1. Spirit Fanfics >
  2. Ki no nazo ( Love Live Sunshine) >
  3. Capítulo 2

História Ki no nazo ( Love Live Sunshine) - Capítulo 2


Escrita por: roramarcal

Notas do Autor


Novamente aqui e vamos para o segundo capítulo.

Desculpa se tiver algum erro ortográfico.

Espero que esteja interessante para vocês, pois, para mim tá incrível.

Agora vamos para leitura.

Boa leitura.

Capítulo 2 - Capítulo 2


Capítulo 2

—pera aí eu nem perguntei pra you a onde a kanan tá !?

Paro de correr e começo a pensa a onde exatamente ela poderia está.

— ah claro a sala de aula.

Começo correr até às escadas subindo o mais rápido possível, esbarro em algumas pessoas que firam resmungando, peço milhares de desculpa para cada pessoa que esbarrei.

Até que finalmente chego na sala da kanan, abro a porta fazendo algumas estudantes se assustarem, olho para os dois lados e não a vejo, me dirijo até um pequeno grupo de terceiranistas, vamos lá Chika tem que falar bonito.

—eh conlicença vocês viram kanan ?

—oh ? Matsuura kanan ?

—sim !

— Eu acho que eu vir ela ajudando algum clube. Complementa a outra garota que estava ao meu lado.

— Muito obrigada. Falo me curvando, nessas horas precisamos ser o mais gentil possível mais confesso que isso me deixou muita nervosa.

Saio da sala vou até às escadas descendo até onde fica os clubes.

— ahhh! Como sou burra eu esqueci de perguntar qual é o clube ! , O que resta eu sair perguntando para todos os clubes.

É com isso começo a minha procurar pela kanan, vou exatamente em TODOS os clubes existente em Uronohoshi que minhas pernas começaram a fraquejar.

—ah pela amor aonde tu se enfiou kanan!.

—oh se não é a Chika.

 Até que aparece um grupo de garotas acenando para mim.

— O Kyoko , o que vocês estão fazendo aqui ? Não e para vocês estarem no clube de natação junto com you.

—haha a gente não vive no clube, aliás a atividade do clube e só no final do dia.

—a é mesmo. Fico sem graça na frente das meninas.

—E eu acho que nem vai ter atividade hoje.

—eh parece que alguém tomou uma deteção e vai ter que lavar a piscina todo. Complementa uma das amigas de Kyoko.

— e quem seria esse “ alguém”. Me aproximo das meninas.

—hum? Se não me engana era a kanan-sempai, não era meninas ?

—é eu acho que era mesmo.

— ahhhh ! Agora eu finalmente te achei desgraça!

Saio correndo atrás do clube de natação, porém, paro e me viro para ver o grupo de meninas confusas com meu surto repentino.

—obrigada pessoal ! Balançando meus braços com o intuito delas prestarem atenção para mim.

É com isso elas sorriem e acenam de volta para mim, volto minha atenção para o clube que se localizava no último andar, começa já doer minhas pernas então dou uma pequena caminha acelerando aos poucos.

Até que finalmente por um milagre eu avisto a sala do clube, porém no meio do caminho sou interrompida por algumas vozes.

—ah que calor tinha que ser justo hoje limpar essa piscina. Uma voz que parecia está reclamando pera aí essa voz....

—se tu fechar a boca e focar no trabalho talvez você termine mais cedo. Agora era uma voz mais severa totalmente diferente da primeira.

—Vamos Dia de um descanso pra pobre ela teve que trabalhar o dia todo. Dessa vez a voz parecia mais enrolada.

Quando Finalmente consigo chegar na porta do clube de natação parecia que eu era aqueles cara que correram uma maratona e quando chega já vai cantando vitória mais como vocês sabem nunca se conta vitória sedo demais.

Eu tropeço entre meus pés, (bem foi por causa do cansaço e também porque eu tava levantando meus braços parecendo um vencedor, confesso que as vezes sou idiota mesmo) e caio com tudo na porta , nessa hora só tava rezando que não caísse e abrisse com tudo mais parece que aconteceu tudo o que eu não queria que acontecesse.

