História Konoha Academic - Capítulo 12


Escrita por: e Eduarda_nobre

Postado
Categorias Naruto
Personagens Asuma Sarutobi, Deidara, Fugaku Uchiha, Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Hinata Hyuuga, Hyuuga Hiashi, Ino Yamanaka, Inochi Yamanaka, Itachi Uchiha, Jiraiya, Kakashi Hatake, Karin, Kizashi Haruno, Kurenai Yuuhi, Kushina Uzumaki, Maito Gai, Mebuki Haruno, Mikoto Uchiha, Minato "Yondaime" Namikaze, Naruto Uzumaki, Neji Hyuuga, Orochimaru, Sai, Sakura Haruno, Sasori, Sasuke Uchiha, Shikaku Nara, Shikamaru Nara, Temari, TenTen Mitsashi, Tsunade Senju
Visualizações 113
Palavras 2.333
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Famí­lia, Ficção Adolescente, Romance e Novela
Avisos: Linguagem Imprópria
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Desculpem quaisquer erros...😙
Espero que gostem viu?
Bjinhuuu❤❤😙😙

Capítulo 12 - O beijo


 *Sakura* cheguei na academia, minha mãe foi me deixar( por incrível que pareça, ela teve tempo). Ela me ajudou a pegar todas as minhas bolsas, já que só volto pra casa no fim de semana. Primeiro dia de aula aaaaaa, tem muitas pessoas do lado de fora. É como se realmente fosse uma faculdade, mas não é. 

Pelo menos, não pra mim. Eu já me apresentei, por isso mesmo, sabem que ainda falta um pouquinho para que eu possa ir para a faculdade. Tem vários alunos de todas as séries, ou pelo menos, a partir do 1° ano de ensino médio. 

Konoha Academic é uma das melhores academias do país, ficando em segundo lugar apenas para  Academic Akatsuki. Vários alunos lendo diversos livros, conversando, fazendo gracinhas e até mesmo dando alguns amassos. Matando a saudade né gente?

Aí você pergunta, "ah, e você?". Bom, eu... não tenho namorado! Sou solteirassa e mais, não pretendo me apaixonar ou ter algum relacionamento tão cedo. Tenho medo de me decepcionar, novamente. 

Eu estou entrando na academia agora. Está tudo muito movimentado. Semanas atrás eu recebi papeladas com tudo que precisava comprar, o que deveria vestir, o número do meu quarto, horário das aulas E 5 uniformes para que eu escolhesse 3 deles. Recebi também 2 uniformes fora os 5, que são o de tempo frio e o de educação física.

Agora, estou procurando o meu quarto que é o -pego o papel no meu bolso e o olho- quarto na área azul, número: 527. Andei pela área vermelha, dos garotos, ate chegar na azul, das garotas. Parei em frente ao quarto cujo o número 527 estava exposto com detalhes dourados bem no meio da porta.

SAKURA: -É aqui mãe. Ja pode ir.

MEBUKI: -Tá bom, ja vou indo. Estou atrasada, tenho uma reunião em...-olhou o relógio- ...eita! Agora. Tchau!

Ela me abraçou e me deu um beijo na bochecha e assim saiu. Entrei com muita dificuldade com tantas malas em mãos. Quando entrei, dei de cara com a pessoa que eu menos esperava encontrar. Como o destino é maraviLHOSO.

SAKURA: -INOOOOO!

INO: -SAKYY!

Eu deixei as malas, ou melhor, joguei as malas no chão e corri para abraçar a minha melhor amiga. Qual é...isso é Deus, cara, Deus! Tantos quartos e a gente fica no mesmo...depois do abraço beeem apertado, nos separamos e recuperei o fôlego para falar:

SAKURA: -Meu Kami! Estamos no mesmo quarto. 

INO: -É claro. É destino. 

SAKURA: -Ah, me ajuda a ajeitar as minhas coisas. Anda.

Só agora eu percebi que uma menina de cabelos azulados e de olhos perolados estava nos olhando. Eu olhei para Ino que percebeu tudo. 

INO: -Ah é...Hinata essa é a Sakura e Saky essa é a Hina. 

Me aproximei dela e falei:

SAKURA: -OIII! Prazer.

HINATA: -O-oi. P-prazer.

Ela falou olhando para baixo e corada. Ela é fofaaa e tímida. 

SAKURA: -Que é isso Hina, a partir de agora nós somos amiga tá? Quer me ajudar a ajeitar as minhas coisas. Pode mexer se quiser hahaha, a porquinha vive mexendo.

