História Lapidot - Capítulo 24


Escrita por:

Postado
Categorias Steven Universe
Personagens Lápis Lazuli, Peridot
Visualizações 74
Palavras 814
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: LGBT, Romance e Novela, Universo Alternativo, Yuri (Lésbica)
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


hehe :3

Capítulo 24 - Mãe!?


*Pov Lápis* 

...vejo o carro de alguém parado na frente da minha casa, e uma mulher em frente a minha porta, chego mais perto com carro, estaciono e desço indo em direção a mulher que se encontrava de costas 

Lápis: Com licença mas quem é voc...

Então ela se vira e eu quase não acredito 

Lápis: Mãe!? Não acredito, que saudade - logo vou em sua direção e lhe dou um abraço 

Sr.Yang: Oi minha filha, como você está diferente, está linda

Lápis: Obrigada mãe, mas o que veio fazer aqui? 

Se.Yang: Queria ver como estavam as coisas e você, mas vejo que a casa parece estar em ordem. Mas alguma novidade?

Lápis: Até que não 

Se.Yang: Não? Então quem é aquela dentro do carro rs? 

Logo me lembro da Peridot e vejo que ela estava bem confusa

Lápis: Ah, ela é minha amiga

Sr.Yang: Sei - Disse rindo da minha cara com um olhar malicioso

Lápis: MÃEE. Okay rs, vou tirar ela do carro e apresentar vocês duas 

Vou em direção ao carro e abro a porta ajudando Peridot a descer 

Peridot: Quem é ela? - Pergunta bem confusa 

Lápis: Ah, é minha mãe 

Peridot: O QUE? Qual o nome dela ?

Lápis: É Yang mas kkk Calma, o que tem de mais?

Peridot: Lápis, a gente tem ficado a tempinho, sem compromisso alguma - Ela fala enquanto caminhávamos em direção a porta meio triste o que me fez ficar meio incomodada- Mas enfim, como devo me apresentar pra ela? 

Lápis: Diga que é minha amiga, Okay ?

Peridot: Okay - Ela diz triste, mas quando ia dizer algo minha mãe vem cumprimenta - lá

Peridot: Prazer Sr.Yang, sou Peridot, amiga da sua filha 

Sr.Yang: O prazer é meu, mas pode me chamar apenas de Yang

Peri: Oh, tudo bem 

Lápis: Mas bem, vamos entrar ?

Abro a porta e logo todas nós entramos, minha mãe deu uma boa olhada em volta e sorriu de volta pra mim 

Sr.Yang: Esperava que a casa estivesse toda bagunça da 

Lápis: Mãe!!! 

Sr.Yang: Peridot, ela era tão bagunceira quando pequena, era uma briga pra ela arrumar aquele quarto 

Peri: Imagino rs

Lápis: OKAY, hora de parar de falar meus podres, mudei mãe kkk pelo o que pode ver, fiquei organizada 

Sr.Yang: Pelo jeito sim filha 

Peri: Lápis, você se importa se eu subir, eu estou cansada

Lápis: Claro que não, vamos, eu te levo lá em cima 

Peri: Não precisa Lápis, fica com a sua mãe, deve estar com saudade dela. Sr.Ya... quer dizer, Yang, me desculpe por me retirar assim, é que estou bem cansada 

Sr.Yang: Que isso, pode ir, vou por meu papo em dia com minha filha 

Lápis: Okay então, não quer mesmo que eu te ajude ?

Peri: Não precisa não Lápis, mata a saudade da sua mãe, Okay? - Ela fala e logo da um sorriso pra mim 

Peri: Então vou indo, foi um prazer te comecei Yang

Sr.Yang: Igualmente Peridot 

Peri, então sobe as escadas com um pouco de dificuldade mas logo chega lá em cima 

Sr.Yang: Então, abre o jogo filha, sei que ela não é só sua amiga 

Lápis: Que? Não, nos somos apenas amigas mãe 

Ela então arqueia uma das sobrancelha e olha seria pra mim 

Sr.Yang: Não minta para mim, vi o jeito que você a olhava

Lápis: Tá, não somo só amigas, mas ela também não é minha namorada 

Sr.Yang: Porque filha, ela parece ser uma pessoa tão boa 

Lápis: O que? Você está me apoiando, achei que não gostasse de gays e etc 

Sr.Yang: Quando eu disse isso?

Lápis: Ah, na verdade, nunca mas sempre tive essa impressão 

Sr.Yang: Filha, aceito suas escolhas, e ela parece ser uma pessoa boa então porque não estão juntas 

Lápis: Sei lá mãe, acho que não estou pronta para isso, pelo menos não agora 

Sr.Yang: Cuidado Lápis, Tudo pode mudar em uma fração de segundos, cuidado pra não ser terde demais - Olho pra minha mãe e começo a pensar, até que ela me tira dos meus pensamentos 

Sr.Yang: Mas bem, só vim ver como você estava minha filha, já vou indo, tenho coisas para resolver do trabalho 

Lápis: Tudo bem mãe, vou te acompanhar até o carro

Saímos e vamos em direção ao carro, e começo a pensar novamente no que ela tinha me dito, e no jeito que a Peridot tinha falado comigo no carro. Chegamos no carro e me despeço dela 

Sr.Yang: Vou vir te visitar mais vezes

Lápis: Vou sentir saudades mãe 

Sr.Yang: Também meu bem, mas se cuida okay, e boa sorte com a Peridot 

Lápis: Obrigada rs - Lhe dou um abraço e me despeço. Ando em direção a minha casa e entro, resolvo ir para a sala e ver alguma série, mas acabo me distraindo novamente nos meus pensamentos. 

Eu deveria fazer algo, mas está tudo tão confuso pra mim agora, eu não estou em estado para namorar agora, mas eu gosto dela. Depois de muito tempo pensando adormeço no sofá 




Notas Finais


Espero que tenham gostado pessoal
comentem o que acharam


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...