História Kings - Capítulo 8


Escrita por:

Postado
Categorias Haikyuu!!
Personagens Akaashi Keiji, Asahi Azumane, Bokuto Koutarou, Daichi Sawamura, Hajime Iwaizumi, Kei Tsukishima, Keishin Ukai, Kenji Futakuchi, Kenma Kozume, Koushi Sugawara, Lev Haiba, Ryuunosuke Tanaka, Satori Tendou, Shouyou Hinata, Tadashi Yamaguchi, Tetsurou Kuroo, Tobio Kageyama, Tooru Oikawa, Ushijima Wakatoshi, Yaku Morisuke, Yuu Nishinoya
Tags Asanoya, Daisuga, Iwaoi, Kagehina, Kuroken, Tsukiyama
Visualizações 30
Palavras 1.976
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Bishoujo, Bishounen, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Ficção Científica, Hentai, Lemon, LGBT, Literatura Feminina, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Shounen, Sobrenatural, Suspense, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Espero q gostem pois eu amei!💛👑

Capítulo 8 - Desconfiança


Fanfic / Fanfiction Kings - Capítulo 8 - Desconfiança

Um Grifo Coruja de cor branca e um Dragão negro que mediam a mesma altura batiam suas asas distintas contra o ar na medida em que se aproximavam do gramado verde daquele reino exótico, o passageiro do ser escamoso apenas ansiava tocar o chão que tanto amava, sua expressão não era exagerada mas o Dragão negro conseguia sentir o agito de seu coração durante a viagem e no pouso.


Menma preferia estudar muito mais o ar do que qualquer outra coisa,mas senti-lo,se juntar a esse elemento se tornava algo impossível para esse bruxo pouco destemido.Desde pequenos ,Kuroo e aquele bruxo se aventuravam no ar,o moreno levava o.menor para a imensidão do azul claro e com o constante incentivo do maior,Menma desenvolveu a própria capacidade para magia melhor que muitos bruxos ao seu redor, o fazendo ser grato secretamente pelo o esforço do amigo em sua relação.


Suas patas tocam o chão lentamente e as grandes garras que portava ferem a terra com delicadeza e precisão, ao terminar o pouso rápido,o passageiro bate nas gostas grossas do ser afim de lembra-lo que precisava descer dali e também sentir a terra de uma vez.


-Vamos Kuroo... Não gosto muito de ficar aqui em cima...


Contesta com a voz baixa ,fazendo só o Dragão ouvir suas reclamações constantes.Com dificuldade por conta de sua túnica ,o loiro consegue descer da pele escamosa e se aliviar com a segurança garantida pela terra.Após seu momento de alívio,o grandioso dragão se transforma em um homem alto de cabelos negros e pele pálida,sua expressão era de tristeza por sentir novamente a falta de confiança que o menor tinha sobre ele mas logo se converte em alegria ao perceber que o pequeno viraria para ele naquele momento.


-Pelo o amor de Qiu Kuroo... Eu quase vomitei em você...


-Eu até reclamaria mas já estou acostumado com coisas piores.


-Eai bafo de peixe!


O ser antes grifo grita andando rapidamente para perto do moreno e logo dá um tapa em suas costas com força,fazendo o outro repetir o ato na mesma intensidade.


-Eai cara de coruja!


Os dois homens altos começam uma guerra de ofensas e enquanto a pequena batalha acontecia, Akaashi saía da média cabana de madeira acompanhado de Lev e uma pequena fada masculina que logo notam a presença do bruxo Menma.


-Boa tarde Akaashi,Lev e Yaku...


O loiro inicia a conversa ainda desnorteado pela viagem que tivera de enfrentar por causa do dragão e suas manobras.


-Boa tarde também Menma,as duas feras irracionais começaram de novo?


O bruxo Akaashi pergunta olhando para seu namorado Bokuto e o Kuroo que ainda brigavam usando suas mais diversas ofensas criadas um para o outro.


-Por que não vai se juntar a eles Lev?


A fada de cabelo rosa dourado incentiva o homem pálido para que se juntasse a confusão dali, as roupas da fada eram claras e justas ,por isso não balançavam tanto enquanto se agitava no ar com suas pequeninas asas levemente avermelhadas,Yaku odiava se vestir como os amigos,esbanjar "fofura" estava fora de cogitação.


-Eu não sou tão idiota quanto eles...


Depois que Lev termina a frase, Kuroo e Bokuto se voltam para o mais alto, irritados com o que ouviram do mais novo,os dois decidem se vingar.


-Você não é "tão idiota" pois ultrapassa nossos limites neh?!


-Dragão de princesa!


Kuroo complementa o insulto do amigo Grifo .


