História Just hold on, We're going home - Capítulo 27


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Adolescente, Depressão, Depressivo, Drama, Incesto, Intensidade, Profundidade, Romance
Visualizações 2
Palavras 492
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção Adolescente, Hentai, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 27 - Capítulo XXVI - Caixinha de surpresas


Fanfic / Fanfiction Just hold on, We're going home - Capítulo 27 - Capítulo XXVI - Caixinha de surpresas

    Casamento? O que minha mãe está pensando? Mas na verdade ela deve estar se sentindo muito sozinha, afinal já tem quase dez anos que ela se separou de meu pai.

Eu não serei contra seu casamento, ela parece feliz com Marcos. Não quero atrapalhar sua felicidade.

    Após algum tempo pensando e refletindo algumas coisas, decidi falar com minha mãe.

- Mãe, eu apoio o casamento, pode ter sido tudo muito nas pressas. Mas se ele te faz feliz, por mim está tudo bem.

- Oh, meu filho, que bom que você aprova. Então vamos, comece a arrumar suas coisas, nos mudamos próxima semana.(Falou-me com um grande sorriso em seu rosto)

- Espera, o que? Por que tudo tem que ser tão repentino?

Minha mãe apenas sorriu e saiu, mas ao chegar à cozinha falou:

- A propósito, Marcos tem uma filha, ele irá trazê-la hoje, para que se conheçam.

Como se já não bastasse uma irmã mais nova, agora terei duas.

Decidi voltar à minha leitura, de onde havia parado no dia anterior.

    Conforme me envolvia com o livro, o tempo passava sem que eu notasse. Mais uma vez tive minha leitura atrapalhada pelo toque da campainha.

Minha mãe estava deitada em seu quarto, então fui atender, estava novamente sem camisa, mas decidi ir de toda forma.

- Noah, boa tarde! Era Marcos, após um breve comprimento, o convidei para entrar. Quando ia fechar o portão, tive talvez a maior surpresa de minha vida. Aquela garota, não pode ser! O que será que está acontecendo? Só pode ser algum tipo de maldição, agora tenho certeza!(pensei) Ela me olhara com espanto. Marcos, notou que nos olhamos diferente, e perguntou-nos:

- Ah, então vocês já se conhecem?

- Não, não. É que achei que você teria vindo sozinho. Tentei disfarçar meu espanto brevemente.

    Adentramos a casa aos poucos, Marcos fora na frente, a garota e eu, ainda sem nome, ficamos para trás.

- O que está acontecendo aqui? Puxando-me pelo braço ela me perguntou.

- Eu também não sei, e a propósito. Ainda não sei seu nome. Se isso for mesmo continuar, preciso saber seu nome!

- Thaís, meu nome é Thaís! Quem iria imaginar.... Você e eu, irmãos.... Mas que saco!

Minha mãe e Marcos nos chamaram para organizar o jantar. Thaís e eu ficamos responsáveis pelas saladas e o suco.

    Com a mesa organizada, sentamos e nos preparamos para jantar.

- Então Noah, já vi que se conheceram lá fora. Marcos disse-me sorrindo.

- Sim, nos apresentamos, assim que entraram. Thaís continuara calada, ela realmente não gostava de conversar.

- Então Noah, você e Thaís são da mesma idade né?! Minha mãe perguntara com um sorriso no rosto.

- Sou mais velha na verdade, Denise. Thaís finalmente rompera seu eterno silêncio.

    Ao terminarmos de jantar, decidi que hoje lavaria a louça. Vinte minutos depois, voltei ao meu quarto, Marcos se despedira, ele e Thaís retornaram para sua casa.

É... Minha vida está realmente, parecendo uma caixinha de surpresas.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...