História Just Friends - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Adolescente, Colegial, Gay, Just Friends, Lésbica
Visualizações 6
Palavras 1.520
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Esporte, Famí­lia, FemmeSlash, Festa, Ficção Adolescente, Fluffy, Hentai, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Saga, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Shounen, Slash, Suspense, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


oie :)

Capítulo 5 - Capítulo 4


P.o.v's Jack On 

Esse ano entraram muitos alunos novos, a maioria de nossos professores mudou, assim como outros funcionários da escola. Mas alguns rostos conhecidos, e desagradáveis, ainda podiam ser vistos. 

Estava no horário de almoço, depois ainda teriamos três aulas. Anna e eu só ficamos juntos em quatro horários; língua inglesa, matemática e história. E essas foram justamente as aulas que ja passaram, agora vou ter que ficar sozinho na sala de aula. 

Deixo meu material organizado para as proximas aulas que serão de economia, politica e teatro. Fecho a porta do meu armário me deparando com Bianca atrás dela, dou um pulo para trás.

-Porra garota!- digo trancando o armário.- Me assustou. 

-Desculpe, não era a minha intenção.- diz sorrindo.- Por acaso você pensou na minha proposta?- ela pergunta enquanto me acompanha até o refeitório. 

-Pensei sim, e eu aceito.- digo a vendo abrir um sorriso. Eu nunca tive nenhum motivo para ter algo contra a Bianca, mas acho que de tando ouvir Anna falando dela acabei absorvendo um pouco do rancor. 

-Muito obrigado Jack, você vai acrescentar bastante na nossa mesa, Meu vice.- ela completa com uma piscadela.

Chegamos ao refeitório, Bianca foi sentar com o resto dos integrantes do grêmio, provavelmente para contar que eu estaria sendo seu vice esse ano.

Vou até a cantina e pego uma bandeja para pegar o lanche. Usar a palavra "lanche" parece tão infantil. Está dando hambúrguer e pizza hoje, pego um de cada, pegando uma caixa de suco de laranja também e seguindo para a mesa em que normalmente sentava. 

Anna já estava lá com Shaniqua, Jason e Stephanie, me pergunto se entrei num terrario de cobras em um escola. 

-Jackzinho!- Anna grita escandalosamente me abraçando, logo virando os olhos para minha bandeja.- Meu Deus Jack quanta comida, não sei como aimda mantém a forma comendo assim. 

-É um dom.- digo com sarcasmo. Sento ao lado de Anna mosrrando um leve sorriso para o restante. 

-Por quê demorou tanto Jack?- Stephanie pergunta me olhando.

-Eu estava arrumando meu material no armário e acabei encontrando a Bianca.- digo como se fosse nada demais, mas ao olhar para Anna parecia que havia cometido um crime. 

-Então você aceitou a proposta da para o grêmio?- Ela pergunta me encarando.

-Você está olhando para o mais novo vice-presidente do grêmio- digo com um sorriso amarelo. 

-Parabéns Jack.- Jason fala me olhando com um sorriso no rosto.- Tenho certeza que será um ótimo vice. 

-Para de se oferecer pra qualquer um.- Shaniqua diz para que todos pudessem ouvir fazendo Jason se encolher na cadeira e murmirar um "vai se fuder". 

-Judas como pode- Anna diz me encarando. 

-Anna sem melodrama por favor.- falo mordendo um pedaço da pizza.

P.o.v's Jack Off

P.o.v's Aprill On 

Todo primeiro dia de aula, eu Emilly e Elena faltamos a escola para sair, fazemos isso desde que tinhamos 12 anos. Já virou tradição.  

-Então para onde vamos?- Emilly pergunta parando no farol vermelho. 

-Podemos ir no de sempre, Charll's.- digo sorrindo e lembrando dos maravilhos milkshakes que elez fazia lá.

-Amiga, o Charll's fechou durante o verão.- diz Elena inclinando-se do banco traseiro. 

-Porra sério? 

-Infelizmente sim.- diz Emilly ficando um pouco pensativa.- Nós podemos ir no Latino's Cave, me disseram que a comida de lá é maravilhosa. 

-Que tipo de comida é servida lá?- Rebeca pergunta fazendo com que eu e Emilly olhemos para ela.- O que? 

O farol fica ver e Emilly segue caminho, depois de quinze minutos nós chegamos ao Latino's Cave. E mesmo sem o nome, apenas olhando a decoração e temática externadava para saber perfeitamente do que se tratava.

Depois de Emilly estacionar o carro, nós entramos no restaurante, e escolhemos nossa mesa. 

Uma moça morena com o cabelo raspado vem nos entregar o cardápio que também era todo tematizado com cada país da América do Sul.

-Gente aqui coxinha.- Elena diz levantando o braço para poder chamar novamente a atendente. 

-Já escolgeram o pedido?- ela pergunta com um sotaque bem evidente e com um tablet em sua mão. 

-Sim. Eu quero oito coxinhas. Quatro de frango e quatro dessa aqui de  calabressa com queijo.

-Certo, mais alguma coisa?

-O que seria essa Fiesta Panemaña?- Emilly pergunta mostrando a figura do prato para a moça.  

