1. Spirit Fanfics >
  2. Kimetsu no Yaiba - Caçador da Escuridão >
  3. Treino pesado

História Kimetsu no Yaiba - Caçador da Escuridão - Capítulo 1


Escrita por:


Capítulo 1 - Treino pesado


Fanfic / Fanfiction Kimetsu no Yaiba - Caçador da Escuridão - Capítulo 1 - Treino pesado

— Yuki você precisa melhorar — dizia mais uma vez Giyu, seu semblante era extraordinariamente assustador — Se quiser sobreviver, você precisará melhorar sua respiração — continuava o mesmo, me encarando friamente — Ou você acha que algum Oni irá lhe oferecer chazinho, enquanto você conta como mataram sua família — ele disse, e não vou discordar, nenhum Oni terá dó de mim. Me levanto um pouco tonto, de certa forma o mesmo não me deixou nem se quer me alimentar — Pare de ficar brincando, falta mais 50 quilômetros para correr, mantenha se em pé, e controle de uma vez a respiração — ele disse por fim voltando a correr.
Sinceramente eu só queria comer, nem que fosse só um pouquinho.
Meu corpo mal aguentava ficar em pé. Giyu não tinha nem um pouco de piedade.

— Isso é realmente difícil de treinar, por que eu tenho que ficar fazendo isso? É apenas perda de tempo, eu quero apenas matar eles! — digo a mim mesmo em meus pensamentos.

Como eu poderia esquecer... Aquela cena que não sai da minha cabeça, minha família toda morta, minha mãe e meu pai estraçalhados, se não fosse pelo Giyu, provavelmente não estaria aqui hoje.
— Vou vingar-los! — digo, correndo em direção ao Giyu.

— Seleção Final | 20 dias depois.

Caminhei durante um tempo, eu estava preparado, não importa como, eu irei matar todos os Onis.
O local era muito bonito por sinal, muitas árvores com uma flor em especial de uma cor muito bonita e chamativa.

Assim que todos chegaram duas menininhas que por sinal nem se quer pareciam humanas e sim marionetes, começaram a falar.
— Vocês terão que sobreviver durante sete dias, com Onis soltos. Quem conseguir sobreviver, simplesmente passa. E aqueles que morrerem não terá volta — elas diziam, então se eu morrer aqui não terá volta para mim.

Isso está fora de cogitação para mim, eu vou matar todos.

Sei muito bem que 7 dias em uma floresta com Onis, é muito perigoso. Mesmo que eu seja penas um novato com isso, eu não irei morrer — penso, fazendo uma expressão irritada.

Todos começaram a sair do jardim com as árvores de flores roxas, também conhecida por Flor da Bruxa, elas expulsa os Onis de um certo território, dizem que é sempre bom estar com uma.
Adentro a floresta, era escura. A luminosidade do dia, desaparece na floresta, as árvores são gigantes, e a neblina toma conta de todos os cantos.

Caminhei, estava tenso. Tudo naquele local era assustador.
Durante os sete dias muitos Onis apareceram, e muitos jovens morreram, gritos rodavam a noite ou dia que parecia noite, durante os dias restantes.
Depois de derrotar alguns Onis que apareceram em meu caminho, contínuo correndo até chegar novamente no jardim das flores.

Ao chegar lá, somente eu e mais alguns participantes apareceram, então muitos morreram, infelizmente.
— Agora vocês irão escolher uma dessas pedras — elas dizia, sem nenhuma expressão — Ao escolher uma das pedras, mostrará um metal, para poder forjar a sua espada — continuou.

— E apenas escolher, certo — digo em meus pensamentos. Respiro fundo, e vou a frente. Pego a pedra, e a olho...

Ao escolhe-lá, os outros escolheram as suas.
Olhei a pedra, todas parecem iguais.
Assim que todos foram se afastando, decidi voltar para a casa do Giyu.

Ao descer correndo os degraus, olho o por do sol, onde o dia dava adeus, abrindo portas para a noite.
Era uma bela vista.

— Gostaria de ter companheiros de equipe — digo andando pelos vilarejos — Quando chegar, vou perguntar ao Giyu sobre os novos Hashiras, um deles se chama Tanjirou Kamado, e dizem que talvez ele seja especial — penso, caminho rapidamente olhando para o chão — Se não me engano, o mesmo usa técnicas da água, como o Giyu, ele tem uma irmã que virou Oni, Nezuko! — penso — De todos Onis que vi hoje, provavelmente... — ainda pensando.

Chegando perto da casa de Giyu.

— Estou faminto — digo, correndo e entrando dentro de casa.
Entro e vejo Giyu me olhando com cara de bravo.
— Giyu, como eram seus amigos de equipe? — pergunto me sentando a sua frente.

— Não me lembro direito, mas a Shinobu — ele disse olhando de lado — Não tem como esquecer dela, por que quer saber? — completou o mesmo.





Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...