História Just a Kiss (Imagine Jimin) - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtan Boys, Bts, Jieun, Jimin, Taehyung
Visualizações 49
Palavras 1.879
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção, Ficção Adolescente, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Depois de tanto tempo finalmente voltei com o final desta fic kkkkkk mil desculpas pela demora, fiquei totalmente sem tempo e criatividade, mas aqui está, tomara que vocês gostem viu?


☆ BOA LEITURA ☆

Capítulo 8 - Happy Ending


Fanfic / Fanfiction Just a Kiss (Imagine Jimin) - Capítulo 8 - Happy Ending




Jimin pov



Meses se passaram




JiEun está de 9 meses praticamente estourando, mas a bolsa não estourou e no último ultra que fizemos a nossa princesa, sim é uma menina, não estava posicionada para um parto normal então estamos há dias tentando marcar uma cesariana mas nunca tem horário e isso está me deixando preocupado.



- Jimin -disse minha mãe me chamando, levantei do sofá e fui até a cozinha onde ela se encontrava.- Finalmente consegui um horário.


- Qual? -perguntei ansioso.


- Amanhã, 14hrs -disse anotando no papel e me entregando.


- Vou até a casa da JiEun, vou avisa-la. -disse me virando e pegando a chave no balcão e indo em direção da porta de entrada. 


- Faça isso mesmo meu filho, qualquer coisa. -disse minha mãe.




Entrei no meu carro e sai dali as presas, quem vê acha que eu estou fugindo de alguém, não demorou muito e eu já estava na frente da casa de JiEun, estacionei o carro, desci do mesmo e bati na porta dela, quem atendeu foi a sua mãe, que apesar tudo ela estava ajudando muito a gente.



- Oi Jimin -disse sorrindo.


- A JiEun está? -perguntei e ela deixou um espaço para eu entrar.


- Está deitada, está com dor nas costas e as pernas inchadas. -disse me guiando até o andar de cima.


- Minha mãe conseguiu um horário. -disse assim que chegamos perto do quarto de JiEun.


- Sério? Graças a Deus. -disse super animada batendo palmas, sorri concordando- Entre e conte pra ela.


- Pode deixar. -disse me virando e entrando no quarto.




Assim que abri a porta tive a visão de Jieun deitada cheia de travesseiro e com expressão de dor em sua face, cheguei devagar perto de sua cama e me sentei olhando pra ela, a mesma notou a minha presença e forçou um sorriso.



- Oi -disse baixo.


- O-oi -disse fechando os olhos por conta da dor.


- JiEun, você está com essa dor desde quando? -perguntei.


- Desde hoje cedo -disse tentando se sentar confortável na cama e passando a mão na barriga, achei estranho e me levantei pegando o meu celular para ligar para o médico.- O-o que está fazendo?


- Ligando pro seu médico.


- NÃO, eu...


- Sim! Olha sua situação JiEun, quem sabe ele tem algo que te alivie. -disse a interrompendo e já colocando o telefone no ouvido já para falar com o médico.



Ligação ON



Alô?


Dr. SeokJin?


Sim?


É o Jimin, namorado da sua paciente JiEun.


Oh, olá Jimin.

Tudo bem com ela?


Então Dr. foi pra isso que liguei.


JiEun está com dores nas costas que a estão incomodando muito.


Pergunte pra ela onde especificamente.


-------

- JiEun. 


- Oi?


- Onde você sente mais dor?


- Barriga e costas.


-------


Barriga e costas.


Estou indo ai agora!

Me passe o endereço imediatamente.


Te mando por mensagem, pode ser? 


Claro, mas preciso disso rápido, acho que sei o que ela tem.


Okay, vou mandar.

Venha logo por favor.


Pode deixar.



Ligação OFF



Encerrei a ligação e logo mandei o endereço, cheguei perto de JiEun e sentei na cama acariciando sua barriga, fiquei observando por uns trinta minutos enquanto JiEun chorava em silêncio, não sabemos o que está acontecendo mas pressinto algo.



- Jimin -ouvi uma voz me chamar e a porta do quarto de JiEun sendo aberta revelando sua mãe e o doutor SeokJin.


- Jin -disse JiEun forçando um sorriso, aposto que ela está com dor agora.


- Olá Senhorita JiEun. -disse Jin se aproximando e colocando sua maleta na cama- Jimin. -disse e eu acenti com a cabeça como um cumprimento.- Então, o que está sentindo? -perguntou Jin analisando JiEun.


- Dores e mais dores. -disse JiEun se sentando com a ajuda de Jin, fiquei ao lado de sua cama o tempo todo observando a cena porque eu estava perdido em o que fazer.


