1. Spirit Fanfics >
  2. Kiribaku- Nossa história >
  3. Sorry

História Kiribaku- Nossa história - Capítulo 20


Escrita por:


Notas do Autor


Ai gente coloquei o nome do capítulo em inglês e estou me sentindo super gringa
Espero que todos entendam oq significa "Sorry" 💋😘
Desculpa pela demora do capítulo é que esses dias tô me sentindo mais cansada que o normal e demorei quase um dia para fazer esse capítulo
Boa leitura espero que gostem

Capítulo 20 - Sorry


Autora pov

Lá estava bakugo, amarado em sua própria cama enquanto mina,denki e sero estavam sentados ao lado de sua cama enquanto comiam salgadinhos e não davam nenhum para o loiro explosivo e os 3 com caras espantadas e o baku com um rosto um tanto triste enquanto encarava o teto

-Ah então foi isso que aconteceu - disse mina enquanto comia mais uma batatinha

-ENTÃO VOCÊ TRAIU O KIRISHIMA??- Gritou denki abismado- E AINDA FOI DESCOBERTO? Poha bakugo- disse denki ainda gritando e logo depois recebeu um tapa na nuca vindo do famoso "fita crepe"

-Caralho denki você e muito lerdo cara. Ele não traiu ele. Algum idiota gravou o áudio e ele pensou tudo errado. Ele deve ter percebido que o cloreto de ódio tava diferente e ligou os pontos chegando a essa conclusão- disse sero zuando da burrice do "amigo" elétrico

-Aaaaah faz sentido. Eu nunca desconfiei que o baku iria trair o kiri- fala denki tentando arrumar alguma desculpa

- Aaah bakugozinho não fica titinho. A gente vai dar um jeito com vocês dois. Relaxa - disse mina tentando reconfortar katsuki que estava com uma cara triste

- Poha a culpa é minha. Eu nunca devia ter topado esse merda toda e agora a gente terminou e- bakugo começou a falar mas foi interrompido pelo kiminari

- ouh ou ou pode ir parando aí. Pelo oq você nos contou ele só te expulsou do quarto e não falou nada de  terminar o namoro de vocês- fala com a boca cheia e o Katsuki balançou a cabeça em confirmação

- Isso é verdade então ele ainda te quer- fala sero dando um sorrisinho

- Acho difícil..... Tá mas me solta dessa poha de uma vez- fala o loiro se mexendo com cuidado para não derrubar seus preciosos pôster e algum dos três amigos pisar neles

Sero se levanta e sai do dormitório indo em direção a cozinha e depois de poucos minutos volta com uma faca na mão. Vai em direção ao bakugo e pega seus pôster e quarda novamente na gaveta de seu guarda roupa e depois rasga a fita que prendia o loiro na cama

- Caceta essa fita tava apertada demais meu deus. Tá agora saiam do meu quarto e me deixem sozinho um pouco pelo menos- disse o loiro empurrando os 3 para fora do seu quarto  e ouvindo resmungos dos 3 amigos e logo depois bate a porta na cara deles e se senta apoiado na porta suspirando logo depois

Tudo aconteceu muito rápido, kirishima chamou ele e brigaram depois ele surtou de novo e quase da uma surra no mineta e levou um golpe do meio a meio que o fez desmaiar acordado amarrado na própria cama e encontrar denki, mina e sero no seu quarto para fazer um "interrogatorio" Não teve tempo para processar tudo direito e as palavras do ruivo.... Bakugo sabia que tudo oq ele falou era verdade afinal quem iria querer se apaixonar por um cara que xinga e manda todo mundo se fuder? Mas o loiro estava realmente tentando mudar, mudar pelo bem  ruivo. Queria ser alguém melhor e um namorado melhor para o kirishima

Mas o loiro tinha uma última chance, uma última chance de concertar toda a merda e monstrar que ele realmente mudou.

Bakugo levantou num pulo e calçou um sapato qualquer logo depois saindo de seu dormitório. Saia de fininho para ter certeza que ninguém iria o ver depois daquele pequeno "showzinho" que ele deu

~~~~~ Quebra de tempo~~~~

Ele já estava andando no shopping a horas e não achou oq ele queria ainda. Já tinha entrado em muitas lojas mas não achou o perfeito. Ele iria comprar um presente para ejiro afinal amanhã é aniversário dele e ele ainda não tinha comprado nada. Ele passou por uma loja chique que na vidrine vendia exatamente oq o loiro estava procurando ele entrou na loja sentindo o frio do ar condicionado o atingir e logo uma moça veio atendê-lo

- Seja bem vindo moço, oq você deseja?- fala a atendente se aproximando do loiro

-  Estou interessado nesse produto da vitrine - o loiro aponta para a vitrine e logo a atendente o leva para uma mesa para eles discutiram e verem valores

~~~~~ Quebra se tempo~~~

O loiro saia da loja com uma pequena sacola e seu cartão de crédito fálido. Havia gastado praticamente todo seu dinheiro mas valia apena para seu ruivo

