1. Spirit Fanfics >
  2. Killing me softly - Killing Stalking >
  3. YoonBum - capítulo único;

História Killing me softly - Killing Stalking - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


boa leitura ❣️

Capítulo 1 - YoonBum - capítulo único;


Fanfic / Fanfiction Killing me softly - Killing Stalking - Capítulo 1 - YoonBum - capítulo único;

YoonBum.


Oh Sangwoo, ah, Oh Sangwoo, o tal amado por todos e o "crush" de várias moças, mas entre todas essas pessoas que você sempre foi amado, sempre estive eu. Eu o amo desde o dia em que nossos olhos se cruzaram, os seus olhos escuros conseguiram me dominar e todas as noites meus pensamentos rodeiam a sua imagem.

Quando eu fui para o exército, quase fui abusado, e se não fosse por você, talvez acontecesse a mesma coisa que sempre aconteceu, coisa que meu tio me fez passar tanto tempo...

Por que diabos eu estou na porta de sua casa? Por que insisto em te perseguir como um idiota? Oh... Eu tentei tantas vezes as mesmas senhas, e inúmeros números, mas nunca consigo... Maldito policial, eu estou tão nervoso agora. Após tanto tentar, finalmente consegui entrar.

Ah, finalmente estou dentro. A desculpa fajuta de falar que eu era seu parente de fato os fez acreditar que eu realmente era algo seu, me sinto sujo por isso, mas... Tudo pelo amor.

O seu cheiro é tão bom, Sangwoo, suas roupas e cama tem um cheiro tão agradável para minhas narinas que não me contive em cheirá-las. Porém, o seu porão esconde uma coisa que eu jamais gostaria de ver, um segredo sádico o bastante para custar a vida de quem ousar contá-lo. Ah que merda! Você me viu, me achou nesse porão, e agora, com o ombro machucado e lágrimas nos olhos, eu revelei quem realmente sou, e você se agachou em minha frente, com aqueles olhos que para mim mostrava um alguém bom, amado por todos... Porém esse segredo na qual você guarda em sua alma de alguma forma me assusta, mas meu coração ainda palpita ao ver você tão perto.

***


Você me deixou sair do porão. E agora, como uma vítima de seus surtos e ações inesperadas, eu me mantenho na sua casa. Você diz à mim que sou estúpido por permanecer aqui, mesmo que antes eu tentasse fugir, já não preciso mais disso, eu preciso de você, por favor me use e abuse desse corpo magrelo e sem força alguma. Não, eu não quero sair daqui, por favor sangwoo... eu te amo... se aqueça em meu corpo, mesmo que isso lembre sua mãe que você tanto insiste em me comparar.

Eu não te entendo, Sang. Você me vê em sua mãe ou não? Eu não sou ela, você mesmo me disse, mas por que diabos você ainda me mantém? Por que você entra em mim se você não é um maldito boiola? Por que me beija? Se lembra dos policiais, eu por um segundo acreditei que poderíamos ser um casal comum... Mas logo a verdade veio à tona, você me fez insano o bastante para te amar, te desejar, te querer e chupar você com desejo. Por que você faz isso comigo?

Você é lindo. O seu corpo é perfeito e eu achei que fosse me partir ao meio quando você entrou em mim na primeira vez. Espera... Por que você está aqui dentro com ela?

Ela é melhor que eu? A JiEun te preenche melhor que eu? Mesmo após você me trancar dentro daquele armário e eu escutar você fodendo aquela maldita garota, eu ainda te amo.

Você desejou que eu a matasse? Espera... Eu não senti nada, você se ofendeu com isso? Por que você está me mandando embora? Eu não quero ir! Eu não gosto do mundo lá fora!

***

Saiba que todas as vezes na qual transamos foram especiais pra mim, não foi nada comparável ao meu tio... Então por que você se ofendeu tanto? Eu sei que sou nojento, você não precisa de um alguém como eu, não é? Certo, então eu não preciso mais dessa maldita vida.

Quando eu acordei, eu não estava no inferno, muito menos em qualquer outro lugar sem ser a terra, eu estava ali, na sua cama. Eu estava vivo. Isso foi tão estranho.. é como se quisesse me manter para ser boneco por um tempo, talvez meses, ou anos. Eu não me importo, Sangwoo, meu eu pertence totalmente à você.


Sangwoo... Após você matar meu tio, eu me senti nervoso, ele me fez mal... Isso por acaso é um jeito de demonstrar o quanto você me ama? Ou é apenas mais um dos seus desejos sádicos? Por favor, volte pra casa.. eu estou com medo...!

***

Me desculpe, Sangwoo. Não tive coragem o bastante para matar aquele policial, e agora você está no hospital por causa daquela casa flamejante. Tive que mentir, coisa que me doeu por dentro, eu fui sua vítima, porém, eu não me importaria de ficar até os últimos dias da minha vida daquele jeito. Agora, com seu rosto completamente queimado e deformado pelo fogo, a praga que sua mãe colocou em você se realizou.

Quando fui te visitar naquele maldito hospital, sua vida não estava mais ali. Apenas cinzas naquele pote, não se preocupe, Sangwoo. Eu nunca irei deixá-lo sozinho. Irei até sua casa.

Eu te amo, baby. Você foi quem mais me amou nessa vida, você me fez feliz e insano o suficiente para mesmo após tantas coisas, eu te amar ainda. Oh Sangwoo, sua alma deve estar dançante ao som daquela música que você adorava escutar enquanto eu cozinhava.

Eu vi você quando tive certeza que sua vida não estava lá. O segui, e aquele carro me atingiu. Saiba Sangwoo, fui um pecador como você. Me tornei dependente de você, e no meio dessa dependência, virei um assassino como você.

Eu vivi minha vida em torno de suas palavras, com você me matando suavemente com suas palavras e ações. Você dedilhava seus dedos em mim, me machucando, me amando, e mesmo após tantas dores, por favor, cante essa canção novamente, me machuque suavemente novamente, mesmo que isso aconteça no inferno, por favor, me mate suavemente com sua canção. 

Sangwoo, caso eu for para o inferno, eu espero que podemos nos encontrar lá. Eu não mereço o céu, muito menos você. Por isso, até lá...

Meu querido Sangwoo.


Notas Finais


espero que gostem, faz um tempinho que eu não vejo o manhwa, (acho que é assim que se escreve) então caso eu passar uma visão errada, ou algo que falte, me falem por favor! até mais meus anjos, espero que tenham gostado ❣️


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...