História Keep Me In Mind - Capítulo 1


Escrita por: e BabyShark3510

Postado
Categorias Mamamoo
Personagens Hwasa, Moonbyul, Solar, Wheein
Tags Eric Nam, Krystal, Mamamoo, Moonbyul, Moonsun, Solar, Yongsun, Yuri
Visualizações 324
Palavras 900
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Famí­lia, Ficção Adolescente, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Universo Alternativo, Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


aaaaaa
Essa é minha primeira vez escrevendo uma fic, então por favor, tenham piedade dessa pobre garota T^T.

Não fiquem esperando que eu atualize, já que essa pode ser uma falha tentativa de fazer algo "útil"

Anyway, Boa leitura ^^

Capítulo 1 - Night one


E lá se vai mais uma noite solitária e fria, que poderia estar quente e muito bem acompanhada por certa pessoa, cujo Byul amava mais que tudo.

Moonbyul se encontrava mais uma vez em seus devaneios com seu celular em mãos, prestando atenção em absolutamente nada do que sua mãe falava pelo telefone.

ligação on

 "...então você não quer ir mesmo conosco, minha filha? Vai ser tão divertido, poderia até convidar uma amiga sua, como ela se chama mesmo? YongSun?"

De repente, Byul com sua expressão triste e seus olhos quase a lacrimejarem se encontram agora cintilantes e vívidos ao ouvir o nome da pessoa que acabara de deixar abalada com uma simples frase.

Se recordou então de minutos antes de sua mãe ligar.


Você: yong??? ta aí??? por que não me responde minhas mensagens?? eu fiz algo errado?

Yong: sai!! não fala comigo nunca mais, eu te odeio tanto!!!

Você: olha, entendo que não queira falar comigo, só não gosto daquele garoto. O que tem de errado em falar de como esse cara só te deixa mal? Você é a única que não vê! Eu só quero te ajudar.

Yong: que tal ajudar ficando bem longe de mim?!

A loira leu o que seria a última conversa da noite com sua melhor amiga ㅡ ou melhor, ex melhor amiga. Não acreditava no que estava acontecendo, simplesmente não aceitava que estava sendo trocada por um garoto.

- "Alô?? Moon Byulyi?? me resp-"

 "Mãe, eu não quero ir!" aumentou o tom de sua voz sem perceber. "Desculpa, só quero ficar em casa esse final de semana, por favor tente me entender pelo menos uma vez! Divirta-se com Yerin e appa. Vou ter que desligar agora, então, beijos e boa viagem..."

Encerrou a chamada antes que sua mãe pudesse falar algo ou de até mesmo se despedir de sua filha. Agora com seus pensamentos voltados a sua melhor amiga, se encontrava mais uma vez perdida.

Byul gostava dela, só não queria admitir pra si mesma, até porque não saberia como se expressar ou de como sua melhor amiga reagiria. Mas além disso tudo, Yongsun namorava um garoto, o que deixava bem claro sobre sexualidade.



Medo.


Moonbyul tinha medo, medo de acabar sozinha como sempre, medo de perder mais uma vez sua melhor amiga, medo de se apaixonar mais ainda pelo jeito doce e meigo de Yong...

Queria poder beijá-la sem esse medo, queria aquela garota mais que tudo! Seria melhor se ela não tivesse um rapaz gentil e carinhoso cuidando dela.

Pela opinião de outras pessoas, Eric era um cara legal e gentil, já na opinião Moonbyul era um cara babaca, medíocre, se fazia de "bonzinho" da história só para ganhar mais atenção, brincava com os sentimentos de outras meninas ㅡ e estava prestes e disposto a fazer novamente; resumindo: Moonbyul o odiava, principalmente por estar com Solar, o apelido de YongSun.

Byul interrompe seus pensamentos e vai em direção ao banheiro. Precisava de um banho e relaxar depois do longo dia de trabalho na cafeteria. Um tempo só pra ela seria ótimo..se não estivesse só a tanto tempo.

No auge da juventude de seus dezessete anos, Moonbyul já estava cansada.

Havia perdido a conta de quantas garotas tinha se relacionado na intenção de esquecer quem ela realmente amava. O resultado era sempre o mesmo: nunca dava certo. Sempre que terminava um relacionamento saía com seu coração em pedaços, não pelo término e sim, pelas palavras ditas por elas.

Achava que tudo o que elas diziam era verdade; que ela nunca encontraria alguém e que não era uma boa pessoa para se relacionar, entre outras coisas que acabava deixando-a triste e desmotivada a encontrar alguém novamente. Ou melhor.. ficar com quem realmente queria: Solar.

Após terminar seu banho, a loira coloca um dos seus incontáveis pijamas; adorava usá-los. Cada um tinha seu próprio dia para ser usado e também dependia de como estava o seu humor no final do dia. Se pudesse trabalhar sem seu uniforme, sem pensar duas vezes escolheria um dos seus melhores pijamas para atender os seus clientes e preparar um belo café!

Acabou por escolher um pijama preto, pois não estava lá em um dos seus melhores dias; usava preto somente em uma ocasião: noites solitárias.

Apesar de triste e cansada, deixou seus pensamentos e sentimentos mistos de lado e acabou por deixar-se pegar no sono.


● ● ●


Já era de manhã em Seul, desde a noite passada, ainda continuava a chover, só que agora bem mais forte que antes. Byul se perguntara o por quê de estar tão frio, mas lembrou brevemente que estavam prestes a entrar na estação que mais amava, a primavera. Apesar de curta duração ao longo do ano, era bastante apreciada pela mais jovem.

Moonbyul se espreguiça em sua cama e pensa em tentar mais uma vez falar com sua amiga, não sabia o que aconteceria dali em diante.

Byul rapidamente pega seu celular e abre na conversa com sua amiga.


Yong: que tal ajudar ficando bem longe de mim?!


Aquela maldita frase estava fazendo seu estômago se revirar só de pensar que sua amizade com a morena estaria arruinada se não fizesse a coisa certa, mas mesmo assim se conteve em não chorar, aliás, não queria ficar com uma cara de morta e que não dormiu nada ㅡ o que não era mentira;

Cogitando em digitar com seus dedos que agora se encontravam trêmulos diante de tal ato, a loira começa a escrever o que seria talvez sua chance de ficar com Yonsun.

           Ou talvez, arruinar tudo.




Notas Finais


caaaaara dios mio
eu nao sei como isso surgiu do nada 3hrs da manhã e eu lá super empolgadassa pra escrever, e pá.
ta aí ;-;

obg por lerem a a a a


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...