1. Spirit Fanfics >
  2. KakaSaku - Meu Vizinho é a Minha Tentação >
  3. Capitulo 21

História KakaSaku - Meu Vizinho é a Minha Tentação - Capítulo 21


Escrita por:


Notas do Autor


Olá, espero que gostem 🌸

Boa Leitura 💕

Capítulo 21 - Capitulo 21


Fanfic / Fanfiction KakaSaku - Meu Vizinho é a Minha Tentação - Capítulo 21 - Capitulo 21

Kakashi On:

Finalmente o dia do casamento chegou, eu dormi no meu apartamento junto com o Gai porque a Hinata e a Ino dormiram no apartamento da Sakura com ela para ajudar ela a se arrumar, eu acordei cedo e fiz um café da manhã para mim e para o Gai, decidi fazer algo para ela também, então preparei o que ela gostava de comer no café da manhã e fui até o apartamento dela tocando a campainha.

Ino: O que foi? Não pode ver a noiva antes do casamento!

Kakashi: Eu só vim entregar isso!

Eu dei a sacola pra ela e ela agradeceu fechando a porta, eu voltei para o meu apartamento e comecei a comer sem o Gai que estava dormindo ainda, de repente eu comecei a me sentir mal pelos pais da Sakura não presenciarem esse momento especial na vida dela e basicamente era culpa minha eles não estarem presentes hoje.

Gai: O que foi? Você parece triste, não quer se casar?

Eu me assustei com ele ali parado me olhando.

Kakashi: Não!

Gai: Não?

Kakashi: Não é isso, eu quero me casar sim!

Gai: Ah por um minuto eu achei que você ia fugir!

Kakashi: Nem pense nisso!

Gai: Então o que te atormenta?

Kakashi: O lance com os pais dela, me sinto mal por eles não estarem lá!

Gai: Entendo, mas isso não é culpa sua, meu amigo!

Kakashi: Será mesmo?

Gai: Mas é claro que não!

Kakashi: Eu acho que poderia ter feito algum esforço naquele dia para eles me aceitarem, eu não sei!

Gai: Olha, se eles não te aceitaram é porque eles não sabem o que estão perdendo, um cara legal como você é difícil de se achar!

Kakashi: Sei lá!

Gai: Só falta você dizer que vai atrás deles de novo!

De repente uma ideia passou pela minha cabeça, eu poderia pelo menos uma ultima vez tentar acertar as coisas e fazer uma surpresa para a Sakura, eu fui até o meu quarto trocando de roupa e peguei as chaves do carro.

Gai: Aonde você vai?

Kakashi: Vou falar com os pais dela!

Eu abri a porta do apartamento e sai correndo, peguei o elevador até o estacionamento e entrei no carro indo até a casa dos pais dela, alguns minutos depois eu estacionei o carro na frente da casa deles, respirei fundo e apertei a campainha, a mãe dela se assustou quando me viu.

Mebuki: Kakashi?

Kakashi: Oi Sra. Haruno, posso falar com vocês?

Kizashi: O que você quer?

O pai da Sakura apareceu atrás da mãe dela me olhando sério.

Kakashi: Eu queria falar com vocês, posso entrar?

O pai dela deu as costas e a mãe me convidou para entrar, nós três fomos até a sala.

Kizashi: O que você quer?

Kakashi: Bom, primeiro eu peço desculpas se naquele dia eu fui um pouco grosso com vocês, eu não tinha nenhuma intenção de fazer isso!

Kizashi: Eu acho que você deveria estar preocupado com seu casamento do que conosco!

Kakashi: É por isso que estou aqui!

Mebuki: Como assim?

Kakashi: Eu sei que vocês não me aceitam pelo fato de eu ser mais velho que a Sakura alguns anos, mas como eu disse da ultima vez eu amo ela e quero estar com ela o resto da minha vida, eu não sou esse tipo de cara que sai ficando com uma e com outra, eu realmente quero a Sakura como esposa, mas não posso ficar tranquilo em saber que você não vão me dar a mão dela em matrimonio!

Kizashi: E o que quer que eu faça?

Kakashi: Eu não sei, eu só senti a necessidade de vir até aqui abrir o meu coração para vocês, ela não sabe que estou aqui! Eu não quero que em um momento tão especial assim ela se sinta sozinha, eu sei como é isso e não quero que ela passe por isso sem vocês ao lado, eu não tenho pai e nem mãe para comemorar comigo todas as coisas boas na minha vida e nem para me consolar nas coisas ruins!

Mebuki: Acho que você tem razão, não podemos fazer isso com a Sakura, Kizashi ela é nossa única filha!

Ele não respondeu nada e eu me dei por vencido.

Kakashi: Eu espero que algum dia vocês possam mudar de ideia e espero que não seja tarde demais, a Sakura está sofrendo com isso!

Eu me levantei e sai da casa deles, voltei para o meu apartamento e o Gai me olhou curioso.

Gai: E aí, como foi?

Kakashi: Eles não mudaram de ideia!

Gai: Pelo menos você tentou, não fique assim!

Eu respirei fundo e bom, eu tinha um casamento daqui algumas horas, então eu fui tomar banho e esperar o resto do pessoal chegar, Rin ficou de trazer meu terno em casa e eu estava esperando enquanto o Gai se arrumava, a campainha tocou e eu abri.

Rin: Desculpa a demora, o trânsito está surreal!

Obito: Você tem que se apressar Kakashi, está quase na hora!

Rin: Enquanto vocês se arrumam eu vou ver como está a noiva!

Kakashi: Obrigado Rin!

