História Laços de ódio (Imagine Felix) - Capítulo 30


Escrita por:

Postado
Categorias (G)I-DLE, Blackpink, HyunA, Lu Han, Stray Kids, TWICE
Personagens Bang Chan, Lee Felix
Visualizações 64
Palavras 1.956
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Festa, Ficção Adolescente, Literatura Feminina, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Violência, Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Álcool, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 30 - Uma vingança fora dos limites.


Fanfic / Fanfiction Laços de ódio (Imagine Felix) - Capítulo 30 - Uma vingança fora dos limites.


_ Uma festa?_ perguntava para Jeeny do outro lado da linha.


jeeny_ Siiiim, um amigo que conheci me convidou pro aniversário dele hoje, e vai ser em uma casona. Você poderia ir comigo e o Alex.


_ Hm...sei não jeeny._ Mordi os lábios.


Jeeny_ Ah, vai, só uma festinha, eu te garanto que iremos nos divertir._Suspirei pesadamente._ Eai?


_ Okay..._ Escutei seu grito de animação, me fazendo tirar o celular de perto, com uma careta de dor nos tímpanos._ Pare de gritar, sua doida. Bom, que horas a festa vai se- fui cortada.


Jeeny_ As nove horas, vai acabar três horas da manhã._ Arregalei os olhos.


_ Pra que isso?_ Perguntei receosa._ Eu trabalho sabia? Não são vocês dois que tem que acordar todos os dias de manhã cedo, praticamente de madrugada eu diria, pra trabalhar e botar comida dentro de casa._ Bati meus pés freneticamente no chão.


Jeeny_ Ain, para de drama, estamos tentando encontrar algum emprego._ Bufou._ Enfim, como está o seu pé?_ Olhei o mesmo que tinha uma mancha roxa na lateral.


_ Roxo e dormente._ Exclamei simplista.


Jeeny_ Dormente? você é imune a dor, só pode. Se eu torcesse meu pé, eu ficaria um mês sem ir trabalhar.


_ Você não iria deixar de ir ao trabalho por um pé torcido, e sim pela sua preguiça do capeta._ Ouvi sua risada do outro lado, fazendo-me dar uma pequena gargalhada.


Jeeny_ Palhaça._ Riu mais um pouco._...Opa, Alex está me chamando pra irmos em outro estabelecimento entregar mais currículos, então...até mais, S/N. Beijos, se cuida._ Encerrou a chamada sem antes me deixar dizer alguma coisa.


_ Doida._ Proferi olhando a tela do meu celular, que se apagou em questão de segundos._ Vamos tomar um banho..._ Me levantei indo na direção das escadarias, subi as mesmas dando de cara com o corredor. Entrei em meu quarto, indo até o banheiro que ficava do lado da minha cama._ Que exausta estou._ Me certifiquei de trancar a porta( Oque? Pode entrar um estrupador aqui) e comecei a me despir entrando no box logo depois._Tenho que parar de falar sozinha, vai acabar assustando os meus anjos da guarda.



(. . .)



19:45 PM.


Jeeny_ Veste logo essa porra, S/N._ Corria atrás de mim que nem uma louca.


_ Me obrigue._ Mostrei a lingua voltando a correr.


Jeeny_ Amas tu vai ver._ Do nada o Rodrigo brota na sala todo arrumado.  A sua cara confusa era bem visível, mas parece que ele sacou tudo e, então revirou os olhos.

 

Alex_ Pelo amor de deus, S/N. Nós temos que ir pra festa, veste logo a merda da roupa._ Proferiu sem paciência.


_ Mas é muito curta._ Falei parando de correr, Jeeny pulou nas minhas costas agarrando-me_ Ah, sua vaca. Solte-me em nome da lei._ Estapiei seus braços que estavam em volta do meu pescoço, ela não me sufocava, claro que não, mas se ela não me soltasse,eu teria que ser obrigada a botar aqueles pedaços de pano( Roupa da festa).


Jeeny_ Lei é o meu pau, agora veste logo essa desgraça, se não vamos nos atrasar._ Suspirei derrotada, ela se soltou de mim e eu peguei a roupa da sua mão, olhando-a nos olhos fingindo estar triste._ Haha, dessa vez eu não caio nessa, pode fazer cara de cãozinho sem dono que isso não vai dar certo._ Riu. Apenas revirei os olhos pegando a tragetoria  pro meu quarto.





