História Labirintos da Mente - Yoongi ( Fanfic SUGA) - Capítulo 19


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin)
Tags Suga
Visualizações 153
Palavras 2.219
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Suspense
Avisos: Álcool, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 19 - Visita inesperada


Fanfic / Fanfiction Labirintos da Mente - Yoongi ( Fanfic SUGA) - Capítulo 19 - Visita inesperada

             Fico olhando, sem dizer nada para as seis pessoas que estavam paradas na frente de minha porta, nem acredito que BTS inteiro estava na minha casa. Certo, sei que eu deveria ter diminuído minha loucura de fã, desde que fiquei com o Suga a primeira vez, mas não dava, eu nasci para ser army e vou morrer assim. Jungkook, Taehyung, Jimin, Hoseok, Namjoon e Seokjin estavam me olhando, provavelmente esperando eu sair do transe.

                  - Olá S/N. Quanto tempo. – Jin fala sorrindo.

              - O-oi meninos. Entrem por favor. – dou espaço para eles entrarem, olho para o Suga que observava calado. Os meninos entram observando meu apartamento, depois olham para o Suga que estava sério.

                  - Achamos que você tinha sequestrado o nosso Suga. – diz Taehyung rindo.     

                   - Acho que foi ao contrário. – diz J Hope rindo e chegando perto do Suga. Rio vendo a expressão dele.

                 - Estávamos tendo uma reunião, nada a ver com trabalho e sim planejando algo. Já que o Suga não apareceu para participar da reunião, trouxemos a reunião até ele. – Namjoon sorri.

                - Fiquem à vontade. Sentem-se. – sorrio apontando para o sofá, Jimin rapidamente se senta ao lado de Yoongi, depois os outros se sentara m olhando para o Suga que os olhavam em silencio. Os meninos olharam para ele depois para mim.

                   - Atrapalhamos alguma coisa? – Jimin e Jungkook perguntam.

                   - Não. – digo nervosa.

              - Sim. – Suga diz ao mesmo tempo que eu ainda com a cara fechada, acho que ele não gostou de os meninos terem interrompido nosso momento. Ele fica olhando para os meninos como se reclamasse.

                    - Perdoe-nos. – diz Taehyung.

                    - Tá tudo bem. – falo sorrindo, Suga me olha erguendo a sobrancelha. Ignoro. – Querem que os deixem sozinhos?

                    - Não, você pode participar. – Namjoon diz sorrindo.

                  - Trouxemos comidas, pelo menos alguns petiscos, para comermos enquanto conversamos. – Jin levanta algumas sacolas cheias de coisas. – Posso ajeitar aqui na mesinha?

                   - Claro!

                   - Você pode pegar alguns pratos ou algo do tipo? – Jin pergunta.

                 - Sim. Vou pegar e ajudar a arrumar aqui. – sorrio indo até a cozinha. Suga tira a almofada das pernas e coloca em cima do Jimin e se levanta.

                   - Eu te ajudo. – ele diz me acompanhando. Paro e olho para ele.

                   - Não precisa, por que você não faz companhia aos meninos?

                - S/N, eu vejo os meninos todo santo dia. Não se preocupe, eles me amam, mas não vão chorar se eu me afastar por dois minutos. – ele segura em minha cintura me conduzindo para a cozinha, então os meninos começaram a fingir que estavam chorando e chamando o nome do Suga, começo a rir indo para a cozinha.

                 - Você é cruel com os meninos. – falo quando chegamos na cozinha, me vira de frente para ele.

            - Ninguém pediu para eles invadirem o meu espaço, que agora é nosso espaço. – diz ele abraçando minha cintura e me beijando, retribuo passando os braços ao redor de seu pescoço, encerro o mesmo e o olho nos olhos.

                - Sabe o que não entendi?

                - O que? – ele pergunta colocando uma mecha de meu cabelo atrás de minha orelha.

               - Como os meninos sabiam meu endereço?

              - Não sabiam. Provavelmente rastrearam meu celular. – ele sorri. – Bom, agora eles sabem. Se um deles vierem aqui sem mim, feche a porta na cara dele, ok?

               - Não vou prometer nada. – rio me afastando e indo até os armários pegando as coisas que precisávamos.

             - Não quero você dando confiança demais a eles. Confio em você e neles também, mas dar confiança aos meninos, sua vida vai virar uma bagunça. – ele rir, sabia que ele estava brincando, rio junto, ele pega algumas coisas da minha mão.

            - Mais bagunçada do que está, não tem como. – ele sorrir e beija o canto de minha boca, ouço a campainha, mas estava ocupada demais para ir atender, depois de alguns segundos Taehyung entra na cozinha olhando para nós dois.

              - Tem uma garota na sala chorando e perguntando por você S/N. – fico surpresa, só podia ser a Lis, não tinha outras amigas, então entrego as coisas para o Tae e saio correndo para a sala, Lis me olha e corre ao me encontro me abraçando.