Tá agora vocês me perguntam oq ele tinha comprado? Alianças. Não, ele não ia pedir o ruivo em casamento já que eles ainda eram muito novos para tal mas por incrível que pareça ambos namoram há meses e ainda não tinham alianças. Ambos sentinham necessidade de comprar o tal objetivo mas talvez por vergonha ainda não tinham comprado

°• Outro dia•°

Kirishima pov

Abro os olhos devagar me acustumando com a claridez do local mas dessa vez ele tinha certeza que tinha fechado suas cortinas. Mas então dou de cara com mina em pé em frente a minha cama com um sorriso no rosto

- Acorda florzinha do dia - diz mina animada enquanto balançava meu pé e eu a encaro confuso

- Arg que horas são? Tá muito cedo minaaaa- falo puxando meu cobertor até meu rosto cobrindo o mesmo

- Horário para o aniversáriante acordar- fala mina se animando ainda mais. Tinha esquecido totalmente que era seu aniversário

- afeee mina tá muito cedo para isso então como aniversariante do dia exijo dormir um pouco mais - eu falo ainda com o cobertor cobrindo meu rosto. 

- Tu não exije nada agora levanta se uma vez que hoje o dia vai ser longo- fala mina puxando meu cobertor mas eu não deixava e também puxava a impedindo de tirar o cobertor de cima de mim 

- Mina não. Eu tô só de cueca pô- falo constrangido pela situação e ela ri da minha cara

- Então você é dos cara que dorme de cueca? Relaxa kiribaby eu não gosto de pau- ela fala na maior tranquilidade do mundo e depois puxa completamente minha coberta e eu levanto logo depois indo em direção ao meu banheiro mas antes de eu entrar  no banheiro ela fala

- Eita bundinha definida em kiri. Bakugo devia amar fud- interrompi ela correndo para o banheiro e batendo a porta do banheiro no meio de sua fala

Tudo oq eu não  precisava era que alguém falasse o nome katsuki e muito menos da minha bunda ou até mesmo de sexo

Fiz todas minhas higienes, tomo um banho, e sai do banheiro apenas de  toalha e vejo a mina deitada na minha cama mexendo em seu celular. Rapidamente pego minhas roupas no guarda roupa e volto ao banheiro me trocando lá dentro e logo depois saio do banheiro já com minha roupa

- Vamos donzela? Já se arrumou?- fala mina sarcástica enquanto saia do quarto e eu acompanhava ela

Chegando lá embaixo todos já estavam lá e começaram a me comprimentar e me abraçar me desejando feliz aniversário. Sentei na mesa e tinha bastante comida. Como umas 3 panquecas com suco de laranja e um bolo de chocolate mas ainda sim sentia falta de alguma coisa(ou de alguém). Passei meus olhos por todos que estavam lá. Nenhum sinal do katsuki, ele não teve a cara de pau de descer, deve tá com vergonha ou algo do tipo. Depois de eu terminar de comer todos me arrastaram para ver um filme que passava na televisão, Cabana do beijo 2. Eu simplesmente amo filmes clichês com besteiras assim e o barraca do beijo 2 lançou antes de ontem  e eu quis assistir  mas o katsuki não deixou.

Assistimos o filme e quando acabou era mais omenos 12:30 e o denki me chamou para andar por aí. Disse que a gente ia andar de bicicleta no parque. Subi para meu dormitório e troquei de roupa tirando minha roupa de ficar em casa e colocando uma mais apropriado

Sempre gostei muito de ficar bem vestido não importa para onde eu vou. E agora não seria diferente não é mesmo? Coloco uma roupa apropriada para caminhadas e exercícios físicos e desço encontrando denki já arrumado lá embaixo. Eu acabei por chamar todo mundo para ir conosco mas estranhamente ninguém aceitou.

Chegamos no parque e andamos  até um lugar que alugava bicicletas e alugamos duas bicicletas pretas e saímos pedalando pelo parque.

Conversamos sobre diversas coisas e,como já esperado, ele fazia piadinhas sobre minha idade e falando que já posso ser preso e tals.

Paramos para descansar um pouco e compramos uma água e apoiando as bicicleta numa árvore e sentamos numa grama

Tinha um sol de rachar e um monte de famílias fazendo piqueniques, crianças correndo e brincando. Tava uma vibe boa no local 

-Sabe kirishima, acho que você devia conversar com o bakugo sobre oq aconteceu e- denki fala mas logo eu o interrompo

-Como ? Isso é sério? De qual lado você tá?- falo começando a ficar nervoso

-E-Eu não tô do lado de ninguém kiri, é só que você não sabe a história toda ent-denki fala mas eu o interrompo novamente

-Ah me dá licença- falo me levantando com raiva e vendo denki se levantando logo depois e vindo em minha direção

-ok ok eu falei merda então....bora comer alguma coisa?- ele fala dando um sorriso. Eh não posso negar que estou com fome. Pedalamos muito e já são umas duas hora da tarde então acabei aceitando o convite para comer logo esquecendo nossa pequena discussão

Fomos até o local onde alugamos a bicicleta e devolvermos e voltamos andamos mais um pouco até onde íamos comer. Paramos em frente a um local que é onde eu menos queria estar

- Tá de brincadeira né denki? - falo parando de andar e olhando na cara dele

- calma Bro  mayuri não tá aí hoje então relaxa - fala me olhando de volta e eu volto a andar.