Jeeny_ Meu deus, da uma rodadinha._ Rodopiei sem ânimo algum, ouvindo os gritos da garota._ Você está muito gostosa, se eu fosse homem eu te pegava._ Bateu palminhas.



_ Por deus Jeeny, estou me sentindo nua._ Senti um tapa ser desferido na minha nuca, olhei pra trás vendo Alex passando por mim ficando do lado da sua namorada.


Alex_ Você está linda, essa roupa não está curta, e...talvez você seja um pouco paranóica por achar isso._ Sorriu fechado._ E amor, você também está belíssima com essa roupa._ Deu um selinho na Jeeny, me senti desconfortável ? Só um pouco...até porque anos atrás eu que era chamada assim, e saber que atulamente ele está com outra dentro da minha casa é estranho, sabe?! Mas não tenho nada contra, quero que eles fiquem juntos, eu não sinto mais nada por ele mesmo.


_ Está mesmo._ Eu sou sincera, tá? Ela realmente estava linda, a garota vestia um vestido branco um pouco curto, ele tinha rendas que tampavam seus braços deixando só o seus ombros de fora, seu salto alto da cor bege, seus cabelos presos em um rabo de cavalo bem feito e alto. Ela estava INCRÍVELMENTE linda.


Jeeny_ Obrigada, gente. Vocês também estão lindos, muito lindos. Agora vamos?_ Eu me sentia uma prostituta com aquela saia xadres, isso sim.( Roupa da festa e o sapato: Capa)


Saímos de casa entrando na garagem onde estava nossos novos carros, mas iríamos só em um. Era uma Ferrari preta, eu dei de presente para o Alex e a Jeeny, dei uma preta porque era a cor preferida dele. Entramos na Ferrari e o Alex ligou o motor, o portão se abriu automaticamente, ele deu ré e partimos pra festa. 


( Obs: Não se preocupem com a casa, os portões, as garagens, tudo na casa é controlado por um controle que S/N sempre deixa nos carros quando vai sair, chique ela né? Kkkk)



Chegamos na festa dando pra ver a movimentação da mesma, o bom é que não tinha drogas, nas festas do adolescente é horrivelmente horrível, só tem drogado e gente se pegando pelos cantos praticamente pelados. Essa festa é mais relaxante pelo meu ponto de vista. Tem pessoas dançando calmamente, conversando normalmente, casais apenas abraçados ouvindo a música não muito alto e nem muito baixa. ISSO QUE É FESTA!!!! ( Só que não kkkk).


Jeeny_ Hora de arrasar , uhuuuu._ Saiu do carro, sai também junto com Alex que estava indo atrás de Jenny já louca sem ter mesmo bebido.


Alex_ Arrasar o caralho, se tu ficar se esfregando na pista de dança com algum homen, eu levo você pra casa sendo puxada pelos cabelos._ Agressivo e ciumento? Não...


_ Pra que isso menino? Ela é fiel a você._ Eu acho...cofcof,Brinks.


Alex_ Okay..._ Respirou fundo._ Não faça nem uma besteira._ Selou sua bochecha logo entrando na festa.


Jeeny_ Ciumento. Bora entrar!_ Me puxou pra dentro da festa, ela começou a dançar na pista, não estava ligando pra quem a olhava, já eu me mantia quieta olhando ela.


_ Isso não vai dar certo._ Sussurrei. Senti alguém cutucar meu ombro, me virei dando de cara com um garoto muito gaaaaaaaaaaaaaaaato._ A-ah, oi...precisa de algo?_ Perguntei, só vi ele esboçar um sorriso negando com a cabeça.


Xx_ Não se lembra de mim?_ Neguei confusa._ Sou eu, o  Hyunjin._ WTF????


_ H-Hyunjin? O garoto que me zoava junto com o Lee Felix?_ Ele assente coçando a nuca._ Você mudou muito, 'tá mais..._ Ia falar que ele estava gato, mas...eu comecei a ficar vermelha._ mais alto... é....droga._ Botei a mão no rosto que estava quente.


Hyunjin_Riu_ Fica de boa, e eu sei que estou mais gato do que ela antes._ Piscou.


_ Você é muito convencido._ ri._ Você veio com alguém?_ Ele Assentiu._ Quem?


Hyunjin_ Jisung e Bang Chan._ Murmurei um "Ah"._ E você? Veio com quem?


_ Aquela maluca ali._ Me virei apontando pra Jeeny que estava dançando que nem uma retardada. Hyunjin começou a rir._ Ela e o namorado dela que sumiu por aí.