-Deixem de lado a selvageria e vamos logo pra dentro. Precisamos nos comunicar com o reino humano.


Akaashi interrompe a próxima batalha de socos que estaria por vir por parte dos dois veteranos selvagens pra cima de Lev.


-Você acabou de chegar e você já arranja confusão Bokuto!


O bruxo moreno repreende o namorado grisalho puxando o mesmo pelo kimono cinza que o mesmo trajava desde da pequena viagem entre o clã do Grifo e a Central.


-Mesmo que tenha sido o KUROO que começou, me desculpe amor...


O grifo se desculpa olhando mortalmente para o dragão negro que caminhava com um sorriso ao lado de Menma.


-Agora deixe isso de lado...


Diz soltando fortemente seu kimono bem feito pelas próprias mãos místicas , ao libera-lo, o namorado sorri alegre e o acompanha mais animado para dentro da cabana.


-Devo brigar com você igual Akaashi faz com o Bokuto...


O loiro diz baixo mas novamente só Kuroo o ouve,fazendo seu amigo sorrir em diversão pela irritação do outro.


-Então deveria me beijar igual Akaashi faz com o Bokuto...


O mais alto diz confiante ao entrar na frente do bruxo constrangido pela fala do maior.


-Feche a boca Kuroo...


Os seis amigos entram na pequena cabana e vão se deparando com a imensa extensão de seu interior que só aumentava na medida em que mais se adentravam naquele local mágico ,como se fosse um palácio mas mantendo o mesmo estilo da cabana,rústica e amadeirada. Prateleiras de livros e poções se encontravam cheias e coloridas como o próprio arco-íris no céu, as letras gravadas nas capas duras se pintavam a ouro, vassouras e penas voavam de um canto para o outro realizando seus trabalhos contínuos e imutáveis ,algumas fadas rasgavam o ar rapidamente ,esbanjando o brilho natural de suas asas afim de estudarem mais e mais sobre o próprio reino.
A preciosa Qiu presenteara o clã das fadas com a velocidade mas esquecera de sua parte intelectual,não que elas eram burras e sim que continham dificuldade ao entendimento prévio,muitos outros clãs as classificavam como "retardadas" por esbanjarem muita alegria e pouco conhecimento,mas subestima-las poderia ser o declínio de um grande reino,antes ,inabalável.


-E o que os humanos querem?


Lev pergunta ficando na frente de um imenso espelho deitado na horizontal apoiado na parede amadeirada mas tão resistente quanto aço,a moldura desse espelho era rústica e linda,feita de bronze fundido e esculpido com cuidado.


Akaashi antes que respondesse a pergunta do mais alto, pede para que todos dentro da cabana se retirassem e deixassem apenas os seis amigos fazerem o que deveria ser feito.


-A Karasuno não nos disse nada por enquanto,mas desconfio que seja algo ruim...


O moreno responde ao desenhar alguns símbolos nas quatro pontas do espelho mágico, depois de algum tempo,Menma junta suas duas mãos e sussurra para perto do vidro o feitiço.


-Karasuno Qiu...


Derrepente o espelho toma a imagem dos reis humanos em uma mesa retangular sentados em suas majestosas cadeiras ao lado de seus serventes mágicos de pé na frente do espelho.
Os seres mágicos que já estavam em sua terra de origem só conheciam os três reis humanos da Karasuno e o rei de Aoba, todos os outros místicos que os acompanhavam já eram conhecidos e amigos ,mas não identificavam Tobio e Yamaguchi, supondo-se que poderiam ser os novos reis na qual Hinata e Tsukishima deveriam servir.Para a infelicidade de Menma, Hinata brigava com o rei novato enquanto estava em sua forma maior,perdendo suas pequeninas asas não tendo nada em suas costas.


-Por que estão brigando?


Yaku pergunta se referindo ao Kageyama e Shoyo que discutiam alterados sem perceber o começo da transmissão.


-O rei Tobio não sabia que Hinata poderia se converter em uma forma humana igual a dele...


Nishinoya responde de pé ao lado do rei Asahi que portava desta vez sua coroa dourada.


-E tu não falou nada para Tobio?Você cuidou de Kageyama desde de pequeno e nunca disse nada sobre isso?!


-Não me enche Yaku! Eu só estou nesta forma por causa desta conferência importante pois se fosse por mim,estaria com minha asas voando por onde quisesse.Tobio nunca desconfiou por isso que achei desnecessário falar isso pro garoto...


A fada que repreendeu o amigo revira os olhos deixando um espaço para o comentário de Hinata.


-Pare de drama Bakeyama! Você nunca perguntou nada sobre isso,então a culpa não é minha!


