História K-Hip-Hop Imagines - Capítulo 11


Escrita por: e Z-Z-Z-I-C-O

Postado
Categorias Beenzino, Crush, Dok2, Dynamic Duo, GIRIBOY, GRAY, Jay Park, Kim Hyun-Jung "Hoody", LOCO, Mad Clown, Simon D., Zico, Zion.T
Personagens Beenzino, Choiza, Crush, Dok2, Gaeko, GIRIBOY, GRAY, Jay Park, Kim Hae-sol "Zion.T", Kim Hyun-Jung "Hoody", LOCO, Mad Clown, Simon Dominic, Zico
Tags amoeba culture, Aomg, Bewhy, Bobby, Dean, Hoody, Jay Park, Mino, Ugly Duck, Ziont
Visualizações 625
Palavras 871
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Musical (Songfic), Romance e Novela, Suspense, Terror e Horror, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi oi genteeeee, olha eu de volta depois de um tempo, sorry povo estava sem net :' mas amanhã saiu outro cap ( oq na vdd é hj já q eu estou postando esse de madrugada)
Então esse foi um pedido da Intoyouxs espero que gostem
Boa leitura <3

Capítulo 11 - Imagine Hash Swan(cute)


Fanfic / Fanfiction K-Hip-Hop Imagines - Capítulo 11 - Imagine Hash Swan(cute)

"Vamos logo amor eu quero ver a casa nova" Eu disse ansiosa indo até o carro.

"Espera eu estou procurando as chaves do carro" Deok disse

"Aish! Está em cima do balcão da cozinha" Eu disse gritando já dentro do carro impaciente.

"Achei, agora podemos ir" Ele disse entrando no carro me dando um sorriso no qual eu retribuí extremamente ansiosa

Entramos no carro e Deok logo deu partida. Estávamos indo visitar nossa nova casa, essa era a primeira vez que eu estava indo lá, Deok já tinha ido para arrumar tudo e me  fazer uma surpresa. Chegamos na casa, a qual era extremamente grande para só duas pessoas, ela não chegava a ser um massão mas era grande mesmo assim.

"Essa casa é muito linda, valeu a pena esperar você escolher, obrigada meu anãozinho" Eu disse sorrindo, pulei no pescoço de Hash o abraçando fortemente quase nos fazendo cair no chão

"Por nada, sua girafa" Ele disse me retruca do por eu ter o chamado de anãozinho, o que não gostava nem um pouco ignorei seu comentário com um sorriso.

"E quando vamos nós mudar?" Perguntei transbordando de felicidade.

"Daqui a uma semana ainda falta alguns detalhes para reparar na casa" 

"Tipo o que?"

"Falta movermos alguns móveis para o nosso quarto" Deok disse enquanto me mostrava outras partes da casa.

Entramos no último cômodo que ele iria me mostrar que era o quarto de hóspedes, ele era muito bonito e arrumado, mas tinha uma coisinha ali que realmente me incomodava.

"Baby vamos trocar a cor dessa parede?" Perguntei a Deok 

"Porque?"

"Não sei, ela não combinou muito com o quarto, vamos pintar de branco"

"Ok" Ele disse analisando o quarto junto comigo.

Baguncei levemente seus fios enquanto sorria para ele, que deixou suas bochechas levemente rosadas de raiva e timidez, pois ele não gostava quando eu o provocava por causa de sua altura, o que eu adorava fazer.

“Ok, vamos precisamos comprar as tintas” Ele disse se desvencilhando de meus dedos e indo em direção a porta com passos pesados, o acompanhei ficando ao seu lado passando meus braços pelos seus ombros o puxando para mais perto de mim

“Baby não fique bravo é só um brincadeira” Eu disse sorrindo enquanto apertava suas bochechas, eu amo o provocar por causa de sua altura, já que eu sou relativamente maior do que Deok, ele ficando sem jeito com as bochechas levemente rosadas e irritado, eu adorava aquilo, o jeito dele de ficar envergonhado fazia meu coração ficar tão aquecido com todo aquela fofura.

Deok não me respondeu, apenas continuou andando até entrarmos no carro, quando entramos deixei um rápido selado em seus lábios enquanto estava colocando o cinto de segurança.

“Baby você vai mesmo ficar irritado por causa disse, você sabe que eu gosto de você do jeito que é” Eu disse sorrindo e logo depois dando um selado demorado nele, hash deu um pequeno sorriso e logo seguimos para comprarmos as tintas.

Nós já tínhamos acabado de pintar o quarto, eu só estava fazendo um pequeno acabamento perto do teto onde o pincel não alcançava, Deok estava ao lado da escada onde eu estava, quando fui descer acabei escorregando, hash que estava do lado tentou me segurar mas acabou caindo junto comigo.

Quando o susto de eu quase ter metido a cara no chão passou eu saí de cima de Deok ficando ao seu lado.

“Eu quase esmaguei você” Eu disse rindo.

“Você acha? Eu virei uma panqueca!” Hash disse gemendo algumas vezes de dor

“Eu não sou tão gorda assim para te esmagar” Eu disse rindo de sua cara

Deok saiu do quarto indo em direção a sala no andar de baixo, com um pouco de dificuldade já que ele machucou um pouco, eu me senti um pouco mal de ter o machado. Fui até a cozinha pegando o kit de primeiros socorros e voltei para a sala sentando do lado de hash no sofá

“Que lugar está machado?” Perguntei meio preocupada

“Eu não estou tão machado assim, não precisa disso” Ele disse teimoso

“Anda baby me fale, eu vou me sentir mal por ter te machucado só porque eu sou extremamente desastrada”

Deok colocou seus pés em minhas pernas mostrando o local que estava ferido, ele tinha torcida o tornozelo, não era algo tão grave mas me fez ficar extremamente mal, fiz um pequeno curativo, quando terminei hash deitou-se colocando sua cabeça em meu colo, comecei a brincar com seus fios fazendo um pequeno cafuné

“Baby não fique chateada não foi tão grave” Eu nada respondi e continuei mexendo em seus cabelos. “E você? Se machucou” Apenas fiz um não com minha cabeça, ele suspirou “Que bom” disse acariciando minha outra mão

“Você acha mesmo que eu iria me machucar se eu tinha meu anãozinho para amortecer a minha queda” Eu disse rindo

“Eu já falei para não me chamar de anão”Hash disse fingindo estar bravo

“Mas você é”

“Eu não sou baixinho, é só você que é alta demais” Ele disse fingindo ficar emburrado

“Ata sei” Disse sorrindo, selei nossos lábios com um beijo demorado, quando separamos nós dois estávamos com sorrisos bobos no rosto

“Eu te amo minha girafa”

 

 

 

“Eu também te amo meu anãozinho”

 

 

 


Notas Finais


Então foi isso, espero que tenham gostado, me desculpem pelos erros e por ter demorado a postar
Não se esqueçam de fazer pedidos bjs❤^^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...