Ela sorriu e saiu do meu apartamento tocando a campainha do apartamento da Sakura, eu fui até o meu quarto e comecei a me trocar, após me trocar eu olhei no espelho e um sorriso bobo me invadiu com orgulho.

Obito: A garota te pegou de jeito heim!

Kakashi: É, parece que sim!

Gai: Kakashi, tem alguém querendo falar com você!

Quando eu sai do quarto para ver quem era, eu vi a mãe e o pai da Sakura me esperando na sala, eu fui até eles.

Kizashi: Espero que ainda possa nos aceitar como sogros em seu casamento!

Kakashi: mas é claro que sim!

Eu fui até eles e a mãe da Sakura me abraçou e o pai dela sorria.

Kakashi: Ela vai ficar surpresa em vê-los e muito feliz também!

Kizashi: Espero que não seja tarde para conversarmos!

Kakashi: Nunca é tarde para conversarmos!

Mebuki: Você está lindíssimo!

Kakashi: Obrigado, vocês também!

Kizashi: Bom, eu ainda estava pensando em ir ao casamento de vocês, então nós alugamos nossas roupas a alguns dias, mas quando você foi lá em casa hoje eu tive certeza de que precisava dar esse apoio a minha única filha!

Kakashi: Fico feliz que tenham mudado de ideia!

Obito: Sem querer interromper, mas o noivo tem que chegar na igreja as 16:30 para receber os convidados!

Kizashi: Claro, então vamos indo!

Obito: Podem ir na frente, eu vou chamar a Rin!

Nós assentimos e o pai da Sakura queria fazer uma surpresa pra ela quando ela chegasse na igreja ver ele e a mãe lá, a mãe dela se ofereceu para entrar comigo e eu aceitei, quando chegamos na igreja já tinha muitas pessoas lá nos esperando.

Padre: Por um momento eu achei que você tinha fugido!

Kakashi: Jamais padre, essa mulher é o sonho da minha vida!

O padre riu e eu tive que cumprimentar todos que estavam ali até que a Sakura chegasse, meu celular começou a tocar e era o Obito.

Kakashi: Oi, cadê você?

Obito: Olha, já avisa todo mundo pra se preparar aí, eu estou levando a Sakura!

Kakashi: Ta bom, pode passar o telefone pra ela?

Eu o ouvi respirar fundo e ficar silêncios alguns segundos logo ou ouvi a voz dela.

Sakura: Kakashi?

Kakashi: Oi meu amor, recebeu o café da manhã?

Sakura: Recebi sim!

Kakashi: É assim que vou te tratar todos os dias da minha vida, nunca se esqueça que você é a minha maior felicidade!

Sakura: Eu te amo tanto!

Kakashi: Estou te esperando no altar!

Sakura: Já estou chegando e você não vai ter mais como fugir!

Kakashi: Nem se eu quisesse!

Obito: Certo, chega de romantismo, já estamos chegando!

Eu ri e assenti desligando o telefone, eu avisei todos e eles tomaram seus lugares, quando eu vi o carro do Obito estacionar eu entrei com a mãe da Sakura indo até o altar com o coração quase saindo pela boca.

Sakura On:

Eu pude vê-lo um pouco de longe assim que eu cheguei, ele estava lindo e eu acho que vi minha mãe ao lado dele ou era impressão minha? Deve ser impressão minha mesmo já que eles não viriam ao nosso casamento, de repente me senti triste mas ergui a cabeça e sai do carro com ajuda da Hinata e da Ino.

Kizashi: Você está linda querida!

Meu corpo se arrepiou por inteiro ao ouvir aquela voz familiar, era o meu pai bem na minha frente me olhando com um sorriso no rosto, as lagrimas encheram meus olhos.

Sakura: Pai, não acredito que você veio!

Kizashi: jamais poderia deixar minha princesinha de lado em um momento como esse!

Nos abraçamos e a Ino me ajudou a limpar algumas lagrimas que escorreram para não manchar a maquiagem, nós fomos até a entrada da igreja e as portas se abriram para mim entrar com o meu pai, o Kakashi começou a chorar no altar e eu quase chorei ao ver aquilo.

Kizashi: Cuide dela!

Kakashi: Pode deixar!

Padre: Boa tarde, estamos todos aqui hoje para celebrar a união de duas pessoas que se amam e que decidiram oficializar esse amor perante deus e perante a todos vocês que estão presentes, convido os noivos a expressarem seus sentimentos.

Kakashi: Eu, Kakashi Hatake prometo estar contigo na alegria e na tristeza, na saúde e na doença, na riqueza e na pobreza, amando-te, respeitando-te e sendo-te fiel em todos os dias de minha vida, até que a morte nos separe!

Ele colocou a aliança no meu dedo e beijou a minha mão.

Sakura: Eu, Sakura Haruno prometo estar contigo na alegria e na tristeza, na saúde e na doença, na riqueza e na pobreza, amando-te, respeitando-te e sendo-te fiel em todos os dias de minha vida, até que a morte nos separe!

Eu coloquei a aliança no dedo dele e beijei sua mão também.

Padre: Eu vos declaro marido e mulher, pode beijar a noiva!

Ele passou uma mão pela minha cintura e me puxou para um beijo lento e apaixonado.

Obito: Deixa pra fazer isso mais tarde quando estiverem sozinhos!

Nós nos separamos rindo e logo todos me vieram nos cumprimentar e fomos até o salão que era próximo da igreja para celebrar o casamento.






Continua.....


Notas Finais


Espero que tenhan gostado e até o próximo capitulo 🌸💋....


🚨 Estamos na reta final 🚨


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...