História Lady Loki: Goddess of Cheating - Capítulo 12


Escrita por:

Postado
Categorias Capitão América, Deadpool, Doutor Estranho, Eva Green, Homem-Aranha, Os Vingadores (The Avengers)
Personagens Anthony "Tony" Stark, Bucky, Clint Barton (Gavião Arqueiro), Dr. Bruce Banner (Hulk), Edwin Jarvis, Eva Green, Feiticeira Escarlate (Wanda Maximoff), Heimdall, James Buchanan "Bucky" Barnes, James Rupert "Rhodey" Rhodes, Loki, Natasha Romanoff, Nick Fury, Pantera Negra (T'Challa), Peter Parker (Homem-Aranha), Pietro Maximoff (Mercúrio), Sam Wilson (Falcão), Steve Rogers, Thor, Visão, Wade Willson (Deadpool)
Tags Buckynat, Hela, Stony, Thorki
Visualizações 140
Palavras 979
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Bishoujo, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ficção Científica, Lemon, LGBT, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Ora, ora, olha quem conseguiu fazer dois capítulos em menos de uma semana? Pois é! Mas é especial, já que a fanfic chegou a 100 favs! Agradeço a todos por isso!
Eu estava pensando em fazer um especial, tipo uma entrevista com os personagens, onde vocês enviam perguntas e os personagens respondem, o que acham?
Bem sem enrolação bora pro cap!

Capítulo 12 - Long night


-Homem-Aranha? Sério? –Pergunto dando risada, só podia ser piada-

Sim é sério, eu posso mostrar minhas habilidades- Diz se aproximando mais de mim-

-Então mostre só não me use com exemplo- Digo me afastando-

-Ok, posso fazer uma coisa?- Pergunta se aproximando-

-Dependendo do que for- Digo desconfiada e logo sinto ele me puxar pela cintura-

-Se segura!-Diz e logo ele lança um tipo de corda branca para o alto quando percebo o que ele ia fazer me segurei no garoto e fechei os olhos e quando abri já estávamos em cima de um prédio alto-

-Uau garoto, você fica pulando de prédio em prédio é?- Pergunto para o garoto ao meu lado-

-Eu faço isso também- Diz e logo lança uma teia em direção a porta que provavelmente dava acesso ao prédio-

-Agora entendi o porquê do Aranha, mas você continua sendo o Garoto-Aranha pra mim- Digo apontando pra ele- Você está machucado em algum outro lugar?- Pergunto lembrando dos ferimentos-

-Acho que só meu olho está dolorido, mas não é nada de mais- Diz se sentando na beirada do prédio-

-Eu posso te ajudar se tirar essa coisa na sua cabeça- Digo me aproximando do garoto-

-N-não precisa- Diz meio assustado-

-Eu insisto, eu prometo não contar a ninguém sobre você- Dou uma piscadinha com o olho esquerdo-

-Não tenho escolha né?- Pergunta já se virando para mim-

Não, agora tire essa coisa- Respondo e me sento ao lado do mesmo, ele tira a coisa da cabeça dele e pude ver que era um garoto mais jovem do que eu pensava- Tem quantos anos?- Pergunto puxando seu rosto com as mãos e vendo um roxo em seu olho esquerdo-

-17- Fala rápido-

-Tão jovem, como você se meteu nessa em?- Pergunto já terminando de curar seu olho-

-Bem eu fui mordido por uma aranha radioativa, ela acabou morrendo- Diz olhando para baixo-

-Estranho, nunca vi uma aranha fazer isso com um humano- Digo pensativa- Ela devia ser modificada, Bem adorei conhecer você garoto, mas se cuida, não irei estar em todos os lugares- Digo me levantando e subindo na beirada para pular até o chão-

-Peter- Diz  me fazendo olhar para baixo, já que o mesmo estava sentado ainda- Meu nome é Peter-

-Foi um grande prazer em te conhecer Peter, mas agora tenho que ir, até mais- Digo logo dando um pulo até o chão, felizmente caio de pé e volto a caminhar pela cidade-

 

Continuei andando pela cidade até resolver parar em um bar qualquer, quando entro no local vejo que estava com um número moderado de pessoas, vou até o balcão e peço qualquer coisa para beber, fico um tempo observando o local, até sentir algo encostar em mim.

-O que está fazendo sozinha há essa hora boneca?- Pergunta um homem já me puxando pela cintura, ele tinha um bafo horrível de bebida-

-Poderia por favor me soltar?- Pergunto tentando ser amigável e ao mesmo tempo tentando me soltar-

-Não, vamos brincar, vamos- diz me puxando para mais perto, foi ai que me irritei e decidi fazer algo-

-Aqui não- Digo com um sorriso forçado-

Então, saímos do lugar e fomos para um ponto praticamente vazio, não era num beco ou coisa assim, estávamos á frente de uma joalheria, então o mesmo começou a descer a mão até minhas coxas e logo subindo até minha bunda, então decidi atacar agora.

-Não se trata uma asgardiana desta maneira, principalmente quando é da realeza- Digo e logo o pego pelo o pescoço e o levanto no ar e dou uma olhada na vitrine da joalheria vendo um anel com uma pedra azulada linda- você consegui uma coisa com sua ajuda- Digo sorrindo e logo o joga contra a vitrine e vou até onde o anel azulado estava e o pego, antes de ir embora conjuro uma adaga diferente e acerto em cheio no peito do homem-

Depois do ocorrido, saio o mais depressa do local, já que o alarme havia tocado e eu já podia ouvir as sirenes da policia se aproximando, assim que me afasto o suficiente coloco o anel no meu dedo anelar e fico observando, precisava esconder, provavelmente iram registrar roubo por causa desse anel. Olho para o relógio do meu pulso e percebo que já são 02:45 da manhã, nossa o tempo passou rápido, preciso voltar, tenho que descansar para amanhã.

Assim que volto para a torre, vou da forma mais discreta possível, assim que chego na sala, percebo que na escada havia duas camisas masculinas jogadas, quando as pego percebo que são de Tony e Steve, oh minha nossa! Não quero nem saber o que aconteceu, dou um sorriso malicioso e pego ainda segurando as camisas vou até o quarto de Tony e quando me aproximo da porta escuto alguns barulhos estranhos, dou uma risada baixa e deixo as camisas na porta e vou direto para o quarto, tiro a roupa e vou tomar uma ducha para tirar todo o fedor que aquele bêbado impregnou em mim e logo após seco meu cabelo e depois vou dormir amanhã irá ser um grande dia.

 

Quando acordo, olho para o relógio do celular, eram 08:33 da manhã, me levanto, vou até o roupeiro e pego um roupão de ceda grosso e o coloco e vou até a cozinha, quando chego percebo que todos estão em seus lugares e logo eu me sento no meu lugar e dou um bom dia a todos, observo Tony que parecia bem quieto, de alguma forma consigo olhar seu pescoço que havia um chupão e dou um sorriso malicioso tomando minha xicara de chá.

-Ok, provavelmente Ultron irá precisar do material wakandano, precisamos impedi-lo- Diz o capitão já de pé- Podemos partir daqui a pouco assim que todos estiverem devidamente vestidos, prontos para o combate Vingadores-

-Prontos- Todos dizem ao mesmo tempo-

-Ok, é nossa vez de atacar-



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...