História A Pétala de Sangue - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Saint Seiya
Tags Ação, Aventura, Drama, Fantasia
Visualizações 10
Palavras 518
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Fantasia, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Saga

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Este é o começo da história, só o começo.

Capítulo 1 - Sem sombra, não há luz.


Fanfic / Fanfiction A Pétala de Sangue - Capítulo 1 - Sem sombra, não há luz.

Nas planícies orientais do leste, os anões elfos preveem o mal se alastrando novamente, eles afirmam que a profecia tão temida se cumpra!!! 

Lina- Rei!!! á noroeste, foram avistados goblins negros vagando naquela região.

Rei- Mas eles não teriam desaparecido por causa do "Carvalho Sangrento"?- diz perplexo 

Lina- Aparentemente- afirma Lina

Rei- Era como eu pensava, o grande dia da promessa final vai se cumprir, Lina, do que adianta haver estrelas no céu brilhando, e mesmo assim haver escuro? Saiba, que a luz só existe por causa da sombra, assim como a verdade só existe por causa da mentira, um complementa o outro.

Lina- Sim Rei, mas, o que faremos agora?

Rei- Quero, que ordene á "Milésima Corte", que vá até Laugardalur, para buscar os 8 anões, você sabe de quem eu falo.

Lina- Eu acho isso um erro, porque não faz sentido colocar a vida de todos logo nas mãos deles!!!

Rei- Mas você não é o Rei anão elfo, é?

Lina- Não...

Rei- Então, vá logo, não temos tempo á perde, pois nosso futuro depende disso!!!

Então Lina sai da sala do Rei, e vai imediatamente ao encontro da "Milesima Corte".

Milnour-Hal- Eu aposto um barril de cerveja que desta vez eu ganho.

Ekdal- Eu já te avisei antes, vai ser a quinta vez que eu ganho.

Milnour-Hal- Desta vez vai ser diferente...

Lina- Como as outras 4? Eu achei que os três componentes da "Milésima Corte" teriam coisa mais interessantes para fazer enquanto não estão lutando.

Edgar- Lina, pode falar, o que é desta vez?

Lina- O Rei ordenou que vocês buscassem os 8 anões.

Ekdal- Primeiro: por que nós temos que buscar eles? é praticamente um dia de viagem, e segundo: por que?

Lina- Algo grande logo vai acontecer, e o Rei deposita sua confiança neles.

Milnour-Hal- Algo grande? eu não quero nem saber, se vão deixar eles lutar em nosso lugar, então seria melhor morrer agora!

Lina- Mas você é o Rei anão elfo?

Milnour-Hal- Não...

Lina- Então, se aprontem logo, as ordens são para vocês partirem á meia-noite.

E assim foi, partiram á meia-noite, ao amanhecer, no começo do dia, acabaram entrando em uma cidade que estava realizando um torneio, o Crepúsculo Escarlate, atravessaram rapidamente o centro da cidade, mas quando iriam sair um mago os parou e disse:

Mago- Hora, Hora, parece que temos estrangeiros em nosso meio.

Ekdal- Deixe-nos passar e ninguém se machuca.- fala calmamente.

Mago- Olha à sua volta, você está cercado, mas, eu como um bom amigo dos viajantes quero lhes fazer uma proposta.

Ekdal- Fale, se assim você vai deixar-nos passar.

Mago- Vocês três lutarão no torneio, se ganharem, levarão consigo 5 barris da cerveja da lua e poderão passar livremente, mas, se perderem eu os transformarei em móveis de madeira- ( cerveja da lua é a bebida tradicional do torneio ).

Milnour-Hal- Porquê móveis? não faz sentido, você podia transformar a gente em tanta coisa, mas logo móveis?

Mago- Sim, é por que eu preciso de móveis de madeira em casa para colocar meus os troféus novos, mas e agora, vocês vão aceitar ou não?!

 

 


Notas Finais


Gente, os capítulos serão lançados entre sexta e segunda, nesse intervalo de tempo todas as semanas serão lançados um capítulo novo.
Obrigado por tudo, até a próxima semana!!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...