervoso e ansioso demais para descansar, sentia que não havia estudar tudo que não me sairia bem, só de pensar nisso meu coração acelera minha respiração se torna pesada, fica cada vez mais difícil respirar no ritmo normal. Mesmo que esse ano não vá ser oficial, pois eu não tenho idade suficiente e não estou no terceiro ano ainda e mesmo assim me sinto nervoso como se fosse oficial. Pego meu celular e ligo para ela, sabendo que a mesma vai me xingar muito por tê-la acordado a essa hora, a ligação chama algumas vezes e logo sou atendido por um resmungo irritado.
- O que houve pra você me ligar essa hora Gustavo? - ela disse de forma baixa e rouca por estar dormindo.
- Desculpa meu amor, e só que...- suspiro - eu não consigo dormir por conta da prova e bom, eu queria conversar com você, isso sempre me ajuda.
- Entendi- sabia que ela sorria ao falar isso pelo simples fato deu ter dito que precisava falar com ela e mais ninguém- olha anjinho, você não tem por que se preocupar com essa prova agora, não é a hora amor, você só está no primeiro ano ainda lembra? acredite em mim, já fiz inúmeras provas seletivas, não como o vestibular mas digamos parecidas, você só precisa dar o melhor de si agora meu amor e focar em controlar seu psicológico, porque eu te conheço muito bem para saber que você está ansioso, ouse dizer até mesmo tendo uma crise de ansiedade, mas acredite em mim okay? Vai dar tudo certo, você só tem que focar em fazer o que você sabe, no que estudou ao longo do ano e nada mais, porque você vai ter outras oportunidade nos outros anos, sabendo toda a matéria e eu tenho certeza que você passa mais a frente, no entanto amor, no momento é quase impossível você e eu passarmos. Entende?
- Sim – respiro fundo e esfrego a mãos 
- Que bom meu amor, não se preocupe tá? De o seu melhor e eu sei que você vai ficar satisfeito com o resultado justamente por ter tentado- diz me fazendo sorri pela mesma acreditar em mim.
Continuamos conversado por um tempo, eu já me encontrava mais calmo por ter falado com ela, não me sentia mais tão pressionado como antes.
- Elisa?
- Sim? - com voz de sono. 
- Obrigado, eu precisava falar com você, me fez sentir melhor, só você para me aconselhar a essa hora amor – digo me aconchegando na cama sabendo que logo a mesma dormiria e eu desejava seguir o mesmo caminho.
- De nada meu amor, sua belíssima namorada sempre as ordens – disse rindo e me fazendo rir junto – agora, será que você pode cantar a nossa música para que eu possa a dormir embalada pela sua voz?
- Claro meu amor, vai ser um prazer.
E assim foi o resto da minha noite, cantei até que a mesma pegasse no sono e sua respiração calma me levasse a terra dos sonhos.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...