HINATA: -T-tudo bem.

Eu e Hinata começamos a tirar as roupas das malas. Enquanto Ino, ai Kami, estava mexendo em TUDO. Quer dizer, em tudo relacionado as minhas coisas. Mas pelo menos ela é organizada, nossa, a Ino o.d.e.i.a bagunça. 

...

Depois que terminamos de arrumar as minhas coisas, parecia mais uma eternidade. Sobrou apenas 20 minutos. Já que estávamos no tédio, resolvemos conhecer a academia. Começamos a andar pelos corredores da academia e conversávamos um monte. A Hina ficava envergonhada de vez em quando. Até a Ino, ai Kami, tocar no assunto:

INO: -Então meninas...-eu a olhei confusa- ...Como esta a paixonite aguda de vocês?

SAKURA: -Explica direito Ino.

HINATA: -E-eu não entendi.

INO: -Af! Como estão no amor meninas? Sabe...vocês ja gostam de alguém? Os crush.

Ela bateu na própria testa.

SAKURA: -Ham, o meu ta difícil. E eu não pretendo ter um amor...(respiro fundo)...Você sabe disso Ino.

INO: -Sei, sei. Agora...e você Hina?

Coitada da Hinata. Ela ficou tão vermelha...parecia um pimentão! 

HINATA: -O-o que? E-eu não t-tenho.

INO: -Aham...sei...

SAKURA: -Pelo menos não no momento né Hina? -tentei ajuda-la. Mas assim que me virei de costas para me virar de frente para Hina, cujo estava andando ao meu lado, eu esbarrei em alguém. 

Dei de bunda com o chão. Ai...essa doeu. Eu passei a mão na minha cabeça e levantei. Olhei pra frente e vi um moreno alto, com olhos ônix me fitando. Eu me senti tão pequena diante daquele enorme homem a minha frente, porque eu não posso chama-lo de "garoto".  

Eu me virei para Ino que estava babando praticamente. E Hinata olhava para o lado corada. Eu em...tudo bem que ele é lindo, maravilhoso mas elas podiam ajudar a amiga delas aqui né? Agora percebi que ele estava mais um loiro que sorria pra mim desesperadamente e um outro moreno. 

Eu ajeitei a minha postura e falei: 

SAKURA: -Então, não vai me pedir desculpas?

Ele me olhou...surpreso. Mas depois ajeitou sua postura e me falou:

-Não.

SAKURA: -Como assim não?

-Foi você que esbarrou em mim. Quem não olha por onde anda é você que fica de conversinha com as suas amigas ai.

SAKURA: -Primeiramente você é um mal educado. Segundo que...arg! Seu...seu...marrento!

Ino se aproximou de mim e cochichou um "marrento Sakura?". Eu so falei "eu não pensei em mais nada".

 -Marrento? Quem você pensa que é Rosada?

SAKURA: -ROSADA? Quem você pensa que é. Isso é preconceito humf!

-Não vou ficar batendo boca com você esquentadinha.

SAKURA: -Isso foi outro. E pra sua informação eu tenho nome.

-E qual seria Rosada?

SAKURA: -Sakura Haruno. 

-Hum...

SAKURA: -"Hum" nada! Eu quero saber o seu agora.

-Tanto faz. -Ele começou a caminhar para sair e sussurrou no meu ouvido um "cuidado Haruno" o que eu poderia fazer eu não sei, mas eu me arrepiei TODA.

Depois que eles saíram Ino veio mais rápido que o flash(se possível) para perto de mim. E eu apenas comecei a andar normalmente igual Hina.

INO: -Não. Não e não! 

SAKURA: -O quê?

INO: -Não se faça de cega Sakura. Você viu o gato que esbar...Você esbarrou.

SAKURA: -Você ainda está do lado dele porca?

INO: -O QUÊ????

HINATA: -Não briguem por favor.

SAKURA: -Não se preocupe Hina, eu e a porquinha somos amigas e nos amamos!

INO: -É claro. Mas você também acho não achou Hina?

HINATA: -E-eu achei b-bonito o l-loiro.

Eu fiquei de boca aberta com isso. Nossa senhora. Eu não esperava isso da Hina, hahahaha, que bom,  sinal de que ela pode se apaixonar e ser feliz...ai Kami, se eu conseguisse.

INO: -SÉRIO? Eeeeee, essa é a Hina. Olha só! Ele é também é bonito.

SAKURA: -É verdade. E o sorriso dele também! Acho que vocês combinam.

Falei isso enquanto andava novamente pelos corredores da academia.

