História Just one more episode, honey! - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias EXO
Personagens Lay, Suho
Tags Layho, Projeca, Projeca7, Shidai, Sulay, Yaoi
Visualizações 35
Palavras 732
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Fluffy, LGBT, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Yaoi (Gay)
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Prontinho, aqui estou eu de novo! (Atrasada como sempre, mas eu tô tentando melhorar kkkk/cry)

Essa crônica acabou de sair do forno, fresquinha e cheia de açúcar e Junmyeon manhoso pra vocês.
Ah, tem um spoilerzinho de Riverdale aqui, então se você ainda não assistiu, pula o spoiler que nem o Mário #piadista

Vamos que vamos, boa leitura! 💕🍒

Capítulo 1 - Kim Junmyeon, o mais jarchie shipper.


Junmyeon e Yixing se conheceram no oitavo ano. Yixing tinha acabado de chegar na Coréia e era aluno novo na escola de Junmyeon. O coreano o achou bonito logo de cara, mas ficou com medo de ele não gostar de meninos, então resolveu que seriam apenas amigos. Porém, passaram-se alguns meses e Yixing simplesmente não aguentou mais a vontade.

Mesmo nervoso, beijou Junmyeon atrás da escola, finalmente contando que tinha um crush nele desde o primeiro dia de aula, quando o coreano ofereceu um pedaço de bolo de sorvete sabor napolitano na hora do lanche.

Respirou aliviado quando Junmyeon disse que correspondia seu crush, então eles mataram a aula de matemática para trocarem carinhos, tomando cuidado para que o inspetor Kim não os pegasse no flagra.

Eles ficaram por mais um tempo, até que finalmente decidiram namorar. Porém, quando ambos começaram o nono ano, Yixing teve que mudar de escola, uma mais perto de sua casa. Mas isso não impediu que de vez em quando o moreno levasse uma fatia de bolo junto com um beijo doce no portão da escola dele.

Naquela noite, uma das únicas que eles conseguiram ficar juntos porque o coreano estava estudando demais para a prova final de matemática daquele ano e Yixing estava empenhado tentando convencer os pais a deixar que ele fizesse o primeiro ano na mesma escola do namorado, eles estavam tendo uma “discussão” (insira aqui muitas outras aspas) cheia de manha.

— Mas, Yixing, eu quero saber o que acontece agora que o FP foi preso! Só mais um episódio, amor!

Junmyeon falou um pouco alto, os braços cruzados e um bico adornado nos lábios, parecendo muito mais uma criança do que um adolescente de quinze anos.

Ele e Yixing estavam desde às cinco da tarde maratonando Riverdale e já tinham tomado sustos, já tinham rido muito, se impressionaram com a maquiagem sempre perfeita da Cheryl e já tinham se perguntado porque o Jughead não tinha pelo menos dado um selinho no Archie. A questão era que já passava das onze e meia da noite e Junmyeon precisava urgentemente ir dormir se não quisesse acordar tarde, perder a prova e ter seu celular e seu computador tirados pela sua mãe.

— Nada de “Mas, Yixing”, Myeon! Você precisa dormir e eu não quero que sua mãe não te deixe mais vir pra cá porque eu fiz o filho dela perder a prova mais importante da vida dele — disse, um bocejo escapando da boca. Junmyeon não deu o braço a torcer e até empinou mais o nariz, virando-se para o outro lado e se cobrindo com o lençol até a cabeça.

— Amor, é sério, na Netflix não tem a segunda temporada e eu tô com medo de pegar vírus no computador. E eu sei que quando você fala que quer ver só mais um episódio, nós acabamos vendo a série inteira — falou, na tentativa de fazer ele dar um sorrisinho, mas nada.

Foi então que, depois de um suspiro, Zhang Yixing, com seu sorriso travesso e sua mente maquiavélica de dezesseis anos, sorriu ladino. Conhecia seu namoradinho com a palma da mão e sabia direitinho o que fazer para deixá-lo todo manhoso.

Chegou perto de mansinho e retirou a parte do lençol que cobria a cabeça de Junmyeon e deixou um beijo nos fios castanhos, rodeando a cintura do namorado e sussurrando no ouvido dele todo carinhoso:

— Bebê, não fica assim não… Amanhã a gente assiste mais, tudo bem? Você termina a prova e eu vou te buscar. Hum, meu anjinho? — falou, ciente que Junmyeon gostava demais quando ele lhe chamava de bebê e anjinho. E ainda sabendo do ponto mais sensível do namorado, deixou um selinho doce no pescoço do moreno. Percebeu quando ele se arrepiou todo.

Junmyeon virou, se soltando dos braços de Yixing e o fitou. Ele sorria com os olhos fechados, em uma expressão fofa que foi um dos motivos que contribuíram para que o coreano começasse a nutrir aquela paixão pelo chinês e suspirou, sorrindo de canto e cruzando os braços de novo.

— Só aceito esse acordo se você não for que nem o Archie ou o Jughead que claramente tem uma paixão secreta um pelo outro e não querem se beijar. Eu exijo muitos beijos, Xing.

Yixing riu alto e abraçou o outro, deixando beijinhos por todo o rosto e boca dele enquanto escutava as risadinhas fofas que tanto amava.


Notas Finais


Eu sou uma das jarchie shippers mais triste, queria pelo menos um selinho, te entendo Junmyeon :'')
Essa sulay foi muito boa e fofinha de escrever, tô feliz pra carambolas <3

See you tomorrow, Akemi! 🍦💕


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...