1. Spirit Fanfics >
  2. Ki no nazo ( Love Live Sunshine) >
  3. Capítulo 1

História Ki no nazo ( Love Live Sunshine) - Capítulo 1


Escrita por: roramarcal

Notas do Autor


Aviso do autor:


Olha eu aqui, bem estou aqui para dar um pequeno aviso.



Tava pensando em fazer uma fanfic na verdade eu queria a muito tempo fazer isso, bem inicialmente é uma fanfic do love live! Sunshine !! E já vou avisando que esses personagens não são meus, provavelmente posso ter mudado um pouquinho os personagens.



É vamos falar sobre os navios, em relação a isso vou tentar variar de diversos ships e não focar em apenas um mais conserteza os personagens vão terminar com alguém claro hahaha.


Espero que gostem e boa leitura.


Byeee.

Capítulo 1 - Capítulo 1


–Capítulo 1

—Hã onde estou? Olho para os dois lados confusa com minha situação.

Parecia um lugar abandonado, com uma grama alta, muito calmo para falar a verdade era rodeado de árvores mais uma delas me chamo atenção, ela ficava separadas das outras em cima de um monte como se fosse a “árvore rainha”, era uma árvore gigante com um tronco bem desgastado sem falar das folhas espalhadas pelo chão.

—Que estranho por que eu me recordo desse lugar...como se eu já tivesse visto em algum lugar.

Começo a me aproximar da tal árvore mais eu tropeço nas raízes.

—eh!!??? Isso já estava aqui? Não lembro de ter visto nenhuma raiz quando me aproximava, que estranho.

 Do de ombros e prossigo com a minha pequena caminhada até a árvore quando finalmente chego até ela, observo que o tronco que tinha falado antes estava realmente desgastado na verdade com vários arranhados tendo algumas iniciais de nomes escritas nela, eu toco e tiro um pouco do casco da árvore que estava na inicial marcada com um C, com isso lá vem de novo o deja vu como se eu já tivesse feito isso mais... como? Sendo que nem sei que lugar e esse.

Escuto um barulho vindo da floresta fazendo eu sair dos meus pensamentos, claro que na hora só faltei morrer de susto com o barulho.

—Quem está aí? Pode já saindo olha que eu tenho anos de treinamento, se fosse você já sairia de onde estivesse se não... pode acontecer o pior. Falo como se fosse um lutador profissional, só que nem dá um soco direito eu sei dar.

E novamente escuto o barulho na floresta só que dessa vez estava do outro lado, me viro para vê o que era....... até que me deparo com uma criatura grande e peluda de cor escura, começo olhar para cima e encontro seus grandes olhos avermelhados, parecia que ele estava olhando para o fundo dos meus olhos como se ele quisesse me falar alguma coisa.

—Mais o que e isso!!???me fasto da coisa.

Mais não adiantou o “monstro” se aproximou para cima de mim em uma velocidade da luz, quem nem deu para fechar os olhos.

—ahhhhhhhh!!!!me levanto com tudo da cama fazendo todos as minhas pelúcias caírem

—Nos-sa ...o...que foi tudo aquilo. Falo tentado recuperar o folego depois do susto que eu tinha levado.

—CHIKA PARA DE GRITA, VAI AFASTAR OS CLIENTES. Diz Mito bastante raivosa com os meus gritos logo de manhã.

—Eu preciso conta para alguém sobre isso e o mais rápido possível!

Me levanto da cama derrubando meus lenções no chão , vou correndo para o banheiro mais volto para pegar uma toalha e minhas roupas que estavam atrás da porta pendurada no cabide, depois dou um banho meio que demorado.

—O Chika o café da manhã já está pronto, desse aqui. Diz Shimanen com uma voz calma mais ao mesmo tempo um pouco alta.

—Café!!!!. Eu estava com tanta fome que qualquer coisa ia cair bem para comer agora.

Abro a porta e Desço com a velocidade do papa-léguas e vou direto para a cozinha, lá estava Shima colocando um prato na mesa, simplesmente pego a primeira fruta que vejo e vou logo para porta para sair de casa.

—Não vai comer !? Grita Mito tentando chamar minha atenção.

Nem liguei para reclamação de Mitonen apenas queria chegar o mais rápido possível para conversa com minha amiga sobre esse sonho louco que eu teve.