HINATA: -M-mesmo?

SAKURA E INO: -Claro!!! -e começamos a rir. 

O sinal tocou e voltamos para o nosso quarto, para dar tempo ajeitar as coisas e ir para aula. Ajeitei a minha mochila e saí do quarto. As meninas logo vieram atrás. Mas, como nada é perfeito( ainda bem) temos que passar pela área vermelha, cujo os meninos de agora a pouco estavam saindo de seus quartos. 

SAKURA: -De novo...-revirei os olhos resmungando.

-O que disse Rosada?

SAKURA: -O que você ouviu...marrento.

INO: -Vamos Sakura, vamos. É melhor do que arranjar briga no primeiro dia de aula ainda mais com...deixa pra lá.

-O que disse cópia de barbie? -Falou um moreno de cabelos pretos, branco, branco,branco...parecia alma.

INO: -Do que você me chamou seu fantasma?

-Mas o q-

HINATA: -P-por f-favor, parem de b-brigar. 

SAKURA: -Vamos Ino. -puxei a porquinha mas antes eu me virei para ele e falei- Mas só por causa da Hina. 

Um deles ia falar algo só que eu fui mais rápida e saí de lá. Cheguei na sala de aula e me sentei no meio da Ino e da Hinata. Alguns minutos depois avistei aquele moreno morrento, com o loiro, um de cabelos longos, o tal fantasma e mais dois que não tinha visto até agora. 

O tal marrento sentou na MINHA frente e um ruivo atrás de mim. Ás vezes o marrento se virava e pegava a minha tarefa, ou pedia para que eu passasse um papel para o ruivo. Eu só passei umas 2 vezes, depois eu nem olhei mais. 

...

O sinal tocou, graças a Deus. Eu já tava para perguntar se eu podia sair de sala e ir comer. 4 aulas, 4 longas aulas acabaram. Mas foi top, fora a fome é claro. Eu saí da sala direto para o refeitório, nem as meninas eu esperei. Quando estava a caminho do refeitório, eu fui barrada por uma cadela de cabelo vermelho. Fui literalmente barrada. Tava ela e mais duas, uma loira e outra morena. 

O que elas querem? Eu tentei sair mas me empataram. Então eu parei na frente dela batendo o pé no chão. 

SAKURA: -Ai Kami, o que eu fiz para merecer isso? -perguntei para mim mesma- Olha aqui, não to com tempo muito menos paciência. Então você me deixa passar ou eu te levo junto. E acredite, não vai ser da maneira mais doce.

-Chiclete, eu só qu-

SAKURA: -OPA! Calma aí. Eu tenho nome sua cadela vermelha. 

CADELA VERMELHA: -Do que você me chamou chiclete?

SAKURA: -Ainda é surda. Ai ai...

CADELA VERMELHA: -Eu não vou perder tempo com voc-

SAKURA: -Muito menos eu. Então...SAI DA MINHA FRENTE.

CADELA VERMELHA: -OLHA AQUI EU QUERO VOCE LONG-

SAKURA: -PRIMEIRO QUE VOCÊ NÃO QUER NADA. E SE FOR COMIGO, MUITO MENOS. ENTÃO FICA QUERENDO AÍ QUE EU VOU COMER.

Eu saí de perto daquela cadela "véa" e dei a volta para ir no refeitório. Vi que Sasuke observava a "briga" e me olhava novamente. Ele tava na minha frente quando eu fiz gesto de passar e ele não saiu. O que ele tem? 

Foi aí que a idéia surgiu. Eu fiquei na ponta dos pés, me aproximei dele e sussurrei:

SAKURA: -Tá no meio marrento. 

Acho que ele saiu de Nárnia já que o mesmo saiu do meio. Eu saí com um sorriso vitorioso no rosto. Aaaaaa, que felicidade. Depois encontrei com as meninas e logo contei tudo. Cada detalhe! E C.L.A.R.O, eu comi. Depois voltamos para a sala e depois de mais 4 aulas, o sinal tocou como músicas para meus ouvidos.

Eu arrumei a mochila e saí junto das meninas. Incrível como a porquinha demora para arrumar as suas coisas. Já era tarde. As aulas começam 12:00 e acabam 20:00, olha que eu não tinha parado para pensar o quanto isso demora. 

Voltei baita cansada para o quarto, ah, provavelmente já perceberam mas...eu,Ino e Hina somos colegas de quarto. Eu entrei no banheiro, tirei cada peça da minha roupa na velocidade de uma tartaruga. Passei um bom tempo no chuveiro, lavei o cabelo e me ensaboei tão devagar que as meninas perguntaram se eu estava bem ou se aconteceu algo. 

