1. Spirit Fanfics >
  2. Koi No Yokan >
  3. Capítulo I

História Koi No Yokan - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


EU DEMOREI MAS APARECI, Essa é a primeira fic do ano :)

Eu vou falar aqui como vão ser as datas pra postagem e falo melhor dela nas notas finais.

Terça feira: Capítulo de Koi No Yokan
Quinta feira: Capítulo de Scream
Sábado: One de Markus x Connor

O sabado não está totalmente certo pq eu não sei por quando tempo eu vou conseguir criar Ones, eu tenho alguns projetinhos, mas quando acabar ideia eu vejo o que fazer.

E sim! Vai ter cap toda semana, o dia de postagem dessa aqui é terça, não tenho certeza sobre horários.

E quando essa ou a fic de quinta acabarem eu já tenho um monte na fila só esperando pra essas duas acabarem e eu encaixar elas aqui.

Caso eu ache que precise eu escolho outro dia da semana pra postar umas dessas fics que estão na espera. Não tem nada muito certo.

Minhas aulas voltaram ontem e eu passei as férias inteiras só escrevendo, então tem muita coisa vindo. Bjs e espero que gostem.

Capítulo 1 - Capítulo I


Nada.


Ele não lembrava de nada.


Os olhos corriam rápidos e curiosos pelo quarto, tudo ali parecia novo, com exceção de alguns poucos objetos que lhe davam uma leve sensação de dejavú.


Levantou sem saber ao certo o que fazer, um lado seu queria deixar o lugar sair em busca de respostas, mas o outro lhe pedia para ficar e procurar pelo ambiente uma pista sobre qualquer coisa. Informações pessoais eram o que mais preocupavam o rapaz, não lhe parecia normal uma pessoa não lembram nada sobre si mesma, nem se quer o próprio nome.


Era um quarto pequeno com poucos móveis apenas uma cama, uma mesa de estudo com cadeira, um guarda roupa e uma janela trancada.


Tirando as folhas de papel e tinta que estavam sobre a mesa e um solitário conjunto de roupas dentro do armário, o quarto podia ser considerado vazio.


Nada ali o ajudava.


Tentou outros métodos para recordar de, no mínimo, um detalhe e descobriu cedo que forcar a memória era não só angustiante como também inútil, a resposta estava sempre na ponta da língua, mas mesmo que esforçasse não conseguia se lembrar.


Frustrado e com uma leve dor de cabeça o rapaz decidiu que deixar o quarto era uma boa opção e quando finalmente se sentiu confiante o suficiente para realizar tal ato a porta se abriu e revelou um rapaz ruivo de sorriso suave e, aparentemente, amigável.


— Você acordou.


— O que houve comigo? — Perguntou assumindo uma postura defensiva. — Porque eu não consigo lembrar de nada? — Aumentou seu tom.


— Calma. Eu prometo lhe contar, mas preciso que fique calmo. — O ruivo falava baixo e tranquilo quase como se falasse com uma criança.


Mas aquilo não teve efeito no outro que assim que viu a oportunidade passou pela pequena brecha entre o rapaz e a porta derrubando-o no processo, correu procurarando uma saida e quando finalmente deixou a estrutura que mais se parecia com uma casa ele perdeu o ar, não se preocupou em fugir do som de passos que se aproximava.


Ele podia não se lembrar de nada, mas ele falaria com toda certeza que nunca avia presenciado uma cena como aquela.


— Onde eu estou? — Virou-se para o rapaz que o seguiu casa a fora, seu olhar mostrava um tanto de satisfação e medo pela cena frente a si.


— Você está em Jerico.


Notas Finais


Eu sei que não dá pra entender muita coisa com esse cap, mas relaxem que é só o comecinho. Eu já tenho ele toda planejada e metade já está escrita (talvez ocorram agumas alterações pelo caminho)

Da ultima vez que eu conferi eu contei que essa fic teria mais ou menos 24 caps.

Eu realmente quis mudar algumas coisas e entregar um capítulo maior pra vcs, mas passei o dia com dor de cabeça e não quis adiar para a próxima terça, então saiu isso. Os próximos seram maiores e mais esclarecedores.

Essa fic tem a intenção de deixar vcs com dúvidas, então eu não posso responder muita coisa sobre o conteudo dela, mas não tenham medo de perguntar.

Um beijo e até.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...