1. Spirit Fanfics >
  2. Kimetsu no Yaiba: Sono rekishi to seikatsu >
  3. Muzan Kibutsuji

História Kimetsu no Yaiba: Sono rekishi to seikatsu - Capítulo 6


Escrita por:


Notas do Autor


BLÁ BLÁ BLÁ
BORA PRA HISTÓRIA SEUS SHIPPADORES >:D
ESSE CAP TERÁ UM NOVO PERSONAGEM
SE GOSTAR, VEJA, SE NÃO... VEJA TB UWU

Capítulo 6 - Muzan Kibutsuji


Fanfic / Fanfiction Kimetsu no Yaiba: Sono rekishi to seikatsu - Capítulo 6 - Muzan Kibutsuji

Continuação do ultimo capitulo


- ...Eh... - Eles estavam correndo em círculos, eu apenas estava olhando.

- ME AJUDA AAAAAAAYUUUUUUURI- CHAAAAAAAAAAAN~~~~~ - Zenitsu gritava.

- O que você quer que eu faça...?!? - Falava mais alto que o normal, para o Zenitsu ouvir e parar com seus gritos.

- ME SALVAAAAAAAAA~~~ 

- ... Tá bom, tá bom... - Falava me aproximando. 

Me joguei no Zenitsu, caindo em cima dele para Tanjiro não o atacar. 

Mostrei a língua quando fiquei em cima de Zenitsu, provocando ele.

Ele ficou extremamente corado, e assim, desmaiou.

- Eh!? - Fiquei sem entender nada quando ele desmaiou. - Z-Zenitsu? Ei! Zenitsu!

Eu saí de cima dele o encarando.

- Ei, Tanjiro, ele desmaiou, o que eu faço...? - Eu não parava de encarar Zenitsu.

- ...Humph...! - Tanjiro ainda estava com ciúmes.

Me levantei e me aproximei de Tanjiro, bem perto de seu rosto.

- Não temos nada, não precisa ficar com ciúmes. - Falei, finalmente encarando Tanjiro com uma expressão seria

Eu havia colocado toda a minha coragem para encarar ele, depois eu me virei, e corei muito.

Peguei o Zenitsu nas minhas costas.

- Que pesado...! - Estava fazendo forças para segurar ele. - Tanjiro, acho que já podemos ir.

- C-certo...


Tanjiro on


Por um lado, eu fiquei feliz por ela me encarar, mas fiquei confuso por ela estar seria.

Talvez ela estaria brava por estar ciumento?

Mas nós não temos nada! Não há porque ter ciúmes!


Tanjiro off


Quebra de Tempo


- Estamos quase no destino da missão... Essa cidade tem aproximadamente 60 km de de distância do destino. Se seguirmos sem descansar, chegaremos pelo amanhecer, se descansarmos, será pela tarde do dia seguinte.

- Você é bem inteligente nas contas. - Tanjiro falou mesmo não entendo nada sobre o que eu falei.

Zenitsu afirmou com a cabeça.

- Eu sei disso! - Falei, parabenizando eu mesma, completamente orgulhosa.

- Ei... Não é melhor nós descarsamos aqui por hoje? Pela tarde de amanhã demorará menos para os onis aparecerem. - Zenitsu falou com a mesma expressão "fofa" dele (O ZENITSU É FOFO OK??).

- Faz sentido. - Tanjiro falou, dessa vez mais calmo.

Eu senti um calafrio atrás de mim, então me virei rapidamente.

- !?... 

- O que foi, Ayuri-chan? - Zenitsu perguntou.

- Por favor, me esperem aqui... - Eu me levantei e fui para o meio da cidade.

Eu estava andando pela cidade, procurando algo, algo que não sabia o que era.

Eu procurei intensamente, até me esbarrar com um homem adulto.

- Ah, me desculp- - Quando eu olhei para aquele homem, meu corpo "paralisou".

Aquele homem tinha cabelos negros e seus olhos... eram vermelhos vividos, era... Um oni!!

Ele estava vivendo como um humano com todos.

Eu estava completamente chocada, eu não aguentei... E eu desmaiei.


...


























-O quê?... - Eu estava em outro lugar. No meio da neve, caída de barriga para cima.

- Temos que ir para dentro... Está muito frio... - Aquela voz... Era a mesma voz do garoto que eu sonhei quando dormi na casa de Urokudaki. - Ei? Está me ouvindo?

Mais uma vez, eu estava com uma aparência de criança, da mesma idade daquele garoto, aparentemente.

Eu não queria que o momento acabasse como da última vez, então agarrei aquele garoto, o abraçando.

- P-Por favor, me diga seu nome! - Eu estava prestes a desabar, não sabendo o motivo, eu estava desabando por dentro.

- Huh? Você... - A voz do garoto está mostrando que ele estava surpreso. 

- Por favor!!! Me diga!!! - Eu estava o apertando mais forte ainda.

- Maoko.

Maoko... Eu não sentia familiaridade com esse nome, mas mesmo assim eu fiquei agradecida por saber o nome dele.

- Maoko...

Quando percebi, estava escuro, Maoko havia sumido, eu estava voltando a realidade, pois, estava ciente que era tudo um sonho... ou... uma memória.






















...


- !? - Eu acordei no pulo.

- Ayuri-chaaaaaan!!! Você acordou!!! - Falava Zenitsu, que em seguida me abraçou, ele estava chorando muito.

- Ainda bem Ayuri! Eu- Quer dizer... Nós estávamos muito preocupados! - Tanjiro falou com uma expressão preocupada.

- Onde eu tô...? 

- V-Você tá no hospital... - Zenitsu falando limpando as lágrimas.

- O que eu tô fazendo aqui...?

- Você tava demorand- - Zenitsu é interrompido.

- Você tava demorando, daí eu fiquei preocupado e fomos te procurar, e você tava desmaiada no chão, mas já haviam pessoas tentando te socorrer. - Tanjiro falou.

-...Maoko... Espere por mim... - Murmuram murmurei comigo mesma.


Continua.


Notas Finais


QUEM SERÁ QUE É MAOKO??
SERÁ QUE O NOME VERDADEIRO DESSA PESSOA?!
HEHEHEHE
NÃO VOU CONTAR U.U
BYE~~ >:D


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...