História Laços de Sangue: História de Dexter Morgan - HIATUS - Capítulo 14


Escrita por:

Visualizações 15
Palavras 374
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Crossover, Drabs, Drama (Tragédia), Ecchi, Famí­lia, Ficção, Lemon, LGBT, Lírica, Luta, Mistério, Policial, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shounen, Slash, Steampunk, Suspense, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Canibalismo, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Necrofilia, Nudez, Sadomasoquismo, Self Inserction, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 14 - Trabalho dos Sonhos?


 

Conforme eu fui seguindo o Código de Harry logo após o mesmo ter morrido, também fui planejando minha carreira para que coincidisse com meu hobby secreto.

 

O tempo passou e eu me formei em medicina, mas essa carreira não me acrescentaria nada à coisas que eu precisava.

 

Eu queria algo que me camuflasse diante da justiça e que me rendesse informações confidenciais de certos perfis com histórico criminoso quando necessitasse.

 

Me tornei analista de padrões de sangue para o Departamento da Polícia Metropolitana de Miami.

 

O que me interessou nessa área da perícia foi o meu asco inexplicável que eu tenho por sangue. É isso fez com que eu trabalhasse e me especializasse para que eu pudesse desvendar o que acontece nas eventuais cenas do crime só pela sujeiRa imunda que esse líquido tem a honra de me mostrar.

 

Coincidentemente ou não, trabalho no mesmo prédio que minha irmã Deborah e isso facilita para que ela encha bem mais a minha humilde paciência.

 

 

Além dela, tenho mais uns quatro ou cinco parceiros de trabalho que acostumei a ver o belo rosto amassado de sono diariamente.

 

Vince Masuoka é um perito de coisas pós-mortem como eu. 

Se encaixa perfeitamente no estereótipo daqueles nerds virjões que pra ele tudo vira piada. 

O que me chama atenção é sua semelhança com a minha necessidade de fingir certas expressões e comportamentos.. Só que nele a falsidade e o sarcasmo são mais perceptíveis.

 

Angel Batista é um policial competente e latino. 

É um bom colega de trabalho. 

Também me faz rir da existência humana.. o quanto é maluca.

 

Sargento Doakes é obcecado por mim.. Ele me odeia sem disfarçar.

Talvez sinta o odor da minha verdadeira essência.. mas a dele não está tão distante assim da minha.

 

La Guerta é policial e a nossa Boss Master.

Percebo o quanto ela joga umas cantadas pra mim.

E como sou um cavaleiro, jogo outras gracinhas.

 

Sim, sou bem puxa saco.

Prefiro que ela tenha uma queda por mim do que me odiar, assim como ela odeia Deborah.

 

 

Em geral, sou bem admirado em meu trabalho.

Pelo que eu faço? Também, mas me idolatram de verdade quando levo donuts a todos do departamento.

 

Ah! Como os humanos são fáceis de se comprar! 

 


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...