Corro até o ônibus que estava começando a sair da parada.

—Ohhh motorista para aí ohhh !? começo a gritar pro motorista para parar o ônibus e quando o automóvel começar a desacelerar e bato a minha cara com tudo na placa de pare.

Depois de tudo isso consigo subir no ônibus.

—A se não e Chika Takami sempre atrasada. Fala o senhor kaseban um velho motorista de Numasu, ele me conhece desde de criança.

—Hehe bom dia pro senhor também kase-chan.

Depois de pagar minha passagem e passar na roleta vejo que não tinha muitas pessoas hoje no ônibus deve ser porque hoje e segunda.

  Vou até o último assento, começo a olhar para a janela parecia um clima ótimo nessa manhã...Até que ônibus para em uma das paradas mais eu já sabia qual era o lugar que o automóvel tinha parado, olho rapidamente para a porta do veículo revelando minha amiga de infância Watanabe You.

—You aqui ! Balançando meus braços no intuito de chamar atenção dela.

— ah ? Se não e Chika ,ohayosoro ! Diz you saudando para mim.

—venha aqui you tenho uma coisa importante para te contar. Bato várias vezes no assento ao meu lado.

—hahaha calma já tô indo. Rir you por conta da minha presa.

You se aproximar de mim e senta ao meu lado

—É aí o que era que tu queria me contar? Diz you com uma cara de um cachorro curioso com o que o dono comprou pra ele.

—bem nem sei aonde eu começo.

—sabe tu pode começar pelo começo hahaha.

—eu sei né you não sou idiota, e porque foi um sonho totalmente doido.

—me fala logo tô quase morrendo de curiosidade. You fala com um bercinho pra eu contar logo.

—ok ok eu conto... Tudo começou em um campo, eu acho que era um campo porque tinha grama mais pera aí tinha árvores também....

—ta Chika entendi era um lugar verde. You me interrompe, pois achava que estava enrolando pra contar o sonho, huf ela que não sabe escutar os meus incríveis detalhamentos na história.

—Posso continuar you, era tu que estava no sonho ou eu??.

—ok ok Chika só continua. You começar a bufar por achar que estou agindo como criança.

—hum só porque tu pediu com gentileza, vou continuar.

De repente o ônibus para em uma parada.

—Ei meninas essa não e a parada de vocês? Kase-chan fala apontando para a porta da frente do ônibus.

—Ahhhhh e mesmo a escola. Falo com desespero correndo com tudo pra sair do ônibus e chegar no horário.

—espera aí Chika. You pegar a sua bolsa e começa a correr junto comigo até a nossa sala.

Corrermos até a nossa sala passando como ninjas pela segurança do conselho estudantil.

—ufa até que fim chegamos na sala. Fala you com a cara encharcada de suor.

—hahaha tu tem que vê a tua cara. Começo a rir da cara da minha amiga que estava totalmente acabada.

— ehh tu já se olhou no espelho hoje. You começar a me atacar com cócegas.

—para you se não vou me mijar hahaha . Começo a sentir que esse era o meu fim, já penso morrer de cócegas.

—hehhe não vou parar. You começar a dar um sorriso malicioso, claramente dizendo que ela só ia para se eu desiste-se.

—cof cof, é conlicença essa e a minha mesa. Do nada ouvimos uma voz um pouco franca e delicada.

Nós paramos o que estávamos fazendo e olhamos para a tal voz e ......era ela a garota que me apaixonei ... Foi no dia da cerimônia e como que não tinha quase nada apenas regras sobre a escola e ect, eu tinha saído mais cedo da escola ,até que no mesmo dia me deparo com ela na praia, apenas olhando para o mar , bem ali já sabia que era amor a primeira vista , nunca tive coragem de dar um oi pra ela, deve ser porque ela e muita ocupada no que faz e não tem tempo pra uma Zé ninguém como eu,ah~ como o amor machucar.

—Oh se não e Sakurauchi Rinari. You sorrir pra garota , pera aí esse era seu nome bem eu faltei no dia que ela veio e não deu pra saber seu nome, até que Rinari e um nome bonito, já posso vê o nosso casamento Rinari você aceita Chika como....

Até que os meus pensamentos são Interrompidos por um grito de raiva.