- Na barriga e nas costas? -perguntou e JiEun concordou- De quantos minutos é o intervalo das dores?


- Dez minutos. -disse JiEun.


- Hm...acho que sei o que está acontecendo. -disse o médico pegando o celular para ligar para alguém.


- O que doutor? -perguntei.


- Sua filha decidiu vir ao mundo agora.


- Agora?? -perguntou JiEun assustada e logo depois gritou de dor, eu paralisei.


- Jimin -ouvi alguém me chamar, eu estava totalmente tonto- Fique do lado dela okay? Ela vai precisar de você agora. -disse essa pessoa me empurrando em direção de JiEun, sentei ao seu lado na cama e passei meu braço esquerdo pelo seu pescoço para que ela pudesse repousar a cabeça e com o outro segurei sua mão para passar conforto.


- A dilatação está ótima, então...já sabem. -disse Jin colocando todas a roupa necessária para um parto, vi umas duas mulheres entrando no quarto junto com a mãe de JiEun.


- É agora. -disse a mãe de JiEun apavorada, não sabia o que fazer, fui voltando aos meus sentidos e então tomei atitude.


- Liga pra minha mãe por favor. -pedi e a mãe de JiEun logo pegou o celular e saiu do quarto deixando apenas eu, JiEun e Jin ali.


- JiEun, eu preciso que você faça o máximo de força okay? Quando eu mandar parar você relaxa, respira normal, tranquila, quando eu mandar começamos de novo ok? -disse o Jin se posicionando entre as pernas de JiEun e eu segurei sua mão, olhei pra ela e aprovei para que ela apertasse a minha mão a vontade. - Força -disse Jin, nisso JiEun fez o máximo de força possível, apertando a minha mão também- Isso, relaxa -JiEun relaxou e dei um beijo em sua testa- Vamos de novo? -perguntou Jin e JiEun concordou- Força -mais uma vez JiEun fez força.- Está quase, relaxa mais um pouco, acho que na próxima ela vem -disse Jin com um sorriso no rosto, não consegui evitar o mesmo.- Força -disse Jin e mais uma vez ela fez força mas dessa vez foi a maior de todas, ela até soltou um grito que logo veio acompanhado de um chorinho de bebê- Nasceu! -disse Jin sorrindo mostrando a nossa filha, não aguentei e chorei. Uma moça, obviamente enfermeira, veio com nossa princesa no colo e entregou para JiEun que chorava horrores.


- Ela é linda -disse JiEun enquanto acariciava o seu rostinho, ela era branquinha, olhos castanhos puxados pro verde, lábios vermelhos como sangue.


- É a sua cara -disse sorrindo sem parar, JiEun virou em minha direção e deu-me um selinho


- Te amo.


- Também te amo -disse JiEun.




Anos depois...




- Jimin!! -ouvi o grito de JiEun do andar de baixo, desci as escadas correndo e encontrei JiEun segurando Henry (1 ano) no colo enquanto tentava parar Saara (4 anos) que corria sem parar pela sala.- Me ajuda por favor.


- Saara! -chamei a sua atenção e ela parou na hora.


- Papa, eu estava brincando com a mama -disse Saara vindo em minha direção esticando os bracinhos pedindo colo.


- Mas a sua mama está com o seu irmão no colo, ela não pode brincar assim -disse fazendo cócegas nela que ria alto.


- Jimin, vamos? Senão chegaremos atrasados de novo. -disse JiEun ajeitando Henry no colo e pegando a sua bolsa, peguei a chave do carro e assim saímos de casa, chegamos ao lugar da cerimônia, sim um casamento, depois de anos TaeHyung pediu Yuri em casamento e fomos convidados.- Tomara que o Henry não de trabalho. -disse JiEun se sentando na cadeira e ajeitando Henry no colo que chupava uma chupeta.


- Não vai, fique tranquila, qualquer coisa eu pego ele e vou pra fora. -disse fazendo carinho nos cabelos lisos de Saara.



Depois de toda aquela cerimônia, cansativa, de um casamento, finalmente chegou a hora do "sim", Saara ficou animada pra ver a cena do beijo que se levantou do meu colo e ficou de pé na cadeira batendo palminhas, isso me deixou completamente encantado, algumas pessoas a olhava sorriam pela sua reação.




----------




- E aí TaeTae! -disse o cumprimentando com um toque nosso, ele abriu um sorriso enorme em ver que a gente estava ali.


- Valeu por tem vindo Jimin, não imagina o quanto isso significa pra gente.


- Magina, é o mínimo que faço por você -disse retribuindo o sorriso, JiEun que estava ao meu lado também não parava de sorrir.


