1. Spirit Fanfics >
  2. Kimetsu no Yaiba - Demon Slayer: Reagindo ao futuro >
  3. Giyu Tomioka

História Kimetsu no Yaiba - Demon Slayer: Reagindo ao futuro - Capítulo 3


Escrita por: Loka_por_yaoi_S2

Capítulo 3 - Giyu Tomioka


Fanfic / Fanfiction Kimetsu no Yaiba - Demon Slayer: Reagindo ao futuro - Capítulo 3 - Giyu Tomioka

- porque tem que ser dele? - pergunta Shinobu com a cara serena, mas com raiva

- eu ia colocar do Gyomei, mas ele não tem rap, então escolhi o Tomioka mesmo, talvez depois eu coloque algo relacionado ao Gyomei - explica Lywan que estava em busca do rap para colocar

- hm....Tá - fala a mesma indignada enquanto ia falar com Kanao para esperar o rap começar

- "será que irá comentar sobre....eles?" - pensava triste consigo mesmo por não ter salvado as pessoas que ele mais amou, ele não queria relembrar desse trauma novamente

- bom.....sobre isso Giyu, que provavelmente é o que você está pensando, sim irá citar isso - fala Lywan vendo o mesmo abaixar a cabeça com o olhar vazio - vamos começar - fala assim dando play no rap

Ela é um demônio, mas eu deixo ela viver

- O QUE!!!? VOCÊ TÁ LOUCO? DEIXANDO UM ONI VIVER?? - grita Sanemi irritado com aquilo enquanto segurava o hashira da água por suas vestes

- porfavor abaixe seu tom de voz Sanemi, o Tomioka de ter tido algum motivo para ter deixado a oni viver - fala Ubuyashiki com a mesma face e voz calma

- humhm? Humhummh hmhum? - fala nezuko indo até ele que estava sentado no chão agora (Tradução: "Giyu-San? Você está bem?")

- uma oni - Kyojuro aponta para ela já esperando algo acontecer

- eu estou bem sim Nezuko, não precisa se preocupar - Tomioka dá um sorriso fraco se levantando do chão e indo ao seu lugar

- hm. - respondeu e foi ao seu lugar (Tradução: Ok)

Porque lembro do passado
Ele me lembra como eu costumava ser

- como assim Tomioka-kun? - pergunta Tanjiro o olhando em dúvida

- você apenas se parece comigo nessa época - dá um sorriso fraco em resposta também

Mas é mais obstinado
Se pretende defender tudo aquilo que ama

- eu pretendo, e espero conseguir - o garoto Kamado da um sorriso

- "ele me lembra quando eu estava vivo(a)" - pensa Sabito e Tsutako dando um suspiro no fim de seus pensamentos

Eu sugiro que tu treine
Pra que não veja de novo aqueles
Que tu ama, morrendo bem na sua frente

Tomioka e Tanjiro suspiram triste pois os dois já viram quem ama morrer em sua frente

- você foi um pouco grosso Tomioka-san - fala Mitsuri um pouco brava pela forma que foi fala a parte do rap

- "pouco, é uma palavra muito forte" - pensa Shinobu dando um sorriso falso

Sempre foi difícil lembrar do que aconteceu

- o que aconteceu? Você quase morreu por um oni ou o que? - fala Obanai em ironia, mas com raiva do mesmo

- "algo ruim vem pela frente, eu sinto isso" - comenta Gyomei em seu próprio pensamento

Os demônios atacaram, não pude lutar

- como o Sanemi-san disse hahaha - comenta Shinobu como se estivesse feliz sabendo que em uma época o hashira já foi fraco

Minha irmã com a sua vida que me protegeu
Entre lágrimas e sangue foram me encontrar

Logo a animação que continha na parte do hashiras e os outros, foi embora, eles estavam chocados com isso, o Giyu tinha uma irmã? A mesma que morreu? Giyu não comentava nada, até sentir dois braços o rodiando, quando ele virou se deparou com a pessoa que ele menos esperava.

Era sua irmã, ele poderia ser alguém "morto" mas agora estava ali abraçando ele novamente depois de tantos anos. O hashira apenas começou a derrubar lágrimas silenciosas e retribuir o abraço.

- Tsutako? - olhava Lywan para a garota

- desculpa eu não aguentei queria apenas abraçar meu irmão Ly-Sama - comenta a garota ainda não se separando do abraço do irmão

- ok mas depois de um espaço aí, porque você sabe né? - fala lembrando do Sabito

- Hai - responde a garota colocando a cabeça de seu irmão sobre seu colo e começando a fazer carinho no mais novo

E eu em choque, só uma criança
Tentando explicar tudo que ocorreu

- e-ele era u-uma c-c-criança? - sussuro Mitsuri assim colocando a mão em sua boca enquanto lágrimas escorriam sobre seu rosto

- "agora eu entendi o porque eu parecer com ele" - pensa Tanjiro com o olhar para baixo sendo abraçado por Nezuko

Olha o que ele diz, é um pobre coitado
Certamente enlouqueceu
Eles disseram que meu problema era mental

- v-vocês nunca aviam visto um oni? - pergunta Kyojuro calmo mas triste

- ninguém em nossa cidade avia visto um oni, eles nem sabiam que onis existiam, então tudo o que meu irmão falou disseram que era invenção - comenta a garota triste, ela apenas queria que seu irmão seguisse a vida, por isso morreu no lugar dele, não que a vida dele fosse assim como está, tirando o fato dele ser um hashira

