1. Spirit Fanfics >
  2. Kinapping >
  3. Capitulo 2

História Kinapping - Capítulo 2


Escrita por:


Capítulo 2 - Capitulo 2


Fanfic / Fanfiction Kinapping - Capítulo 2 - Capitulo 2

           "Isso não vai ficar assim.. "


    - Alô?

    - Jimin! Podemos conversar hoje??

    - está bem jungkook, vou passar ai depois da aula

    - ta bom

    - Tchau Jeon

    - tchau Jimin

     Desligo o celular, e um suspiro alto escapa de meus lábios, guardo meu celular no bolso e fecho meu armário

    Andava pelos corredores do prédio um tanto avoado, kai e hoseok ficavam conversando ao meu lado, enquanto eu apenas pensava em como iria terminar com jungkook, ele era o garoto dos meus sonhos, mas ninguém é perfeito, no mesmo momento em que jeon se mostrava o seu lado mais doce e carinhoso, ele mostrava seu lado possessivo e controlador, por isso já fazia algumas semanas que eu e jeon nos afastamos, a gente não terminou, mas ficamos um bom tempo sem se ver

    Foi fácil aturar tudo por um tempo, as brigas por não ter chegado no horário certo, por ter saido sem avisar, coisas que para mim eram fúteis, mas as brigas foram ficando cada vez pior... Sei que jungkook não teria coragem de me bater, ou coisas dos tipo, mas as ameaças, xingamentos.. Me deixavam na dúvida

   ...

    Me encontrava completamente imóvel ali, em frete a porta da residencia de Jeon, a ansiedade me tomava conta, minhas mãos úmidas com o suor frio e o coração descompassado, uma imensa duvida rondava minha mente, será que queria mesmo fazer aquilo??

   "Você tem que pensar em você Park Jimin, pense no que será melhor para você"

    fecho meus olhos Lentamente e abro a porta, adentro o local e assim que meu olhos se abrem novamente vejo a casa em completo brilho, uma música suave de fundo, o ar gelado, e uma decoração com rosas nas paredes, havia algumas velas na mesa de centro junto a duas taças, e no corredor caminhava jungkook, com uma roupa de gala, e em suas mãos ele trazia uma garrafa de vinho

     Uma sensação de culpa me invadiu, um aperto no peito faziam com que meus olhos lacrimejasse, me viro de costas para o mesmo, e me impulsiono para abrir a porta e ir embora correndo, mas Jungkook pega em minha mão

    - Por favor.. Não faça isso - sua voz calma me fez recuar, viro de frente para o mesmo o que me fazia amolecer, não sabia como alguém podia ser tão perfeito quanto o cujo que eu chamava de namorado, aquela sensação de moleza, aquele frio na barriga, uma onda de prazer que passava por cada canto de meu corpo, era causado apenas por um simples e mero olhar de jungkook - não se afaste de mim novamente, eu preciso de você Jimin - com a mão que cobria meu maxilar acariciava minha bochecha com o polegar, um sorriso de canto era esboçado nos lábios de Jeon

    - vamos conversar tá bom? - me desfasso do pequeno gesto do maior e caminho até o sofá, jeon veio logo atrás se sentando ao meu lado - Jeon eu.. - antes que podesse terminar de falar jeon passa sua mão Em meu pescoço e me leva de encontro aos seus lábios, e me cala em um selinho demorado

     ele cria um pequeno espaço entre nossos lábios, ao mesmo tempo em que ele encostava as nossas testas uma na outra, ele sorria sem mostrar os dentes

    - senti sua falta pequeno - me afasto do maior sem quebrar o contato visual, ele me olha repreensivo, foi então que o mesmo se levanta, e deixa a garrafa na Mesinha junto as taças, e estende a mão para mim

   - Jungkook.. Eu

   - Por favor Jimin.. - seu sorriso sereno me deixa sem saida mais uma vez, então correspondo seu ato, uma de suas mãos segura a minha no ar, e com a outra posina ela em minha cintura, e em pequenos passos dançamos no canto livre da sala, apoio minha cabeça em seu ombro, e acabo me entregando a aquele momento que junto a muitos outros, ficariam guardados eternamente em meu coração...

   Meus pensamentos que a minutos atrás martelavam em minha mente, agora eram como simples flocos de poeira, que com um sopro desapareceram, mas não se pode deixar uma brecha em qualquer janela que a poeira volta, e meus pensamentos.. Bom

    - Jimin.. - murmuro de olhos fechados, eu me via entregue aquele simples momento, que para alguns séria um sonho, e sim queria aproveitar cada pedacinho do sonho que me fazia sorrir diariamente - Eu te amo - mas uma hora a gente tem que acordar desse sonho e colocar os pés no chão, e lembrar que nem tudo é um mar de rosas, no momento em que abri meus olhos as lembranças das brigas, os empurrões e xingamentos vieram como um piscar de olhos.. Bom literalmente vieram

     Me desfaço dos apertos do maior e recuo para trás, dou as costas para Jungkook e me desloco até o quarto, Bob nosso cachorro estava dormindo  cima da cama, tentei não fazer tanto barulho para não o acordar, vou até o guarda-roupa abro as portas e começo a separar minhas vestes as colocando em um canto, sobre a cama, enquanto fazia isso misturas de sentimentos invadiam meu corpo

   o estranho foi porque não escutei sequer uma palavra de Jeon

      após ter colocado todas as roupas dentro de minha mochila, me viro para trás me deparando com Jumgkook me olhando sem reação, um olhar vazio, o mesmo parecia não ter chão
    
    - J-jimin o que você está fazendo? - sua voz tinha um tom falho, seus olhos lacrimejavam e seu semblante sereno, me deixa perdido, mas não podia eu.. Não queria voltar atrás, sem se quer lhe dar uma palavra a Jeon coloco minha mochila nas costas e avanço até a porta, mas novamente jungkook segura em meu pulso e me impede de sair - por favor jimin.. - o tom choroso em sua voz, e as lagrimas que escorrem pelo seu rosto aquilo fazia eu me sentir receoso...

...

- Está tudo acabado jeon jungkook....não quero mais saber - vejo o menor sair correndo com as chaves de seu carro na mão, enquanto eu....eu apenas fiquei ali, com lágrimas escorrendo por todo meu rosto, com um grande ponto de interrogação na cabeça, o porque de tudo aquilo está acontecendo, queria entender porque ele havia me abandonado, e junto a essa sensação confusa outros sentimentos que nunca havia se quer dado sinal de existência, vieram a tona, tudo de uma vez, me deixando totalmente desamparado

    - isso não vai ficar assim Park Jimin!  - dizia em voz alta no quarto escuro, e foi naquele local que havia ficado todo o meu amor, minhas esperanças tudo o que havia de bom em mim deixou de existir ali, no momento em que aquelas palavras se xocaram contra meus ouvidos, deixando meu coração em pedaço..

      Me levanto da cama devagar, em passos curtos me encontrava de frente a porta, hesitava em abrir quando escuto um barulho vindo do lado de fora, então abro a porta rapidamente e corro até o local de onde surgiu o barulho, em minha mente e coração esperava que fosse Jimin, mas era apenas o nosso.. Quer dizer o meu cachorro querendo comida, meu corpo se acalma mas não era algo bom, me intristecia cada vez mais ao pensar que o que eu havia vivido com o mais novo tinha acabado 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...