1. Spirit Fanfics >
  2. Juntos por acaso >
  3. Como fazer uma compra....

História Juntos por acaso - Capítulo 39


Escrita por:


Notas do Autor


Yoooo minaaaa, tudo bem???? Espero que sim! Então gente ... Esse cap é apenas uma coisa para descontrair... Pois já faz muito tempo!!! Fiquem bem ❤️

Capítulo 39 - Como fazer uma compra....


Fanfic / Fanfiction Juntos por acaso - Capítulo 39 - Como fazer uma compra....

Hoje eu acordei, e resolvi assistir a uma série, eu e Hinata estamos de férias e decidimos passar em casa. A azulada estava na cozinha fazendo o nosso café da manhã, e sarada estava no quarto tocando o violino. Estava tudo conforme os outros dias, uma chuvinha caia para deixar o dia mais preguiçoso. 

— Sasuke-kun! 

— Oi, hina…. — gritei.

— Não tem mais farinha…. — comentou.

— Oh, shit… e agora? — questionei.

— Pode ir no mercado para compra? 

Eu estava embaixo das cobertas, e a preguiça era tanta que aaaaaa como ela poderia fazer isso comigo?

— Ok… é só a farinha ? — ergui a sobrancelha.

— Vou fazer a listinha do necessário para você trazer. — concluiu.

— Ok!

Levantei, indo até o quarto para trocar de roupa. Após me vestir, fui até o quarto de Sarada que havia parado de tocar o violino e observava fixamente o computador.

— Hey! Se ficar tão perto vai acabar ficando cega que nem a sua mãe. — brincou.

— Hai…. você viu a nova ? — Questionou.

— O que?... — ergueu a sobrancelha.

— Um caso de uma doença nova chamada corona vírus… — respondeu.

— Ein?! Não vi não… 

— Vem cá e leia isso.

Fui até a mesma e comecei a ler o que estava acontecendo, de fato fiquei preocupado com tudo o que li. Percebi que sarada estava com um semblante sério, e um pouco assustada, levei minha mão  e dei um peteleco na sua testa.

— Fique calma! Aí diz o que deve ser feito…. Apenas devemos seguir com o que é passado para nós. — sorriu.

— Mas estou preocupada com as pessoas, e meus amigos?— Suspirou.

— Não fique assim, diga para eles seguirem paço a paço das dicas, assim podem ficar impune as impurezas. — comentou o Moreno.

— Hai….

— Vai da tudo bem! Não se desespere filha! 

Beijei o topo da cabeça dela, e sai do cômodo. Segui até a cozinha onde dei um beijo rápido na azulada, peguei a lista que ela havia deixado no balcão.

— Ah, Itachi disse que iria vim aqui hoje.. — disse ela.

— EOQUE?! 

— Ele está vindo de viagem, e perguntou se não tem problema dele vim pra cá.

— Tem, sim! — disse rapidamente.

— Eu disse que ele poderia… — quebrou um ovo — Ele tá vindo de Paris com o Obito…

— Pode ligar para ela que eu não quero eles aqui, Itachi tem casa e manda ele parar de desfilar e ficar de quarentena! — disse o mesmo ao cruzar os braços.

— H-hai…. Mas porque vive tá agindo assim? — questionou a azulada.

— Corona VAIRES! — disse o mesmo a pegar o óculos e colocar — Rasta lá vista baby!

— Mas está nublado….

Sai rapidamente de casa, e segui até uma farmácia para comprar o necessário antes de fechar as lojas, e POR KAMI SAMA! estava muito acumulado de pessoas…. Sério que lá falava para não irem em lugares com tanta gente…. Não sabia o que fazer e então aderir usar o método mais hardcore.

   Dei a volta com o carro e fui até a quebrada da Areia, Gaara o meu ex colega do ensino médico havia se tornado o dono da boca. Mandei uma mensagem para ele do que precisava e esperaria ele em um determinado lugar, e assim nós fizemos. Cheguei no lugar marcado e lá estava um cara encapuzado vestindo uma máscara de médico do tempo antigo, ele me alcançou a caixa e eu o entreguei o envelope com o dinheiro.