—ehh bom dia pessoal.

 Faço uma cara de paisagem tentando esconder uma cara totalmente vermelha por causa do baque.

—ah ok né, alguém conhecer essa garota?. Diz a garota se virando e cruzando os braços para o pessoal.

—ohhh Dia e só uma kohai , olha pra cara dela coitadinha, deve está perdida fala pra Mari-sempai o que você procurar?.

—eh bem tava procurando a kanan. Falo já me levantando do chão e percebendo que esses sempais eram muito altos.

—oh pera aí essa voz eu conheço. Fala Kanan já subindo a escada lateral que tinha na parede da piscina.

—Kanan!! Até que fim eu te encontrei em , cara tu não sabe o quanto que tive que andar nessa escola pra ti encontrar.

—hahaha é mesmo, pelo menos tu perde peso.

—Moe eu não tô tão gorda assim Huf.

—ok ok , vai me fala o que tu que comigo?.

—bem e sobre um sonho que eu tive.

—de novo com esses sonhos esquisitos que tu tem.

—Esse e mais estranho possível acredita em mim.

—Eu não sou muito bom em desvendar sonhos.

—Desculpa me entremeter mais eu conheço alguém que sabe muito bem sobre desvendar sonhos. . Se aproximar uma garota de cabelos loiros.

—a e mesmo aquele clube que a gente foi né. Agora era a vez de Kanan falar e eu lá sem entender o que eles estavam falando.

—oh já sei qual clube vocês estão falando do C.V.C.N.D ,na verdade eles nem são um clube, obrigada Mari tava procurando esse Malandrinhos que criaram um clube sem a provação do conselho.

—calm down~ Dia e só alunos querendo se divertir. Aproxima a loira perto da tal Dia pra acalma-la.

Pera aí conselho será que e isso que eu tô pensando nem a pau.

—Então Chika sobre o sonho tu tem que ir até lá , tipo eu tive um sonho e eles resolveram na hora. Kanan se aproxima de mim e da um joinha.

—É era o que no final.

—bem era um pressentimento ruim e no final era que eu ia tirar uma nota ruim. Kanan começar a lembra e chorar um pouco.

—Nossa que grave e foi em que matéria?. Falo totalmente preocupada com Kanan.

—Foi em matemáticaaa snif.

-ahh me poupe da palhaçada de vocês , só foi pra isso que você veio aqui então pode se retirar. Ela se virar e vai direto pra piscina, mais quando ia chegar na borda da piscina a garota escorregar e cai de bunda, molhando toda a parte de baixo de sua saia.

—buf hahhah tinha que ser a Dia hhhahaa. Agora a loira estava gargalhando da morena.

—oh Dia tá tudo bem aí . Kanan pergunta preocupada com a tal Dia.

—Só me deixa em paz. A morena se levantar e passar entre a gente e sai do clube de natação.

—ohhh Dia era só uma brincadeira. A outra garota a segue.

—Bem e melhor segui-las. Kanan começar a correr atrás das outras.

—pera ai qual é a sala deles!!.

—É no primeiro andar perto do depósito, a antiga sala só clube de chá ! Grita kanan após ter saído do clube.

— obrigada ! Eu grito com o intuito de kanan ter escutado, mais bem provável que não tenha escutado pois ela já tinha ido embora.

Tá legal andar do primeiro ano, não pode ser tão difícil.

Saio do clube de natação e vou até às escadas mais quando ia descer, bate o sinal sinalizando que o intervalo tinha terminado.

—aaah droga qual é.

É com muita frustração subo as escadas e dirijo até a minha sala, abro a porta olho para o lado e vejo que o professor ainda não tinha chegado, vou até minha carteira e me sento.

— Eai encontrou kanan Chika ?. Diz you se ajeitando da carteira que tinha sentado.

—né eu cheguei a encontra-la, mais ela me falou para ir em um tal de clube com um nome mó difícil de pronunciar.