- JIEUN! -gritou TaeHyung assustando Henry


- TAEHYUNG! -gritou JiEun de volta arrancando risadas de nós, logo Yuri chegou com aquele vestido branquinho perto da gente.


- Doídos. -disse Yuri ajeitando o vestido.- Oi Saara.


- Oi -disse Saara toda tímida se escondendo atrás de mim.


- Ela é muito fofa -disse Yuri se agachando pra ficar na altura de Saara.- Sabia que você é linda? Igual a sua mãe, Graças a Deus, teu pai é feio.


- Não é não -disse Saara com voz de choro ficando emburrada e cruzando os braços.


- Não, não chora -disse Yuri tentando acalmar Saara que agora abriu o berreiro, peguei ela no colo e comecei "dançar" levemente para acalma-la.


- Vamos sentar? -pediu JiEun concordei e então falei para Taehyung o que iriamos fazer, minutos depois já estavamos em nossa mesa, Saara estava toda comportada na cadeira e Henry estava dando um cochilo em sua cadeirinha- Estou exausta. -reclamou JiEun se "largando" na cadeira.


- Quer uma massagem? -perguntei e ela olhou pra mim toda manhosa.


- Te incomodaria?


- Magina -disse chegando perto dela que virou de costas pra mim, logo comecei uma leve massagem em seus ombros- Está bom?


- O-ótimo -disse JiEun entre gemidos, acabei dando risada.




-------




- Finalmente em casa -disse empurrando a porta com o pé já que carregava Saara que dormia em meu colo- Vou coloca-la na cama.


- Vou fazer o mesmo com o Henry -disse JiEun, sussurravamos um para o outro para não acordar as crianças que tem um sono muito leve, pelo menos a Saara tem, agora o Henry...esse o mundo acaba e não fica sabendo.


Tratei de colcoar Saara em sua caminha, a cobri até o pescoço já que estava um frio de 14 graus lá fora, dei uma olhada em seu quarto e dei risada da decoração, há princesas para todo lado, até enjoa ficar olhando de tão rosa que é esse quarto. SeokJin, Jin, o médico que fez o parto da Saara acabou se tornando padrinho dela de batizado então...já sabem, ele quis decorar tudo, o do Henry é cheio de Mario, Yoshi, Luigi e por ai vai, SeokJin tem bom gosto mas também enjoativo, por mim esse quarto seria azul ou verde, de boa, mas ele quis dar ideia na decoração e...passou um pouco do ponto mas tudo bem. Fui para o nosso quarto e sentei na beirada da cama olhando pra parede e pensando em tudo o que passamos nos últimos anos.



- Tá viajando? -disse JiEun na minha frente chamando a minha atenção, a mesma estava com uma camisola preta transparente.


- Oi?


- Colocou a Saara pra dormir certinho? -perguntou JiEun sentando em meu colo com uma perna de cada lado do meu quadril, repousei minhas mãos em sua cintura e então comecei a distribuir beijos por seu pescoço.


- Coloquei... Obrigado.


- Obrigado? -perguntou JiEun.


- Por ter me dado uma família tão linda -disse dando vários beijos pelo seu rosto.


- Lá vem ele querendo me deixar emotiva, tó fora -disse JiEun se levantando, se distanciando de mim e eu dei uma gargalhada alta enquanto me levantava da cama também indo atrás dela- Ah não, nem vem -disse JiEun correndo pra cima da cama e eu fui atrás, estavamos meio que brincando de pega-pega- Park Jimin! -gritava JiEun em meio a risos enquanto eu a peguei pelo pé a derrubando na cama, subi em cima dela.- Eu te amo.


- Também te amo, muito.




THE END~




 

Notas Finais


Finalmente essa fic acabou lkkkk ficou meio 💩 esse final? Ficou. Podia ter ficado melhor? Sim, podia, mas é como eu disse, fiquei sem criatividade, tive um bloqueio mas finalmente esse final saiu e eu queria agradecer a cada favorito e comentário de vocês, foi uma das fics mais cutes que escrevi. Futuramente mais viram viu?

Muito obrigada de novo galera. Até a próxima fic. 💖


Pra quem quiser ler as outras fics de minha autoria:

- One Dream (fic JungKook): https://spiritfanfics.com/historia/one-dream-imagine-jungkook-5022836

- My Little Piece Of Peace (Long Imagine JungKook): https://spiritfanfics.com/historia/my-little-piece-of-peace-long-imagine-jungkook-5876970

- Surreal Love (JungKook One Shot): https://spiritfanfics.com/historia/jungkook-one-shot-5178446

- Between Lovers (Taehyung One Shot): https://spiritfanfics.com/historia/between-lovers-taehyung-one-shot-8134548

♡~~


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...