Vesti um roupão e saí. 

INO: -Até que enfim. Achei que tivesse morta lá dentro. 

Falou ela entrando no banheiro.

HINATA: -Você demorou Sakura-san.

SAKURA: - AHHH não Hina. 

Ela me olhou confusa. 

SAKURA: -Não me chama assim. Me chama só de Sakura ou só de Saky.

HINATA: -Tá bom S-Saky.

SAKURA: -ISSO MESMO!

Eu a abracei. Depois eu fui me vestir. Passei meu hidratante de cerejeira, vesti meu pijama de unicórnio, vou falar como é; uma calça  cinza com bolinhas ( vermelho, azul,rosa e lilás) e uma blusa manga longa, cinza até o pulso e rosa do pulso até os dedos(grande eu sei, é que não tinha o meu tamanho só um maior e eu queria muito esse pijama). Com unicórnios em toda a blusa.

As meninas estavam muito cansadas também. Ino logo, logo dormiu e Hina minutos depois. Eu me remexi de um lado, me remexi de outro e nada. Me levantei bebi água e me deitei novamente. Sempre tive o problema de demorar a me acostumar em lugar diferente. 

Já sei o que fazer! Vou dar uma volta. Levantei, calcei as pantufas e vesti um sobre-tudo. Abri a porta devagar e a fechei. Não conheço nada por aqui...Af! Comecei a andar, tava escuro, mas a luz da lua ainda iluminava alguns cantos. Foi assim que cheguei a um lugar muito afastado. Aliás, o lugar era aberto e o vento faz visita direto. Na verdade, estava no terraço. Me sentei e aproveitei a vista.

Alguns minutos depois, sinto a presença de mais alguém. Mas só fico sentada no meu lugar. Depois, a pessoa se senta ao meu lado. Eu olho para o lado e vejo o marrento. Antes que eu lossa falar algo, ele fala:

-Achou meu lugar secreto Haruno.

SAKURA: -Bem...ele não é tão secreto assim. 

-Ah é? Você é a primeira que vejo aqui.

SAKURA: -Nossa.

-O que te trás aqui?

SAKURA: -As pernas.

Ele revira os olhos. E eu não consigo evitar de soltar uma pequena risada.

SAKURA: -Chato. Nem sabe brincar. Eu to sem sono.

-Ahh.

SAKURA: -E você?

-Sempre venho aqui antes de dormir.

SAKURA: -Ahh, tendi.

Ficamos um tempo em silêncio, um silêncio até bom... até q ele falou:

-Uchiha Sasuke.

SAKURA: -Olha só...Prazer Uchiha.

SASUKE: -Por que você é diferente Haruno?

SAKURA: -An?

SASUKE: -As meninas costumam morrer por mim e você...você faz é brigar comigo. Sabe, eu fiquei surpreso na hora que você esbarrou em mim. Qualquer garota começaria a pedir desculpas e a tentar me beijar ou me agarrar. Já você exigiu desculpas.

SAKURA: -Eu não sou qualquer uma Uchiha. Eu sou Sakura Haruno entenda isso.

SASUKE: -Já viu as raposas?

SAKURA: -Eu não gosto delas, são só garotas que se fazem de mulheres e se vestem como se estivessem nuas. Eca!

SASUKE: -São melhores que você.

O que ele falou? Eu vou mostrar pra esse maldito Uchiha quem eu sou.

SAKURA: -Eu garanto que não.

SASUKE: -Hum...

SAKURA: -Que foi Uchiha?

SASUKE: -Me prove.

SAKURA: -Depois não diga que eu não avisei.

Eu rapidamente subi em seu colo e o fitei. Aquele par de ônix maravilhosos...eu passei minha mão pelo tórax do Uchiha e fui subindo. Contornei sua boca com meus dedos e a beijei. Ainda em cima do Uchiha...o beijo se iniciou calmo mas depois Sasuke segurou em minha nuca e na minha cintura aprofundando o beijo. 

Só nos separamos por falta de ar. Depois eu sussurrei em seu ouvido.

SAKURA: -Eu disse que sou melhor Uchiha. 

Eu saí dalí e dei um beijo no canto da boca dele. Deixei o Uchiha lá e voltei para o quarto. Dormi e acordei com o despertador tocando...um novo dia!







CONTINUA... 










Notas Finais


Espero que gostem! O próximo será escrito pela nossa autora né? Deixo cntg Kauane.
Bjoo!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...