O lanchonete tava toda escura então provavelmente fechada então por que diabos ele quer comer aqui? Essa poha tá fechada

Continuei andando sem falar nada até ele abrir a porta da lanchonete e me olhar

- Primeiro os damas- fala rindo e me olhando falando para eu ir na frente dele e eu rio da fala dele

Entro na lanchonete e acendo as luzes e logo um monte de gente pula do além e grita

- FELIZ ANIVERSÁRIOO- gritam animados e rindo. Estavam todos da minha sala e até alguns amigos meus das outras Salas. Coloquei um sorriso no rosto que logo desapareceu quando eu olhei para o caixa e vi a Mayuri com um sorriso sem graça falando desculpa. Tudo passava pela minha cabeça, tudo de encaixava direitinho como um quebra cabeça

Bakugo não me traiu, era tudo essa poha de festa. Ontem de manhã as pessoas não estavam nos dormitórios pq provavelmente estavam arrumando  essa festa e o bakugo iria vir aqui para ajeitar tudo. Caraca eu sou um idiota mesmo.

Eu continuava parado no mesmo lugar e todos me olhavam estranho sem entender oq passava na minha cabeça

Logo sai correndo, sai da lanchonete em direção aos dormitórios, as vezes tropeçava mas eu tava pouco me fudendo para isso também.

Corri bastante até chegar aos dormitórios, subi um monte de escadas e parei em frente ao seu dormitório. Eu tava suado e ofegante mas nesse momento não estava ligando

Me sentia com a consciência pesada por deixar meus amigos para trás e toda a festa que deve ter tido um trabalhão para arrumar tudo mas eu tenho que conversar com o katsuki

Fiquei um tempo parado na porta dele tentando relaxar e regular minha respiração. Bato na porta e não ouso barulho nenhum então bato de novo e ouso alguns resmungus. Logo depois ouso passos e a porta é aberta revelando um bakugo com a mesma cara de cu de sempre mas quando me olhou um tanto surpreso

Pov autora

Ambos passaram um tempo apenas se encarando ate que o ruivo pula encima do loiro e lhe dá um abraço. O bakugo demorou um tempo para retribuir mas acabou o fazendo

- Me Desculpa - Fala o ruivo saindo do abraço e encarando o loiro novamente-  Posso entrar?- Fala o ruivo e logo o loiro sai da frente dando caminho para o ruivo passar

Ele entra no quarto e se senta na cama logo ouvindo o outro fechar a porta e se encostar na porta

- Me desculpa, me desculpa por acreditar num idiota em vez de acreditar em você. Eu fui um babaca e devia ter te ouvido a história toda e- o ruivo começa a falar mas logo é interrompido.

- não precisa se desculpar, afinal tudo oq você falou ontem tava certo. Sou só um ignorante idiota que- agora foi a fez do ruivo interromper o loiro

- Pode ir parando. Eu te conheço bem o suficiente para falar que voce não é nada disso. Tudo aquilo que eu falei foi na hora da raiva.- fala o ruivo logo de levantando e indo em direção ao katsuki parando em frente a ele e o encarando

- Mas que merda kirishima eu não consigo passar 3 minutos sem falar um palavrão. Todo mundo na droga da UA acha que eu vou virar um vilão e eu não os culpo por que eu fico agindo como um vilão mandando todo mundo se fuder e falando "Shine" para tudo - Fala bakugo já ficando nervoso e encarando kirishima de volta

O ruivo sentiu seu coração apertar. Ele sabia que as pessoas falavam isso do outro e também sabia que isso o incomodava por isso evitava falar desses assuntos

- Não fala isso katsuki! Essas pessoas que falam isso não te conhecem de verdade. Você lembra quando foi sequestrado? Todo mundo ficou super preocupado contigo. Por que eles são seus amigos. Eu sei que você se esforça para mudar - Kirishima o abraçou novamente e katsuki deu uma pequena risadinha

- Você passa muito pano para mim- fala o loiro debochado da cara do outro que logo separou do abraço e dei uma risada e lhe encarou fingindo estar ofendido

- Tá tá eu admito que passo pano para você mas tudo oq eu falei são apenas verdades que algumas pessoas se recusam a aceitar - fala o ruivo o encarando de forma apaixonada

Ficou um silêncio confortável até que o loiro se aproxima e beija o ruivo. Um beijo lento cheio de luxuria que logo se transformou em um beijo sedento e selvagem

Kirishima prendeu o loiro na parede e colocou o joelho em meio a pernas do outro arrancando um gemido do loiro em meio ao beijo

Bem, como já foi dito uma vez,até suas pequenas discussões acabavam em brigas 









Notas Finais


Hello
Não sei fazer briga de casais então em desculpem
Deixei o lemon para o proximo por que minha criatividade tá em 0
Quem vocês querem que seja o ativo?
Espero que tenham gostado e até o próximo.
Byeeee


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...