História Lafayette - Capítulo 6


Escrita por:

Postado
Categorias Guns N' Roses, Lana Del Rey
Personagens Axl Rose, Duff Mckagan, Izzy Stradlin, Lana Del Rey, Personagens Originais, Slash
Tags Adolescente, Axl, Drama, Duff, Duzzy, Guns N' Roses, Izzy, Lana Del Rey, Lanaxl, Slash
Visualizações 14
Palavras 250
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção Adolescente, Lemon, LGBT, Mistério, Romance e Novela, Shonen-Ai, Slash, Universo Alternativo, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Carmen, Carmen, doesn't have a problem...

Capítulo 6 - Capítulo VI - Carmen Reed


Fanfic / Fanfiction Lafayette - Capítulo 6 - Capítulo VI - Carmen Reed

Jeffrey: Ela é um mistério, anda com a gente faz tempo mas ninguém sabe onde ela mora, quem são os pais dela ou como ela consegue algumas coisas como por exemplo a moto dela.

 

Andrew: Às vezes ela some, a gente acha que nunca mais vai ver ela, mas ela sempre volta. Ela diz que o sobrenome dela é Reed, como o Lou Reed, mas com certeza é falso.

 

William: A Carmen é uma garota diferente, não se vê muitas como ela. Não queira arrumar uma briga com ela só porque ela é uma garota, ela vai te acertar um soco e mostrar que não precisa ser um garoto pra machucar alguém.

 

Saul: Ela está sempre arrumada mesmo quando não tem lugar pra ir, mas quando ela usa vestido e batom, ambos vermelhos, eu não posso negar que é a garota mais linda. Ela fica acordada comigo até de manhã enquanto ficamos bêbados dando nós em cabos de cereja.

 

Elizabeth: É alarmante como ela pode ser tão charmosa. Eu já falei pra ela que queria ser como ela, mas ela diz que eu não iria querer ser assim, que eu não iria querer ver as coisas que ela viu. Ela anda pelas ruas com atitude, toda confiante e só tem 17 anos. Os garotos, as garotas, todos gostam da Carmen. Eu não ligo se não sei sobre a vida dela, ela me ensina a ser melhor e nunca me tratou mal, é só isso que eu preciso em uma amizade.


Notas Finais


As apresentações acabaram! Espero que tenham gostado. Depois volto com a continuação da história. Abraços <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...