1. Spirit Fanfics >
  2. Kimi wa... >
  3. O começo do pesadelo

História Kimi wa... - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Heey~ tudo bem com você? espero que sim,não vou pedir pra tu comentar ou curtir alguma coisa mas eu apenas gostaria de explicar a minha maneira de escrita pra ficar mais fácil o entendimento:
( quando não há sinais) = Narração da história do meu ponto de vista

( " asapas" ) = Quando eu falo com alguém ou estou falando sozinha xD

( [ square brackets ] ) = Observações

( ( parêntese ) ) = Quando estou pensando

( * essa estrelinha,que num sei o nome * ) = Quando realizo alguma ação

Acho que é isso,espero que dê para entender xD E aproveite essa história :3

Capítulo 1 - O começo do pesadelo


Fanfic / Fanfiction Kimi wa... - Capítulo 1 - O começo do pesadelo

O começo do pesadelo

Eu estava me acostumando com a nova vida,tinha acabado de completar dezoito anos e haviam me liberado do orfanato,o dinheiro que meus pais haviam me deixado antes de morrerem seria suficiente para que eu fosse financeiramente independente mas eu não queria passar a vida toda sem fazer nada,então por sorte consegui um emprego bem rápido...
   "Nem acredito que consegui encontrar um emprego logo depois que saí do orfanato! Os ventos devem estar a meu favor hehe,enfim,seria bom se eu conseguisse um lugar na sociedade enquanto ainda jovem..." 
(Bom,mesmo ansiosa por amanhã eu ainda tenho que acordar cedo,é meu primeiro dia de trabalho...então espero que tudo ocorra bem)

[Dia Seguinte]

O alarme estava tocando,eram exatamente sete e meia da manhã,o sol fraco do começo do dia batia na janela e passava pelas cortinas que iluminavam e aqueciam suavemente o meu rosto.Acordei lentamente de um sono profundo e peguei meu celular no criado mudo para desligá-lo quando...

"SETE E MEIA!? Como assim? Eu certamente o programei para me acordar as Seis!! Eu definitivamente não me dou bem com a tecnologia..."  *Suspirei*
"Não! Não é tempo de ficar chateada! eu preciso correr ou vou me atrasar de verdade!!"

Me apressei em levantar,escovei os dentes,me arrumei o mais rápido possível e saí.
"Não acredito que isto está acontecendo justo hoje! Não tive tempo nem de tomar café...vou ver se compro alguma coisa pelo caminho."
     Saí do meu apartamento,tranquei a porta e fui rapidamente em direção ao elevador que para minha "sorte" não estava funcionando,então tive que pegar as escadas,saindo na portaria acabei esbarrando em um garoto que aparentava ter mais ou menos a minha idade;ele estava sujo,era extremamente magro e sua pele era exageradamente branca,seus cabelos eram negros e um pouco longos,não era possível ver seu rosto já que ele estava de cabeça baixa,achei que talvez estivesse enfrentando uma doença ou algo assim.
    "Sinto muito! Eu estou com pressa e não estava prestando atenção" (Eu disse enquanto tentava dar uma olhada em seu rosto,sem sucesso)
    "...não sei porque vocês estão sempre apressados,por acaso não sabem que não vão chegar a lugar algum?..." (o menino disse num tom baixo,quase inaudível)  

Eu não dei muita importância,talvez ele também não estivesse tendo um bom dia,vai saber.Me apressei em chegar ao metro e por um milagre consegui atravessar as portas antes que elas se fechassem.
 "Bom,pelo menos vou chegar a tempo...eu acho" 
Estranhamente o trem não estava tão cheio naquele horário (bom as pessoas ainda devem estar de férias,já que ainda é começo de ano) foi o que pensei em minha inocência;procurei um lugar para me sentar,o que não foi muito difícil de encontrar,me sentei em um banco onde haviam duas pessoas ao meu lado.
Enquanto eu esperava chegar a minha estação,comecei a pensar no menino que havia visto à pouco (me pergunto de onde ele é e porque estava no prédio,pois o edifício é novo e não há muitos moradores,sendo assim eu conheço todos...)

Enquanto pensava acabei pegando no sono,não havia dormido direito noite passada graças a minha ansiedade de sempre e como demoraria um pouco até chegar a estação não achei que havia problema em fechar os olhos um pouco...ledo engano...
Passado alguns minutos,ou era o que me pareceu,eu acordei sentindo um cheiro muito forte de ferrugem e sujeira,então abri meus olhos e me deparei com o começo do meu pesadelo...

"O que...? Mas...o que...aconteceu...aqui?"

Eu estava sentada no banco do trem,do mesmo trem no qual eu havia entrado não fazia nem trinta minutos,mas ele estava completamente destruído,tudo ao redor estava sujo e velho,como se tivesse sido abandonado a décadas.

Algumas partes do trem estavam completamente retorcidas como se algo o tivesse atingido por cima,saí e resolvi ver mais claramente onde eu estava e vi que esse trem nem havia saído da estação ainda,e que a mesma também estava completamente destruída,havia muitas pichações com símbolos que eu nunca havia visto antes,as paredes e o telhado estavam caindo aos pedaços,definitivamente aquela não era a mesma estação em que eu havia entrado minutos antes...

"ONDE...EU...ESTOU?"

CONTINUA...

 


Notas Finais


Pretendo postar os próximos capítulos o quanto antes,sei que esse não foi muito longo mas espero que tenha gostado
Se tiver alguma sugestão,crítica ou algo a acrescentar eu ficaria muito feliz em ouvir sua opinião ^^
Bom,até breve,eu espero ;3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...