     Liguei o carro e o estacionei em uma parte vazia, abri a caixa e lá estava a minha encomenda, vesti minha armadura de lord Darth Vander e peguei a arma de Airsoft e estava pronto pra qualquer coisa. Desci do carro e entrei no estabelecimento, estava lotado, tinha gente levando papel higiênico de estoque, não sei dá onde vai ter tanta merda acumulada, mas, ok. Segui fazendo minha procura, a minha Hyuuga iria fazer os bolinhos da especialidade dela que eu amo e precisava achar a farinha dela.

      Cheguei no corredor onde havia as….. O QUE? ESTAVA ACABADO A FARINHA?!..... Fui rapidamente a fila do caixa onde está um tumulto de pessoas, olhei para os carrinhos e lá estava tudo basicamente, até a farinha da minha azulada.

— TODO MUNDO PRO CHÃO! — Gritei mesmo estava doidão — MAS QUE PORRA É ESSA?! 

Todos pararam com as discussões e prestaram atenção em mim, subi em cima de um caixa e então voltei minha atenção para os guardas.

— Fechem essa merda ou eu vou estourar a cabeça daquele cara! 

Os guardas rapidamente o fizeram conforme os meus mandamentos, tava uma zona aquela merda! E ninguém fazia nada, tava na hora de mostrar que o pai aqui manda! 

— EU ESTOU IMPACIENTE, VOCÊS ESTÃO ME DEIXANDO ASSIM, EU QUERO QUE TODOS COLOQUEM DE VOLTA ESSAS MERDAS DE VOLTA PRA PRATELEIRA! OU EU MATO VOCÊS! 

Uma mulher que estava com uma idosa começou a chorar, o carrinho dela estava lotado até em cima eu não pude deixar de engatilhar a arma e atirar para cima.

— EU NÃO QUERO NINGUÉM CHORANDO, VÃO LOGO OU VÃO TOMAR UM TIRO! NAO TEM VERGONHA NA CARA?! CADÊ O AJUDAR O PRÓXIMO? EU TÔ POR NADA! AGORA FACA ISSO, MEUS CÚMPLICES ESTAO NA RUA E SE ALGUEM SAIR VAI SER EXECUTADO, ELES SO VAO DEIXAR IR OS QUE EU LIBERAR, ENTÃO MELHOR FAZEREM O QUE EU DIGO.

O pessoal começou ir calmante colocando as coisas de volta ao lugar, eu desci do balcão e fiquei supervisionando tudo, olhei para a moça que estava no caixa e entreguei a lista da hime para ela.

— Moça, pode separar isso para mim? Minha esposa que pediu.

— H-hai! 

Ela saiu, em poucos minutos tudo voltou ao normal, as prateleiras ficaram em ordem e o pessoal levaram o necessário. A menina voltou com minhas compras então eu a paguei e sai tranquilamente. Fui até onde meu carro estava estacionado e troquei novamente a roupa, coloquei a fantasia na caixa e a joguei no lixo indo novamente para casa. 

    Cheguei em casa coloquei as compras no balcão e fui em direção ao banheiro para lavar as mãos corretamente. Saindo do banheiro me deparo com a Sarada rindo por conta de assistir um vídeo no YouTube, parei e entrei no quarto da mesma.

— hoy! O que tá vendo?

— Um maluco parece que invadiu um mercado vestido de Darth Vander e fez todos devolverem a comida, isso sim eu apoio! — disse ela ao sorrir.

— Cada louco que aparece…. Fique longe dessa gente! 

Beijei a testa da mesma e a deixei assistindo o mico na qual eu fui o culpado por isso, o importante é que ela não estava tão triste quanto isso… bom gente aqui eu e a família uchiha estamos nos cuidando e você? Faça tudo certinho pois vocês devem ficar saudável para a próxima temporada! Bjao e fiquem com Deus! 







Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...