As quatro mãos entrelaçadas, lutando para mostrar a superioridade na força ,param por parte do moreno e logo do ruivo que percebeu a mudança de estado do amigo.


-Eu acho que "Amigos" falam ao próprio respeito sem que perguntem pra ele Shoyou!


Os olhos de ambos se encontram e se analisam com insegurança ,mas logo Yamaguchi corta o ar tenso do local.


-Então Tsuki, me apresente aos seus amigos!


A afirmação do esverdeado desperta o loiro que antes ria pela briga dos dois.


-Hãm... Sim.


Responde olhando para o espelho notando a presença dos demais místicos.


-Começando pelos Dragões,temos Kuroo Tetsurõ que era meu namorado e agora meu atual mentor...


Após essa informação inesperada, o esverdeado engole um seco e o cumprimenta com um sorriso nervoso,recebendo o mesmo do outro místico.


-E Lev, que é apenas um amigo só que diferente de Tetsurõ ,Lev é um dragão albino, por isso chamamos ele de "Dragão de princesa" por ter a ascendência deles.


-Só que agora você que é o Dragão de um Príncipe.


Yamaguchi comenta tirando as risadas de todos na sala mas um olhar de repreensão do loiro.


-Toma Tsukishima!


-Continuando...Akaashi e Menma são bruxos, Bokuto é um grifo da neve e Yaku é uma fada masculina,parecido com o Hinata.


O mais alto termina olhando para o ruivo com malícia,sabia que o pequeno também ocultava outro fato de Kageyama.Depois da apresentação mal feita,Menma retoma a fala do outro e tenta conversar o máximo possível com Shoyo.


-Então ,como estão os trabalhos?


-Não será surpresa se Hinata estiver aman-


-Está ótimo.


-Está péssimo!


Respectivamente,Tsukishima e Shoyou interrompem o comentário de Yaku , inusitadamente, o dragão dourado não odiou o cargo e a fada não amou a responsabilidade dada pelo Yuu.Como algo involuntário,o grifo da neve analisa o porte de seu discípulo e do rei Tobio, com certeza o rei novato sentia algo pela fada ruiva,seu pupilo causava admiração por onde passava com seu humor e beleza rara ,então não seria surpresa isso acontecer, mesmo assim, sentia no olhar do moreno a decepção de ver que Shoyou não lhe contara nada ao próprio respeito.


-Que surpresa neh Bokuto? Seu pupilo odiando algo.


Kuroo fala cutucando o grifo e logo recebe o mesmo de Menma, no qual também tinha entendido o olhar de Bokuto sobre Hinata,ambos entendiam os gestos simples do amigo escandaloso.


-Prazer em conhecer a todos!


Yamaguchi diz animado para ambos os místicos,alegre e gentil como sempre,o que faz Kuroo sorrir pela boa escolha de Tsukishima sobre seu "pretendente",mas Menma não entende isso e se entristece com ciúmes do amigo dragão.


-Digo o mesmo para os senhores.


Akaashi responde acompanhado pelo ânimo de todos os místicos com ele.


Aproveitando o espaço da conversa, Daichi toma a iniciativa.


-Bom,vamos direto ao assunto,estamos aqui pra discutirmos sobre o possível atentado na região de Aoba que ocorreu recentemente.


O moreno informa sobre o risco e passa a fala para Oikawa o olhando seriamente.


-O atentado foi na região Norte em sua parte aérea,como se tivessem sido feitos por aves com cerca de cinco metros de altura e sete de comprimento,ninguém viu como era esse ser,mas todos os dados feitos pelo Chikara indicam ser da espécie Demônio.


Todos os humanos da sala de comunicações olham desconfiados de certa forma para os misticos através do espelho mágico, os seres que os serviam só podiam penar pela desconfiança ali feita pelo seus senhores.


-Iremos comunicar essa informação à nossa majestade e tentaremos lidar com esse problema do melhor jeito possível, Reis de humanos.


Akaashi diz se curvando demonstrando responsabilidade diante de todos ali presentes,fazendo Bokuto se estressar pela vergonha que o namorado estava passando na frente de seus amigos,mas logo o moreno o olha dizendo mil palavras só com aquele gesto simples.


-Esperaremos aqui a resposta até o final dessa semana.


Oikawa se pronúncia e acaba a chamada em seguida.


-Mais uma vez na linha do inimigo.


A fada masculina que se encontrava perto de um livro maior que sua própria estatura se irrita ao ouvir o comentário do grisalho mais alto dali.


-Cala a boca Lev...



Notas Finais


Se tiver alguns erros como palavras separadas sem necessidadr eu peço desculpas pois meu programa de escrever ñ é muito aceito pelo spirit fanfic😫
Mas oq acharam?! Falem!!👑😑


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...