1. Spirit Fanfics >
  2. Kobe em pouco >
  3. Um faz de conta

História Kobe em pouco - Capítulo 13


Escrita por:


Notas do Autor


Eu nunca citei Grécia antiga numa redação

Capítulo 13 - Um faz de conta


Fanfic / Fanfiction Kobe em pouco - Capítulo 13 - Um faz de conta

Vamos ver se você advinha o filme: sabe quando a gente abre o instagram e fica descendo as fotos, aí você desce e desce, aí tem uma hora que você viu tudo, fecha, aí logo depois abre e acaba vendo as mesmas coisas...

Isso era uma frase dr uma garota do filme do Ana e Vitória, algo parecido com isso que eu disse, as vezes quando eu lembro dela, me lembra a gente... Nãoo isso que talvez vc esteja pensando e concorde com oque vou dizer, a gente é incrível, eu nao consigo olhar ninguém, nenhum outro relacionamento e não pensar "o nosso  é Melhor" e por muitas das vezes eu me perguntei se eu não pensava isso porque era o meu, a propósito nosso tá,  faria sentido eu pensar assim, afinal também acho que você não olhava pros outros e pensava que o deles eram melhor, eu só olhava pra gente e pensava o como eu e você é infinito, e isso eu escrevo com muita vontade, a gente é muito infinito Eduarda, só que a gente era muito sem noção ahsuahsuah, uma vez conversando com sua mãe na praça ela me disse "Oque você quer de futuro com a Eduarda" ou "...pra Eduarda" alguma coisa assim, aí eu disse que primeiramente quando a gente começou a namorar era que Eu queria te fazer feliz, e a segunda era ter sogros. Hoje eu penso que seria isso é mais um monte de coisas, afinal, como eu conseguiria isso? Que coisa vaga meo, hoje eu penso nisso e me vem direto a questão de conseguir dinheiro e poder dar condição as coisas, sabe aquelas coisas que não pode faltar? Que a gente não para de crescer até conseguir aquilo, a minha era poder lotar a geladeira com aqueles nescau que você toma, ausushsusyau eu juro que era um pensamento meu, esse negócio é 5 reais no mercado, e isso me vinha como um "são 150 pila por mês pra ela tomar um todo dia, hum..." E eu ficava nas contas com tudo isso, hoje eu tenho mais objetivos, eu Quero ser engenheiro, a princípio mecânico mas engenheiro de algo, eu também queria muito em dar um jeito pra conseguir sustentar nos dois enquanto você fazia cinema sabe? Não quero que soe nada machista entende? Eu não acho que seria algo fácil de estudar e trabalhar ao mesmo tempo e também foi algo que eu falei ctg uma vez lembra? Sobre eu fazer uma segunda faculdade e vc me sustentar enquanto estudo e aí você fazer uma segunda faculdade e eu te sustentar enquanto vc estuda, aí você disse que provavelmente ia ser assim, kkkkkskj eu  fico feliz de lembrar dessas coisas, sabe acho que uma coisa que afetou nossa relação foi a gente não ter MT bem objetivos, sabe, não ter função como hoje de estudar, não dizendo que não tinha, não fica brava, você faz muita coisa mesmo, mas ter tanta coisa em jogo sabe? Um vestibular, um emprego, uma vaga em alguma coisa, quero dizer, um "sonho", uma coisa que  a gente almeja e quer conquistar muito, a minha era simplismente entrar na faculdade, hoje é entrar na faculdade, tirar minha cnh, conseguir fazer todos os exercícios passado todos os dias, voltaraterumcertoalguemnaminhavida, objetivos... Espero que tenha entendido oque eu quis dizer, você geralmente entende. 

Eu no fundo não quero parar de escrever essas coisas, parede que no fundo de mim ainda, você vai acabar lendo e eu queria conversar e matar esse sentimento de ausência, não é solidão, é como perder o melhor amigo, como se perder o Afonso fosse doer muito menos, e também não é uma questão de perda ou dor, isso soa com de fosse alguém meu, amar é deixar ir para voltar quando quiser e eu acredito nisso e concordo, mas pensar que eu nunca mais vou conviver com aquilo é muito angustiante, como quando o woody largou todos os amigos para viver com a Beaty, eu chorei naquele final mano, eu sou horrivelmente sentimental, é e por tudo isso é mais um pouco, o botão de publicar o capítulo vem com um em baixo perguntando se é o fim, eu não quero que isso acabe, e como quando eu vou tomar vacina, e tenho que ir preparado pra levar a picada sendo que quanto mais eu penso nela, não fico mais preparado, e mesmo quando me convenço que eu to preparado, eu não tô não.

Eu tava afim de achar aquele sueter, acho que deve tar com você, eu tava procurando com um pouco de receio de ele tar com o seu cheiro aqui em casa, mas meio que não achei e meio que eu queria que ele tivesse com seu cheiro, eu ia me despedaçar mas, na minha mente valeria a pena... ;-; 


Notas Finais


Seja infinita edudu, mais doque você sempre foi.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...