—É RIKO sua idiota você estava no dia da minha apresentação e ainda por sinal me apresentou a escola, pelo amor tu se faz de idiota ou o que. Diz agora a menina com as mãos nas cinturas encarando You.

—Rinari e Riko tudo a mesma coisa. Diz uma You com 0 de interesse e afastando da pequena briga que estava ocorrendo em cima da minha cabeça.

—Rinari e totalmente diferente de Riko, ah que sabe não tem como dialogar com alguém com um QI menor do que o meu . Agora Riko tinha se virado com os braços cruzados Olhando no canto do olho para You.

—É o que!!???, Pra tua informação meu Ki e mais de oito mil que nem do Goku. You começar a se aproximar e puxar com tudo a roupa de Riko para mais perto, fazendo a distância entre elas sumir.

—Gente eu acho melhor vocês pararem com isso... “Cadê a professora nessas horas , e por falar no demônio não era pra ela está na sala de aula dando aula!!!”.

De repente aparece o diretor com um outro professor, pera esse não e o senhor ichiban o Professor de matemática . Ahhh não matemática não tudo menos isso.

Depois que o diretor chegar todos os alunos se ajeitam em seus devidos lugares e a “briga” que estava ocorrendo agorinha já tinha acabado e elas estavam parecendo anjinhos em seus lugares.

—Olá alunos bom dia a todos.

—BOM DIA DIRETOR. Todos os alunos gritam em uníssono.

—Bem como vocês podem vê a professora Sakurai faltou hoje porque estava doente então o senhor ichiban vai ocupar o horário, ok?

—OK. De novo todos os alunos falam em uníssono.

Porqueeeee!!! Matemática logo na segunda feira isso se chama tortura.


DEPOIS DA AULA (INTERVALO)


—Ahhhhh finalmente e intervalo agora eu posso aproveitar a curta liberdade que temos.

Levanto meus braços para cima e depois eu jogo-os para trás da minha cabeça e encosto minha costa na cadeira, mais meu curto tempo solitário e quebrado por you me chamando.

—Ohhh Chika tu não vai me contar aquele sonho “estranho”. You chega pegando uma cadeira e se sentando nela para poder conversar direito comigo.

—ahh e mesmo hahaha tinha esquecido disso. Começo a coçar a minha cabeça.

—Então eu tava naquele local que eu tinha fala hoje cedo.

—hum...sei aquele que era verde né.

—esse mesmo!!, Aí tinha uma árvore que me chamou atenção eu fui até ela e até que tropeçei.

—Pera ai ,como que tu tropeçou ??.

—Então nem eu sei , parece que tropecei em uma raiz mais confia em mim não tinha nenhuma raiz quando tava aproximando nadinha e depois do nada tinha uma lá isso não e estranho?. Começo a me aproximar de you pra cochichar.

—Bem isso e um sonho pode acontecer qualquer coisa até mesmo isso. You a se afastar da minha aproximação e se encostar na cadeira.

—Verdade e um sonho, mais como tu explica um mostro gigantes com grandes olhos vermelhos em!??. começo a me irritar, por you achar que estou agindo como criança sonhando com o bicho papão.

—E de novo sua imaginação , sabe como que e tua cabecinha cria um monte de coisas, tipo que nem aquela vez que tu pensou que tinha um tubarão NA PISCINA. You tira suas costas da cadeira e se aproxima de mim.

—Bem isso e diferente acredita em mim vai You.

—buf ok Chika só me preocupo com essa tua imaginação, as pessoas não vejam o lado bom das coisas e podem começar a te chamar de doida ou algo do tipo entendi? You sai da mesa e me olhar com um olhar de preocupada.

—Tudo bem caso alguém me chame de doida vão vê a fura do Mikan. Faço uma pose de fight.

—Hahaha ok ok se tu Fala, sabe de uma coisa tem um certo alguém que pode te ajudar com esse sonhos doidos que tu tem. You começar a se afastar da conversa e indo direto para porta.

—Quem??? Me levanto com calma da cadeira pra não ecoar o barulho pela sala.

—Você sabe, o nosso pequeno golfinho. You me olhar no canto dos olhos e sorrir.

—ahh e mesmo kanan ela pode me ajudar , valeu you . Alcanço you e do dois batidinhas em suas costas e saio correndo para o encontrar kanan.

Continua...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...