— eh e tu vai ir pra esse clube ?

— e claro que sim you ! Vou finalmente entender melhor o que são esses sonhos malucos que eu tenho.

— bem se tu fala.

— eu vou lá no outro intervalo, eu sei que vou conseguir falar com eles.

E com isso o professor de química o senhor Kisami entra na sala de aula, sinalizando para que todos sentassem e abrissem os livros.

aaah como que eu queria que o tempo acelerasse, também perdi meu tempo correndo pelo Uronohoshi toda procurando a kanan.

DEPOIS DA AULA (INTERVALO)

Depois de muito tempo o sinal toca sinalizando outro intervalo, fazendo todos os alunos levantarem e saírem da sala ou outros que ficavam na sala.

—agora sim! Finalmente posso ir lá.

Me levanto e saio correndo até a porta abro-a revelando Riko assustada com a porta se abrindo do nada.

— aah Riko m-m-me d-desculpa.

— o que foi Chika tá falando que nem um robô ? Diz you se aproximando de mim e Riko imitando um robô ( que poderia ser qualquer coisa menos um robô) e já Riko estava parada na porta tentando entender o que tinha dado em mim.

—conlicença mais tem como sai da frente da porta ? Pergunta Riko já meio impaciente.

—oh viu Chika irritou a gorila. Diz you imitando um gorila e Riko não gostou nada do apelido.

— g-gorila ! Então tu e um mamute !?

— mamute ! Tá me chamando de gorda.

You me afasta de Riko e fica cara a cara com a garota mais alta.

— calma gente.. não precisamos briga vamos dialogar.

— tudo bem Chika não precisa se meter eu consigo resolver isso. Diz you mal encarando Riko.

—ah então o que tu vai fazer em ? Vai me bater Watanabe se tu fizer isso conserteza vai levar uma deteção . Diz Riko intimidando you.

Tento sair de fininho pois não queria entrar em uma encrenca com essas duas, consigo afastar delas saindo pela a outra porta, nem sei como que elas não repararam em mim ou estava mais concentradas em se.

Quando saio esbarro contra alguém que estava andando pelos corredores no exato momento, me desequilibro porém consigo me manter em pé. Depois de tudo isso decido olhar para a tal pessoa e eu tomo um leve susto pois era a mesma garota que estava junto com kanan se não me engano o nome dela era Dia.

—hã ? Tinha que ser tu, aliás que gritaria e essa ?

— eu não sei e não tô envolvido tchau !

— pera ait, agora ficou mais suspeito VOCÊ NÃO VAI SE SAFAR TAKAMI CHIKA.

Saio correndo daquela situação só dava para ouvir Dia gritando horrores para mim... Pera aí o que vai acontecer com elas será que vão levar uma deteção ou pior expulsão, espero que não mais agora eu preciso ir até o primeiro andar a procura do tal clube que já esqueci o nome.

Vou correndo até o primeiro andar, meio que me sinto soberano aqui todos me respeitam e dando bom dia ou me cumprimentando , hehehe só por que sou um secundarista e claro o andar que estou está cheio de primeiranistas.

Chego até a porta do antigo clube de chá, bato na porta no intuito de abrirem para mim mais nada, aproximo meu ouvido na porta e não escuto nenhum som, com isso decido entrar e esperar lá dentro, quando abro... a sala estava vazia não havia ninguém lá dentro então pensei se poderia explorar um pouquinho.

Olho para todos os lados e vejo que tinha um quite de chá numa mesa bem no centro da sala ao meu lado vejo uma instante cheia de livros chatos passo meu dedo na mobila e percebo que estava muito sujo e empoeirado, ando mais um pouco e percebo um quadro todo riscado e um pincel que apenas tinha a cor preta.

Decido pegar o pincel e desenhar um pouco no quadro, desenho pequenos mikans ou até mesmo eu e Riko com alguns corações em volta, fico com um sorriso bobo no meu rosto só pelo fato que desenhei isso.

—oh ? Até que tu e boa desenhando.

—aaaah !

—Pigiii!

Continua...




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...