Hyunjin_ Entendi. Eai? Notícias do Felix?


_ Eu pensei que você que tivesse, já que vocês são amigos e tals..._ Ouvi sua risada mais uma vez._ oque?


Hyunjin_ Eu e ele não nos falamos dês do dia em que ele pediu desculpas por todo mão que fez a você, ele se distânciou muito, por um momento pensamos que fosse depressão por você não ficar com ele, mas na verdade ele estava dando atenção pra outra pessoa...


_ Momo, a modelo..._ Senti seu olhar surpreso sobre mim._ Eu sei.


Hyunjin_ Como sabia?


_ Longa história..._ Suspirei._ Enfim, como sabia que era eu?


Hyunjin_ Mas eu não sabia, eu estava meia hora aqui pesando " Será que é ela mesmo? Vou arriscar", e olha só, é ela mesma._ Ri.


_ Seria muito engraçado se fosse outra garota.


Hyunjin_ "Oh, só ia falar que você está bonita moça, não é nada de mais, fui._ Fingiu falar com uma desconhecida fazendo-me gargalhar._ Então...amanhã você está livre?_ EITA PORRA.


_ S-sim, por que?


Hyunjin_ A gente podia sair, sei lá._ Corou. AHHHHHHHH.


_ C-Claro, anota meu número que aí nós marcamos a hora e o local._ Sorri. Vi ele pegar seu celular botando no telefone._ É ********.


Hyunjin_ Pronto, e...você está linda._ Se virou sumindo no meio das pessoas. Fiquei lá parada assimilando oque acabará de acontecer, até sentir meu braço ser apertado por duas pessoas.


_ Mas oque- Que merda é essa Jeeny e Alex?_ Olhei os dois que pareciam desesesperados pra sair da festa.


Jeeny_ Só vamos embora._ Falou tentando me puxar, mas tirei meus braços de suas mãos com brutalidade._ S/N, por favor, vamos embora._ Cravou as mãos no cabelo.


_ Oque está. Acontecendo?_ Ia me virando, só que senti alguém segurar meus ombros me imoendo de fazer isso.


Alex_ Só vamos, por favor._ Me olhava com piedade.


_ Tá bom..._ Estava prestes a sair, mas uma voz me fez parar na hora.



Felix_ Quem diria, ela realmente está aqui._ Me virei vendo Felix em cima de um palco lá na frente, tinha uma imagem atrás dele, era uma foto minha dormindo serenamente. Que dia ele tirou essa foto????


_ Oque...?_ Ouvi Jeeny murmurar um palavrão com a voz um pouco embargada.


Felix_ Hoje estou aqui pra fazer uma homenagem a minha velha amiga, da qual eu amo muito e não vejo a anos, né S/N?_ Me aproximei do palco receosa._ Então, aqui está o vídeo....amiga._ Um vídeo foi rodando em cima da imagem atrás dele.


_ P-por- favor, pare com isso, a-AHHHHHHHH_ Arregalei meus olhos.


Xx_ Você gosta disso, né? Sua vadia._ Deu uma tapa na minha bunda.


_ Para por favor, p-para...._ Eu pedia pra eles pararem com nojo de mim, deles.


Xx_ A putinha vai chorar. Vai, bebe o leitinho._ Todos os outros me bolinavam,abusavam de mim dentro daquele banheiro. Ele me forçou a botar aquele negócio nojento na boca enquanto eu estava apenas de quatro sendo estocada pelo nojento do felix que filmava tudo e achava graça, mas o ruim disso, é que os rostos deles estavam embaçados.


Felix_ Homenagem linda, não?_ Eu já estava aos prantos lembrando do que passei nas mãos desse filho da puta.


Jeeny_ Vamos embora...._ A vóz de todos eram como eco na minha cabeça.


Alex_ S/N? Ei...S/N!!!! EI, EI, ACORDA!!!!_ Ecos e mais ecos, pessoas se aproximando preocupadas e algumas só olhando rindo da minha desgraça. 



Você conseguiu felix, você conseguiu acabar com a minha alma que antes estava viva, e agora...esta completamente morta, e na lápide dela está escrito: "Vou reercanar e fazer você se arrepender de assassinar-me com seus atos sujos e podres. Se prepare para o que vem aí, vou chegar destruindo tudo como um tornado mandado por Cristo, vou matar seus demônios pecadores com o meu poder" 



Você é um homem literalmente ferrado Felix.




Notas Finais


Me perdoe se tiver erro ortográfico. Amo vocês, e até mais.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...