              - O que aconteceu? – me afasto para olha-la. Ele olha para os meninos depois para mim.

              - Podemos falar a sós?

           - Hum... – olho para os meninos, depois volto a olha-la. – Vamos para o quarto. – olho novamente para os meninos. – Com licença. – sorrio sem graça e caminho com a Lis para o meu quarto. Mal entramos e ela corre para a cama se jogando na mesma. Me senti mal em deixar os meninos lá na sala sozinhos, mas minha amiga precisava de mim. – Então...?

              - Nós terminamos. Ele terminou comigo. Ele... eu não entendo. Estávamos tão bem.

              - Mas você me ligou hoje falando que vocês se encontraram e... – sabia que estava acontecendo algo só pelo tom de voz dela pelo telefone. Mas eu estava tão feliz com minha reconciliação com o Suga, que nem pensei em perguntar se estava tudo bem. Aposto que ela falou do emprego para não estragar minha felicidade.

              - Nosso encontro... – ela suspira se sentando, e me olha. – Nós discutimos, e hoje ele me ligou e terminou.

              - Terminou só por que discutiram?

              - Não. Ele me disse que estava apaixonado por outra pessoa. – ela abaixa a cabeça, me sento do seu lado.

              - Mas vocês estavam tão bem naquele dia que vieram aqui em casa.

              - Ele fingiu o tempo todo, S/N.

              - Lisa, sinto muito. – limpo suas lagrimas – Mas não vale a pena chora por esse tipo de homem.

              - Eu sei, mas eu gosto muito dele. – ela funga.

              - Eu sei bem disso. Via seu jeito com ele. Mas quando o sentimento não é recíproco, não vale a pena chorar por ele. Por que não vamos lá para sala nós distrairmos? Não sei se notou, BTS em pessoa está na minha sala nesse exato momento. E até onde sei, você também é super fã deles.

              - Invejo você S/N, ficando com o Suga, seu ídolo. Seu amor de fã evoluiu para amor mesmo.

              - Tem seis homens maravilhosos ali na sala solteiros, vai que você tem sorte. – sorrio.

              - Não me chamo S/N Sortuda da Silva. – ela joga o travesseiro em mim e o pego.

              - Não. Mas é a Lisa pegadora. – ela começa a rir então devolvo o travesseiro.

              - Você e o Suga já transaram nessa cama. – estava na cara que ela queria se distrair, mas falar da minha vida intima não era bem a distração que ela precisava. Rio balançando a cabeça.

              - Ainda não. Na minha cama não passamos das preliminares - sorrio balançando a cabeça. – Mas não vamos falar disso. Que tal nos juntarmos aos meninos?

              - Ok. Você venceu. Acho que vai ser bom passar um tempo com homens de verdade. Vamos. – ela levanta da cama, segura minha mão me fazendo levantar.

              - Você é a pessoa mais forte que conheço. – sorrio.

              - Se você diz. – ela sorri de volta e então saímos do quarto indo para a sala.

 

 

 

 

                                      >>SUGA<<

 

           Observo S/N sair da cozinha correndo, seja quem for, parecia importante para ela, deve ser aquela amiga dela, a que me expulsou da casa da S/N, não tenho raiva, afinal ela só fez o que a S/N pediu, mas deixo de pensar que se ela tivesse me deixado entrar, talvez as coisas teriam se ajeitado mais cedo. Taehyung estava me olhando calado, talvez esperando eu dar o primeiro passo para levar as coisas para sala, então faço estalo a língua e começo a me encaminhar para a sala.

              - Vamos Tae. – digo sem o olhar, espero que S/N resolva as coisas logo.

             - A amiga da S/N parecia muito triste. O que será que aconteceu? – ele me pergunta.

             - Não tenho poderes psíquicos. - digo arrumando as coisas na mesa, os meninos começam a ajudar.

             - O que é isso? – ele me pergunta, o olho levantando a sobrancelha. – Ah, entendi. São poderes de ler mentes.

             - Mais ou menos. – Namjoon fala, sabendo que eu não iria responder. – Poderes psíquicos são capacidades de pessoas, feitos que a ciência não consegue explicar. Ler mentes não é bem um poder psíquicos, já que ninguém ainda foi capaz de provar ler mentes, mas clarividência é bem parecido.

             - Virou escola agora? – pergunto olhando para o Namjoon.

              - Ahh entendi. – Tae fala ignorando o que falo.

              - Mas então, o que querem falar comigo? – pergunto olhando para eles e me sentando em uma poltrona. – Espero que seja importante, já que não esperaram eu chegar em casa.

              - Não quer esperar a S/N para ela participar? – Jimin pergunta.

              - Não. Se for importante, depois eu falo para ela.

              - Jimin quem teve a ideia assim que disseram que teríamos esse fim de semana de folga. – Taehyung fala e Jungkook confirma com a cabeça.

              - Isso, ele quer... – Jin começa.

