1. Spirit Fanfics >
  2. L'amour d'une nuit (Jikook) >
  3. Cap. 20

História L'amour d'une nuit (Jikook) - Capítulo 20


Escrita por:


Notas do Autor


Viu! Voltei
Acabei de crer que vocês são todas umas treteiras e safadas e eu amo isso 🥰

Desculpe os erros, não revisei 🙈

Boa leitura

Capítulo 20 - Cap. 20


| Jimin on | 

Fomos dando alguns amassos dentro do elevador. Os beijos dele eram incríveis de verdade. 

Eu realmente não posso beber, fico muito molhinho. 

Entramos no apartamento escuro, não acendi a luz, deixamos apenas a claridade que vinha de fora, que iluminava um pouco o ambiente, o suficiente para sabermos onde estava os móveis e somos direto para o sofá. 

Não nego que aquilo estava muito bom, Taemin mudou muito a sua pegada e estava gostoso demais. 

Eu estava sentado em seu colo,  rebolando levemente para sentir seu corpo em atrito com o meu, nos beijamos mais vezes e ele abriu os primeiros botões da camisa que eu usava e foi beijando meu pescoço com muita vontade. 

Eu estava entregue aos seus toques, estava curtindo e não nego que até podia deixar rolar algo mais, mas por um momento... um mísero fodido segundo em que eu fechei meus olhos ele veio com tudo em meu pensamento. Aquele maldito Alfa. 

Seu sorriso cafajeste, seu cheiro, seu toque no meu corpo, seus beijos. 

Isso foi o suficiente para eu travar. 

Eu não podia fazer isso. Meu ômega idiota não quer Taemin, ele quer Jungkook.

Burro 

Merda. 

- Taemin - Chamei enquanto suas mãos começaram a dançar pelo meu corpo. 

-Taemin... por favor - ele não parou e estava dando leves mordidas em meu mamilo. 

Isso era bom, muito bom. Mas eu não queria. Não podia, não conseguia. 

- Para - Falei uma única vez e ele parou. 

- O que foi Minnie? Te machuquei? Fiz algo errado? - Não pude ver sua expressão por conta da pouca luz, mas tenho certeza que ele estava preocupado. 

Suspirei derrotado. 

- Não é isso... - eu parei um pouco para buscar as palavras - .... eu só não posso.... desculpe - Disse por fim bem baixo. 

Eu ainda estava em seu colo, ele buscou meu rosto com as mãos, me deu um selinho rápido e sorriu. 

-Tudo bem pequeno - Fez um carinho gostoso no meu rosto

Suspirei de novo e o abracei, buscando algum conforto para aquele momento desconfortável. Ele retribuiu o abraço. 

-Taeminnie, me desculpe mesmo. 

- Ei, ei. Está tudo bem ok? Não precisa se desculpar. 

Assenti com um movimento de cabeça e desfiz aquele aperto aos poucos, me levantei de seu colo e fui acender a luz. 

Lee estava todo de preto, com os cabelos um pouco desarrumado, os botões abertos até a altura do umbigo, mostrando os músculos que ele ganhou durante esse tempo e a boca inchada e um chupão no pescoço que eu não sei nem que momento que fiz. 

Sexy pra porra. Não acredito que estou desperdiçando isso tudo. Meu pai... eu mereço. 

Andei lentamente até o sofá e sentei no lado oposto que ele estava. Não muito longe. 

Um silêncio constrangedor se fez presente. E eu sei que preciso dar uma explicação melhor para Taemin. 

Suspirei. 

- Sobre isso que rolou. - eu comecei - me desculpe, mais eu realmente não posso. 

Ele me olhou e ficou calado esperando eu continuar,  então resolvi ser sincero

-Eu sei que eu disse que eu não tinha ninguém, e não tem, mais ao mesmo tem sabe? .... Tem no meu pensamento. - Sussurrei quase envergonhado. 

Ele mudou a expressão para uma cara de dúvida. 

- Você está dizendo que gosta de outra pessoa? 

- É mais ou menos isso. - suspirei de novo... - É complicado. 

- Você gosta dele e ele é burro pra não perceber isso? 

Eu o olhei espantado, como ele sabe 

Min Yoongi 

- O filho de uma cabra do Yoon te contou? Eu vou matar aquele bunda branca. 

Ele riu e negou. 

- Eu te conheço bem demais pequeno e já imaginava que tinha alguém. No jantar eu havia reparado, mas preferi ficar na minha, já que você não falou nada. E eu também imaginei que se vocês não estão juntos é porque provavelmente ele é um burro, tão idiota ou mais que eu quando te deixei anos atrás.   Eu só deixei isso rolar hoje porque eu sou doido com você e você pareceu corresponder. 

