História Klaroline: Uma história possível - Capítulo 27


Escrita por:

Postado
Categorias The Originals, The Vampire Diaries
Personagens Caroline Forbes, Elijah Mikaelson, Hope Mikaelson, Klaus Mikaelson
Tags Drama, Romance, The Originals, The Vampire Diares
Visualizações 19
Palavras 843
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Fantasia, Romance e Novela
Avisos: Insinuação de sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 27 - Aliado inesperado


Fanfic / Fanfiction Klaroline: Uma história possível - Capítulo 27 - Aliado inesperado

Aqui estou, sentado, tentando convencer Alaric que vim em paz, apenas visitar minha filha.. e resolver assuntos pendentes, mas ele está irredutível, não confia em mim de jeito nenhum..

-Vá embora Klaus! Não queremos você aqui! ... realmente você tem todo o direito de visitar sua filha Hope, mas você, igual a todos aos outros pais, devem respeitar as regras e vir no dia e horário prédisposto para as visitas, e não entrando escondido no meio da madrugada. -diz ele

Respiro fundo e decido abrir o jogo:

-.. Na verdade esse não é o verdadeiro motivo de eu estar aqui.. 

-Desconfiei desde o início, o verdadeiro motivo se chama Caroline.. estou enganado?

-Não... Eu.. eu não sei o que fazer Alaric..

Alaric me lança um olhar surpreso, ele não acreditava que eu estava demonstrando fraqueza diante dele

-... Tenho sentimentos fortes por Caroline como nunca tive por ninguém.. eu não consigo tirá-la da minha cabeça, por mais que eu tente pensar em outras coisas, ela sempre invade minha mente.. eu não sei o que é, só sei que ela é a razão por  me apertar o peito, por me trazer alívio e por tirar os pensamentos ruins da minha cabeça...

-Como assim? -Pergunta Alaric perplexo

-Não sei.. desde que comecei me envolver com Caroline, já tive inúmeras situações em que me desafiaram, me insultaram, cuspiram em meu nome, sentia meu espírito atormentado pelos demônios que me seguem, e que em outros tempos, eu destruíria tudo e todos, iría até o fim do mundo atrás de vingança, faria a pessoa desejar nunca ter nascido.. mas agora... ..... ... Agora, toda vez que penso em coisas ruins, esse sentimento que tenho dentro de mim me impede, penso em como Caroline reagiria e então eu paro... Esse sentimento é a coisa mais estranha que já presenciei, ele me paralisa sem nem ao menos um toque, me faz fazer coisas que nunca faria antes.. exatamente como agora.. eu vim no meio da noite ver se ela está bem.. eu saí de Nova Orleans só pra ver se ela está bem... Esse sentimento é a coisa mais ...

-Amor!  -Alaric me interrompe no momento exato

Olho para ele com os olhos lacrimejantes e ele repete

-Amor! O que você sente pela Caroline é o mais puro e lindo amor que existe entre um homem e uma mulher.

Ele falava com o olhar distante, parecia até que estava lembrando de algo, parecia que ele conhecia muito bem aquele sentimento, ouvi dizer que ele amava muito a mãe biológica de suas filhas

Fico parado sem saber o que falar, as palavras simplesmente se recusaram a sair da minha boca...

E então penso comigo mesmo

Será que é amor? Mas como? Em 1000 anos nunca amei mulher alguma.. Não entendia como isso foi possível..

De repente ele volta o olhar para mim, e de uma maneira áspera fala:

-Klaus... Eu posso não ter muitas habilidades na   vida mas depois de conviver com tantas pessoas e criaturas diferentes, eu desenvolvi a habilidade de saber quando alguém está mentindo...

Penso que ele não acreditava em mim, mas estava falando a verdade, acabei de abrir meu coração e é assim que sou tratado?!... Me viro para limpar meu rosto das minhas próprias lágrimas, não permitiria nem mais por um minuto que ele visse fraqueza em mim, estava pronto para ir embora quando meus pensamentos são interrompidos novamente com sua fala: 

-E eu vejo verdade no seu olhar...

Me viro surpreso e o indago

-Então acredita em mim? 

-Sim.. nunca pensei que diria isso mas sim, acredito em você Klaus! 

...

-Sabe, nesses meses em que Caroline voltou aqui para casa, eu a sinto distante, díria até que triste, e sei que ela te ama.. mas não podia fazer nada a respeito pois não sabia se você realmente sentia o mesmo e a última coisa que quero é ver ela criando expectativas e depois sendo magoada e abandonada, Caroline é uma pessoa muito especial, gentil, empática, forte e já sofreu muito na vida, passou por coisas que muita gente não aguentaria, mas ela continua lá de cabeça erguida e exalando luz por onde passa, ela merece só coisas boas na vida, por isso eu era contra a relação de vocês dois. Mas agora tive a certeza que você também a ama.. e por isso tomei uma decisão. -diz ele 

-Qual decisão? -pergunto

-Eu irei te ajudar a conquistar a confiança de minhas filhas e assim vocês poderão ficar juntos..

<>

Estava perplexo, mal podia acreditar que logo ele, o cara que mais me odeia estava me oferendo ajuda

<>

-Eu já tenho uma idéia..-digo me referindo a faca

-Se for a mesma coisa que estou pensando, será uma ótima idéia. -responde Alaric

Ele teve a mesma ideia que eu

Resolvendo o enigma da faca, além de fazer bem para toda a escola, fará com que todos vejam como eu mudei, e as filhas de Caroline me aceitariam... E agora com Alaric do meu lado, será mais fácil realizar essa tarefa.

 

...Só espero que o universo conspire ao meu favor...

 

 

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...