- É um feito basicamente de carne de gado, milho, mandioca, arroz e banana. Na minha humilde opinião é um dos melhores pratos da casa, e não falo isso por ser um orato típico do meu pais.- ela diz soltando um sorriso para Emilly que a corresponde. 

-Certo, vou querer esse então. 

-Okay.- ela fala anotando o pedido no tablet.- E você? 

-Eu vou querer uma Arepas e três Luladas por favor.- digo pedindo a mesma bebida para nós três. 

-Tá certo. O pedido de vocês sai logo mais. Com licença.- ela diz antes de se retirar. 

Ficamos um tempo aguardando o pedido, até que uns vinte minutos depois ele chegou. Emilly e eu rimos de Elena que arregalou os olhos ao ver que as coxinhas que havia pedido não eram do tamanho que ela pensava, dava quase uma mão aberta.

-Gente vou no banheiro.- digo me levantando. 

Caminho até o banheiro observando a decoração do lugar que quanto mais eu olhava mais ficava maravilhada com o lugar. Sem prestar atenção no caminho acabo esbarrando em alguém. 

-Nossa mil desculpas eu estava olhando...- paro de falar quando olho para quem eu havia esbarrado.- Barman? 

-Matt, para os que perguntam.- ele diz sorrindo.

-Ah, claro.- falo rindo tentando disfarçar a vergonha que estava sentindo naquele momento.- Pensei que nunca mais fosse te encontrar, por isso não perguntei seu nome.

-Pensou errado.- Matt diz com o sorriso ainda no rosto.

Antes que eu pudesse falar mais alguma coisa uma mulher sai do banheiro arrumando a bolsa.

-Vamos amor?- ela pergunta olhando para mim e depois para ele.

-Vamos.- então os dois seguem o caminho para a saída. Ouço ela perguntar "-Quem era aquela garota?" e ele responder com um "-Não sei, estava ajudando ela, acho que não sabe bem nossa língua". Que filho da puta. 

Fico mais alguns segurando olhando eles e depois entro no banheiro. 

P.o.v's Aprill Off

P.o.v's Jack On 

Já estavamos na nossa ultima aula, a de teatro. A professora, que era a única que continuava a mesma estava falando sobre uma peça que fariamos que carregaria metade da mota do primeiro semestre.

-Então eu espero ter sido clara. Quero uma peça inspirada em algum romance da escolha de vocês, não uma cópia.- ela repete para que todos entendam.-Bianca ficará como diretora, e escolherá o seu vice diretor também. As audições começaram na próxima semana, e como esse é um trabalho conjunto de todos os 2° anos, essa não será a única turma a participar.- Bianca, escolha o seu vice diretor por favor.

Com a deixa que a professora deixa para Bianca ela levanta e olha para mim.- Jack será o meu vice diretor professora Keyton. 

Parece que esse ano estou destinado a ser vice.

-Está certo. Vocês dois montem uma pequena equipe e comecem a escrever o roteiro. Quero ele entregue até o fim dessa semana.- termina ela sendo seguida pelo sinal que indicava o fim da aula.

Todos os aulas levantamde suas cadriras e saem, eu faço o mesmo. 

Já estava no campus, esperando Aprill vir com Emilly vir me buscar como havia prometido. 

-Oi Jack.- ouço uma voz familiar me chamar. 

Me viro e vejo Edward me fitando com um sorriso. Porra, eu havia esquecido totalmente o que havia rolado na noite passada. 

-Não vai me responder?.- ele pergunta me tirando do transe. 

-A-ah oi Edward.- o respondo finalmente.

-Pensei que iria me preocurar, sabe depois de ontem.- Edward fala parecendo meu decepcionado.

-Por que pensou isso?- o encaro.- O que acontecu ontem nem deveria ter acontecido.

-Então você prefere esquecer tudo que rolou ? 

-Sim, eu prefiro.

-Está certo, como você quiser Jack.- ele muda seu olhar sobre mim, começando a olhar com frieza.

Ele se afasta de mim e caminha em direção ao estacionamento, entrando em seu conversível que tinha o banco passageiro ocupado por Bianca que acena para mim antes dele dar partida. 

Eu estava tão certo sobre o que estava dizendo para ele. Mas agora que ele foi embora um sentimendo de dúvida se instala em mim. Não, eu fiz o certo. 

-Iae Jack vai ficar parado ai ou vai entrar?- Emilly grita do carro para mim. 

-Já estou indo.- a respondo e caminho em direção ao carro, sentando ao lado de Rebeca. 

O clima no carro estava estranho. Aprill estava com a maior cara de poucos amigos. Emilly estava parecendo uma criança depoia que ganha um pirulito com a cara de boba que estava. Só Elena mesmo que parecia estar assim como eu, totalmente alheia do que estava acontecendo aqui. 



Notas Finais


esse foi menor que os outros ks
mas eai gostaram?

Ps: o sistema de classificação dos Estados Unidos é diferente do nosso. O ensino médio é do 9° ao 12° ano, mas resolvi mudar para o sistema do Brasil mesmo (1°, 2° e 3° ano) para ficar melhor de entender.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...