Suspirou e passou a mão no rosto. 

-Você o ama? - ele não me olhou.

Não pensei e logo respondi 

-Não... na verdade eu não sei. 

-Na verdade você sabe sim Jimin. 

Desviei o olhar para o chão. 

-Minnie, olha pra mim. 

Eu o olhei

-Eu vou te falar uma coisa, como amigo, ok? Não fique com raiva ou triste. Tudo que eu vou te falar você já sabe, mas preciso que me escute, - Ele pareceu buscar as palavras e logo começou - Você é lindo e foda demais pra viver um clichê comum ou um amor meio bosta, você não foi feito para algo café com leite, e eu sempre soube disso, por isso sai da sua vida e tentei ser o homem que chegasse aos seus pés. - Respirou e continuou -  E viver algo onde você não é correspondido ou qualquer coisa do tipo não condiz com a sua essência, não estou falando isso porque eu te quero, porque porra, eu te quero muito e te amo também, e ver você sofrer por qualquer babaca é incabível para mim. Então eu só peço que pense primeiro em você, sempre em você, como sempre foi. Você é autossuficiente e sabe muito bem disso, e o que cara tiver a sorte de ter você do lado é um puta sortudo e se ele não sabe dar valor ele é burro pra um caralho, Ouviu Park Jimin ???  - Ele deu um sorriso calmo

Eu realmente não sabia o que dizer, Taemin pareceu tão homem, tão sensato. A minha única reação foi abraçá-lo forte. 

- Obrigado. - Eu disse sincero - Eu também te amo - não menti, eu o amo de verdade, como amigo. 

Ficamos um tempo assim

-Taeminnie, você sabe que nosso tempo já passou né? - Falei abafado em seu ombro. 

Ele suspirou

- Sei sim, sei que você não é mais o Jimin do Taemin, não tem porque insistir nisso, mas você tá gostoso demais Minnie, não me julgue se eu ainda te desejar na minha cama - Sorriu cafajeste - Só Deus sabe o quanto eu te quis no dia que eu te vi, eu disse tudo aquilo porque eu precisava ser verdadeiro com você, mas sabia que não ia acontecer, você não é mais meu. 

-Você é incrível Lee Taemin e você merece ser feliz e ter alguém do lado que te faça feliz. Eu torço por isso, de verdade - Disse 

Soltamos do abraço e o olhei 

- Você é lindo - eu disse fazendo um leve carinho, ele segurou minha mão e beijou minha palma.

- Você é mais - Ele sussurrou

- Ele sabe? - Perguntou aleatório

olhei confuso tombando a cabeça para o lado. 

- O que você gosta Jimin, ele sabe que você o ama? 

Desviei o olhar 

- Eu ainda não disse - suspirei - é complicado e em todo caso acabou, não quero mais . 

Ele soltou um riso debochado

- Diga isso pra você mesmo até se convencer!! Quem sabe em outra vida aconteça. 

Fiz um bico e o encarei

- Não me olhe assim Park fofo Jimin, que eu não resisto - Apertou minha bochecha. 

Preferi mudar de assunto 

- Quer beber alguma coisa? Comer? Quer algo? - perguntei me levantando

- Não meu pequeno, estou bem. Acho que vou embora. 

- O que? Não!!! - eu disse rápido - Está tarde você pode dormir aqui, tenho um quarto sobrando. 

- Hoje não Minnie, eu prefiro ir pra casa. - foi se levantando e arrumando suas roupas. 

- Tem certeza? Está tarde. Fique

- Eu preciso ir pra casa Chim. - me olhou quase suplicando 

- Tudo bem, eu te levo até a porta. 

Ele parou antes de eu abrir a porta. 

- Você deveria conversa com ele, ser sincero é sempre melhor, você mesmo me ensinou isso, vocês estão perdendo um tempo valioso. - Disse me dando um beijo na testa. 

- Vamos ficar bem? Digo, nós vamos ficar bem Taemin?

- Óbvio Minnie, você é e sempre será importante para mim e não pretendo sair da sua vida. E se esse trouxa que você gosta não corresponder eu te sequestro e levo você para os Estados Unidos comigo - Piscou e deu um lindo sorriso. 

Depois disso tudo aconteceu muito rápido. 

Abri a porta para Taemin sair, ele deu um passo para fora, antes de se despedir algo inesperado o atingiu em cheio o fazendo cambalear para trás, quase caindo em cima de mim com a mão no rosto. 
          Olhei para o corredor para tentar entender e na minha porta, bem na minha frente estava um Jungkook com um olhar raivoso e punhos fechados. 

 


Notas Finais


Taemin fada sensata

Jungkook rei do ciúmes


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...