E que tudo que eu dizia não era real
Pra quem nunca viu seus monstros, deve ser assim
É melhor abrir os olhos ou será seu fim

- eu não sei o que falar - comenta o hashira da serpente olhando fixamente para o chão

Tenho de correr, não vão entender
Aqui não é um lugar onde eu devo estar

- "com nós Giyu, você deve estar com nós hashiras" - pensa Shinobu, que pela primeira vez sentia pena do hashira

Mas me encontraram, e eu posso ver
A esperança contra eles caso eu treinar

- o garoto foi salvo, então começou a treinar, para matar onis, e vingar a morte de sua irmã? - pergunta o Avô de Zenitsu

- sim, se eu não me engano ele foi salvo por Urokudaki, mas não apenas para vingar a morte de sua irmã - comenta Lywan, sussurrado a última parte

Da água, minha respiração
Sabito pra mim é como um irmão

- S-sabito? - pergunta Tanjiro em choque pois sabia que o garoto de cabelo rosa avia morrido, assim recebe um aceno de Lywan - e-e-eles eram a-amigos? - pergunta recebendo outro aceno positivo de Lywan

- você sabe do Sabito? - pergunta Urokudaki para o seu aluno

- sim, ele me ajudou a partir a rocha - comenta fazendo Urokudaki, ter sua "teoria" comprovada - mas eu descobri o que aconteceu - deixa um ar triste sobre os dois

Sinto que eu falhei na minha missão
E quando o perdi, quebrou meu coração

- como assim o perdeu? - pergunta Genya que até agora estava calado

- isso está começando a ficar interessante - cometa Daki com um sorriso macabro no rosto

- eu acho que posso explicar não é? - comenta Sabito, que continha sangue de onde foi a causa de sua morte com asas de anjo, igual a Tsutako

- S-sabito - fala Tanjiro derramando lágrimas, pois os dois aviam se tornado amigos

- "então ele morreu também, o primeiro amigo do Giyu" - pensa os hashiras triste enquanto olhavam para o garoto que avia morrido

- hum? - resmunga Tomioka após se levantar, olhou para Sabito paralisando

- Olá Giyu-San quando tempo - pronúncia Sabito sorrindo, enquanto em um segundo Tomioka apenas levanta e vai o abraça-lô, sendo retribuído pelo abraço. Depois de um tempo ambos foram se sentar, ficou Giyu no meio, sua irmã de seu lado esquerdo, e Sabito do lado direito

E pra que sua alma possa descansar
É que mais forte eu vou ficar
E como um pilar
Eu não vou mais falhar

- ISSO AI TOMIOKA - grita Mitsuri animada para mostrar que o hashira não estava sozinho

Ainda que os demônios
Venham pra me buscar

- espero que nunca - comenta quase todos os que conheciam o pilar da água, outros não falaram pois seu orgulho era maior

(Aqui vai ficar sem reação um pouco, mas mais para o final tem reação, não consegui achar algo para colocar nessas próximas fala;-;)

Me contam os contos
Que usam para assombrar
Vocês já não conseguem me assustar
Porque eu sou como a água
Que purifica o mal que sempre passa
Na lâmina da espada
Onde aqueles que caçam
Hoje são caça
Serão minha caça
Podem até tentar se esconder
Mas é certeza que eu vou encontrar
Pra que nunca mais veja alguém sofrer
Os demônios vou exterminar
Antes da calmaria e o Sol nascer
A tormenta sou eu quem vai causar
Eu me importo com o que pensam
Mas tento esconder
Até o meu olhar frio
Tem muito pra dizer
Mesmo que não seja
A hora certa de falar
Eu me sinto fraco

- você não é fraco Tomioka - cometa Gyomei

Às vezes só quero largar
Mas eu sei que o mundo
Hoje depende de mim

- isso mesmo, nada de pensar em suicídio enquanto o mundo precisa de você para os protegê-los - fala Tsutako totalmente animada

E de todos os amigos
Que estão a lutar
Kamado mostrou
A trilha que eu devo seguir

- então eu sou sua inspiração - comenta Tanjiro brincando um pouco para aliviar o clima, obtendo uma risada do mesmo

Nunca mais em minha mente
Que eu vou duvidar
Akaza provou do fogo
Mas é pela água que vai perecer

- não entendi - fala Mitsuri confusa, se ela estava imagina Akaza, que se perguntava porque foi citado, e disse que ele morreu

Pela honra de Rengoku
Não importa o que faça
Não vai me deter
A marca surge no rosto
E um assassino eu vou me tornar
Sou a água que vai te afogar
Vários estilos eu tenho, então pode vir
Até um ataque próprio eu desenvolvi
Respirando fundo eu me concentro aqui
Na dificuldade sempre confie em si
E pra que nenhuma morte deles seja em vão
Eu levo eles no meu coração

- para nenhuma morte deles seja em vão, ele irá levar eles em seu coração, mas quem? - pergunta Sabito que sabia que não estava falando só dele e da Tsutako

- eu não posso falar, mas apenas digo que são mais seis mortes que viram pela frente - foi a última fala de Lywan sobre esse assunto - vamos para o próximo rap - apenas da play no rap


Notas Finais


Fim do capítulo<3
Nome do Rap: Tormenta


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...