1. Spirit Fanfics >
  2. Lancaster >
  3. Água molhadas

História Lancaster - Capítulo 5


Escrita por:


Capítulo 5 - Água molhadas



O restante do caminho foi tortuoso, cada obstáculo que o quadriciclo passava nos aproximava cada vez mais, e aquela tensão estava me deixando doida, sempre que nossas mãos se encostavam sem querer, pelo movimento repentino, aquela eletricidade me percorria involuntariamente, se o destino já não fosse uma cachoeira, certamente eu precisaria de um banho. O semblante de Henry era calmo e impassível, o que me levava a crer que realmente ele só estava brincando durante o dia do temporal, e eu caí como uma patinha.
Alguns momentos depois e já era possível escutar de longe o som maravilhoso das águas batendo nas pedras.
—- Boraaaaa! - Thomas anunciou animado enquanto Ethan estacionava o veículo, pois o restante do trajeto teria que ser feito a pé.
Sendo assim o fizemos, Vicki e Thomas seguiam ansiosos na frente, enquanto Henry e Ethan me acompanhavam.
—- Você está particularmente mais linda hoje. - Ethan falou em uma mistura de sexy descontraído.
—- Obrigada, eu sempre estou.- Dessa vez foi Henry, em uma tentativa falha de me imitar.
—- Vocês são bestas demais. - Sorri.
A vista da cachoeira era perfeita, ficava na parte mais baixa de onde estávamos, com muitas pedras na caída d’água. Era necessário bastante cuidado na descida do morro, apesar de pequeno, era bastante íngreme.
Thomas e Vicki já estavam dentro d’agua, impressionante mesmo era o contraste da pele branca dele com o biquíni neon dela. Ethan e Henry já estavam sem camisa, sinceramente, não conseguido decidir qual dois dois é o mais bonito, Henry com certeza tinha aquele ar charmoso de um homem poucos anos mais velhos, seus músculos bem definidos e evidentemente maiores, os cabelos loiros faziam a composição perfeita com os olhos castanho mel, ele era como posso dizer, afrodisíaco. Já Ethan possuía a estrutura óssea claramente menor, sendo da mesma altura, sua barriga era definida, mas sem muitos músculos, ele já era típico badboy sexy com os cabelos negros propositalmente bagunçados, que faziam a composição perfeita com os olhos extremamente verdes.
Retirei meu vestido, revelando meu corpo coberto apenas pelo biquíni cortininha preto, por um momento me senti sendo observada, mas não posso ter certeza pois estava de costas para os dois, confesso que eu amava a forma como o fio do biquini valorizava a minha bunda, deixei o cabelo solto e pendurei o vestido em uma árvore.
Entramos todos na cachoeira, as próximas horas foram divertidas, vez ou outra rolava guerrinha de água, daquelas bem infantis mesmo, sabe?
—- Tive uma ideia maravilhosa. - Vicki anunciou animada.
—- Que tal a gente disputar? Eu e Henry contra a Scarlet e Ethan, Thomás será o juiz.
—- Nossa, sim sim por favor! Preciso muito ver vocês caindo como patas chocas. - A brincadeira consistia em uma tentar derrubar outra estando em cima do ombro da outra pessoa.
—- Não sei gente, aqui tem muitas pedras. - Comentei.
—- Relaxa Scar, a gente vai mais pro fundo, não tem pedra, você não tá com medo da gente perder né? - Dessa vez foi Ethan.
—- Vamos logo com isso então, sobe Vicki. - Henry se pronunciou e senti um leve incomodo em ouvir ele falando dessa forma com a minha irmã, em questão de segundos ela já estava montada nas suas costas.
Dessa vez quem pareceu incomodado foi Henry, pois os próximos movimentos de Ethan foram me colocar nas suas costas com muito mais contato corporal do que o necessário, com isso me refiro as suas mãos firmes apertando as minhas coxas que estavam por cima do seu peitoral, enquanto que Henry segurava Vicki pela panturrilha.
Guerrinha pra lá e pra cá e o juiz por puro puxasaquismo decidiu que quem ganhou foi Vicki e Ethan, os únicos envolvidos no jogo, de acordo com sua sabedoria esportiva, a penalidade seria buscar água para todos que estava dentro do quadriciclo, já que ninguém havia lembrado de trazê-las. Aceitei a penalidade sem discutir, estava mesmo afim de sair da agua um instante. Decidi ir de biquíni mesmo, não queria molhar meu único vestido, Henry permaneceu sem camisa e com seu shorts. O caminho estava sendo feito em silêncio, já estávamos quase no final.
—- Scarlet. Você está saindo com meu irmão? - Ele perguntou com a voz firme.
—- Não estou. - Hesitei um pouco antes de responder, certo, haviamos nos beijado, mas isso não aconteceria novamente e ele também não precisava saber.
—- Que bom. - Ele respondeu aliviado
—- Se não eu me sentiria culpado por fazer isso.
Henry rapidamente colou deu corpo ao meu e me levantou do chão, me fazendo ficar no seu colo, enquanto suas mãos seguravam firmemente a minha bunda, sem tempo de resposta nossos lábios já estavam colados e sua língua invadia a minha boca com voracidade, sem pedir permissão, cacete, que beijo era aquele. Minhas mãos faziam um trajeto entre sua nuca e as suas costas, o que fazia com que ele se arrepiasse por completo. Ele me apoiou em uma árvore e começou um caminho perigoso entre beijos no meu pescoço até a minha barriga, céus, a cachoeira habita me deixado molhada, mas agora eu estava completamente encharcada, a medida que nossos corpos se tocavam, meu corpo era tomado por aquela eletricidade fodidamente gostosa, eu poderia facilmente gozar com aquele beijo.
—- Cacete Scarlet, que porra você fez comigo. - Ele falava entre os beijos, na verdade era a primeira vez que eu o ouvi xingando. Sua voz rouca estava me deixando completamente louca.
—- Hmm.. eu não fiz... nada. - Arfava no seu ouvido enquanto tentava falar com o mínimo de compostura.
—- Estou louco pra te beijar desde o primeiro instante que eu te vi. - Ele me pôs no chão, e rapidamente abaixou a calcinha do meu biquíni, não tive tempo de raciocinar o que estava acontecendo quando senti seu beijo na minha intimidade.
—- Henry... estamos... perto. - Gemia e falava com dificuldade enquanto a minha mão puxava firmemente seus cabelos fazendo pressão contra mim. A sua língua me invadia por completo, ele lambia meu clítoris e chupava a minha vagina, mais alguns segundos e eu iria gozar.
—- Scarleeeeeetttt! Respondeeeee, traz meu protetoooor. - Era a voz da Vicki se aproximando.
—- Okaaay vou levaaaar! - Respondi e em segundos já estava vestida novamente. A adrenalina estava a mil por hora.
Nos entreolharmos e rimos da situação, ri ainda mais quando vi o quão duro ele estava, e bem, iria continuar assim, pois seguimos em direção ao quadriciclo novamente.
 


Notas Finais


Eita Henry. Quem mais aí queria um Henry?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...