              - Deixa o Jimin falar, já que ele quem teve a ideia. – interrompo Jin.

              - Ok. – Jimin levanta ficando em um ponto em que todos pudessem vê-lo – Eu pensei...

              - Doeu? – pergunto rindo.

              - Que? – Jimin pergunta, mas todos tinham entendido minha piada e começaram a rir. Quando ele finalmente entendeu o que quis dizer, ele pega a almofada e joga em mim – Cala a boca.

              - Respeita os mais velhos. – falo ainda rindo.

              - Eu penso sempre. Isso é bullying Hyung. – ele finalmente ri.

              - Ok. Pode continuar. – sorrio cruzando os braços.

              - Então. Eu estive pensando, que tal sairmos para acampar, e...

              - Não, obrigada. Tenho que escrever músicas.

              - Suga, é nosso fim de semana de folga, você precisa se divertir um pouco. – diz Hoseok.

              - Aposto que não quer ir para não ficar longe da S/N. Mas já pensei nisso. Você pode leva-la. – Jimin parecia convencido de que isso me faria mudar de ideia.

              - Você tentou faze-la me convencer a sairmos juntos, agora...

              - Vamos Hyung, vai ser ótimo para você descansar um pouco, e ficar um tempo a mais com a S/N, antes de voltarmos com a turnê. – abaixo a cabeça pensando. Tinha isso também, a turnê estava perto de recomeçar. E o pouco tempo que tive com a S/N, foram só de brigas e intrigas. Então olho para a direção do quarto e vejo ela retornar junto com sua amiga. Sorrio e ela sorri de volta.

 

 

                            >>S/N<<

 

             Volto para a sala com a Lis do meu lado, era a primeira vez que a via tão tímida, Yoongi me olha e sorri, retribuo o sorriso e me junto a eles, Lis cruza os braços olhando para todos da sala.

            - Então, essa é a Lisa, minha amiga. – aponto para ela, depois olho para os meninos. – Lis você já os conhece, mas esses são Jungkook, Namjoon, Seokjin, Jimin, Hoseok, Taehyung e Yoongi... – Suga se levanta parando ao meu lado.

            - Namorado da S/N. – ele sorri dando um beijo em meu rosto. Todos estavam olhando para nós dois, fico levemente corada.

               - Prazer a todos. – ela faz o cumprimento, depois olha para o Suga. – se fizer a S/N chorar de novo, eu te capo. E não estou nem ai que você é o Suga do BTS. E muito menos que foi culpa do...

              - Vamos mudar de assunto. – sorrio sem graça interrompendo a Lis que estava falando demais, apesar de eu gostar desse jeito protetor dela. – O que vocês estavam conversando?

              - Gostei dela. – Suga sussurra em meu ouvido depois sorri e me responde. – O Jimin estava nos chamando para acamparmos nesse fim de semana.

              - Isso quer dizer que você vai? – Jimin pergunta animado para o Suga.

            - Não disse nada. – ele olha para o Jimin com a sobrancelha erguida. – Mas pode ser que eu aceite. – ele sorri.

            - É uma ótima ideia. – Lisa entra no assunto. – Adoraria acampar. – ela olha para todos. – Quero dizer, se vocês aceitarem que eu vá também. – Lis tinha o dom de se auto convidar para eventos como esse, começo a rir.

            - Suga está precisando se distrair, então eu concordo em acampar. – sorrio, Suga me olha, sabia o que aquele olhar queria dizer, ele dizia que eu o distraia bem. Olho para ele com cumplicidade, seria um ótimo jeito de nos distrairmos juntos. Ele sorri, acho que entendeu meu olhar.

            - Ótimo, acampamento então. – Suga sorri passando o braço em minha cintura e apertando de leve.

            - Uhuuu... – Jimin pula de alegria em cima do Jungkook e do Tae. – E é claro que você pode vim também Lisa.

            - Ebaa... – Lis bate palma animada. – Espero me distrair muito.

            - E você irá. – Taehyung fala.

            - Então todos concordam? – Jimin pergunta.

            - Sim!!! – Jungkook, Hoseok, Namjoon falam juntos.

            - Claro. – Jin e Taehyung concordam. Enquanto Suga fica calado observando e sorrindo.

            - Então vamos comemorar... – Jimin abre umas garrafas de refrigerante. Todos estavam felizes com esse pequeno recesso do trabalho. Começamos a comer as coisas que o Jin trouxe e bebemos enquanto conversávamos, estávamos realmente nos divertindo muito, e os meninos começaram a fazer bagunça em meu apartamento, assim como eles faziam no Vlive. Sorrio vendo a cena, até o Suga se meteu nessa bagunça e claro que Lis não ficou de fora e ainda me carregou junto. Foi um dia maravilhoso, que não queria que chegasse ao fim.       

 

 

 

                                                   

 

                                              >> CONTINUA<<


Notas Finais


Até mais. <3 XoXo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...