1. Spirit Fanfics >
  2. Last Day Jenlisa >
  3. Número 5

História Last Day Jenlisa - Capítulo 5


Escrita por:


Notas do Autor


Essa foi de fuder...

Comentem ❤️

Capítulo 5 - Número 5


Fanfic / Fanfiction Last Day Jenlisa - Capítulo 5 - Número 5

Jisoo estava na cozinha porém atenta, de longe observava as duas, ela sabia o que estava prestes a acontecer e não podia deixar que acontecesse, rapidamente ela foi em direção a sala.

"Terminei crianças" fala colocando a jarra de chocolate quente e alguns copos em cima da mesa de centro.

Jennie e Lisa se afastaram rapidamente, elas estavam envergonhadas por Jisoo ter presenciando esse momento delas e frustadas por Jisoo ter atrapalhado o quase bejjo.

"Estou com sono Jisoo, acho que vou dormir" Jennie fala bocejando logo em seguida.

"Mas e o chocolate quente que você pediu pra mim fazer?" A mais velha questiona.

"Desculpa, acho que perdi a fome, vou lá, boa noite pra vocês" Jennie se despediu da amiga com um beijo em seu rosto, e acenando timidamente logo em seguida para Lisa antes de ir para o seu quarto.

Ao entrar ela tranca a porta e começa a retirar suas roupas vestindo um pijama, sorria com as lembranças do passeio, sorria por ter tido um momento agradável com LaLisa, a coreana não queria se iludir mas acha que talvez algum dia LaLisa possa gostar dela.

Já na sala Jisoo andava de um lado para outro, preocupada com o que estava acontecendo.

"Se eu não tivesse chegado vocês estariam se beijando" fala baixo sentando-se ao lado da amiga.

"Você enlouqueceu?" Lisa se levanta pegando sua câmera.

"Lisa a quem você está tentando enganar?" Sua amiga pergunta vendo a mesma franzir o cenho, Lisa tentava a todo custo fingir que Jisoo estava errada mas ela sabia que no fundo sua intenção era beijar Jennie.

"Jisoo não me enche por favor, vou pra casa" Lisa diz pegando suas coisas e indo em direção a porta.

"Só lembre-se de sua regra número um, ela ainda é válida, eu te amo ok? Não fica brava comigo" a mais velha fala abraçando a tailandesa que retribuiu o abraço.

"Também te amo" diz e sai pela porta indo para seu apartamento que ficava de frente pro dela.

Lisa se sentou no sofá respirando fundo, estava confusa com tudo que estava acontecendo nas últimas semanas, para ela está tudo fora de ordem, depois que Jennie chegou sua rotina pareceu ficar de cabeça pra baixo, seu corpo começou a ganhar vida, seu coração gélido começou a esquentar e ela se odiava por gostar disso.

Lisa sorria largo ao lembrar de Jennie e a felicidade dela ao ver a torre Eiffel pela primeira vez, sorriu também ao se lembrar de poder abraça-la e sentir seu aroma gostoso, Lisa sorriu ao lembrar de quando ela veio até seu apartamento lhe entregar sua sopa e riu ainda pela petulância da garota de dizer que só ia embora quando ela tomasse tudo, eram esses tipos de coisa que fazia o coração da tailandesa bater feito louco, era esses tipos de coisa que instigava Lisa a querer conhecer mais de Jennie, a querer se aprofundar mais.

Mas Lisa sabia que era errado, ela não podia fazer isso com Jennie, não queria machucar a garota, não se perdoaria por isso.

No dia seguinte Jennie acordou animada, suas amigas estavam no trabalho então ela apenas fez sua higiene matinal, vestiu uma blusa branca de mangas longas e colocou um macacão jeans, fez um coque alto em seus cabelos e pôs seus óculos, Jennie pegou uma maçã na cozinha e se arrastou com seu notebook até o sofá abrindo em seguida e digitando algumas idéias que ela tinha para o seu livro.

Algumas horas depois Jennie recebeu uma mensagem em seu celular.

[Jisoo feia]: Jennie você poderia me fazer um favor? Infelizmente não tenho como ir pra casa fazer o almoço de Lisa estou atolada de serviços, será que você poderia fazer por mim?


11:23


[Eu]: claro que posso, não se preocupe, bom trabalho pra você bjs


11:24


Jennie se animou por saber que iria ver Lisa de novo, foi pra cozinha colocou o avental e começou a preparar o almoço da tailandesa, até cogitou a idéia de fazê-lo todos os dias, teria que convencer Jisoo a isso, após preparar, deixou a sopa esfriando, ela tirou o avental jogando em cima do balcão e saiu para o quarto ver seu estado, Jennie apenas passou um gloss nos lábios e voltou para a cozinha, segurando a bandeija nas mãos saiu em direção ao apartamento da ruiva.

Naquela manhã Lisa tinha acordado indisposta, sentia-se um pouco enjoada, fraca e sem vontade de comer, ela estava deitada no sofá quando ouviu o som da campainha, poderia ser Jisoo com sua sopa ruim de legumes, abriu a porta em seguida se deparando com Jennie sorrindo largo pra ela, a tailandesa queria retribuir mas não tinha forças nem para sorrir.

A coreana percebeu que a mais velha não estava bem e logo tratou de fechar a porta e ajudá-la a se sentar no sofá.

"O que houve? Lisa você está abatida" Jennie diz sem se importar se chamou ela pelo apelido.

"Me chame de Lali-lalisa" Lisa fala com dificuldades, estava tento calafrios.

"Foda-se eu vou te chamar de Lisa e ponto final" diz colocando a mão na testa da mais velha e sentindo o quanto ela estava quente "Merda, você está com febre, fique aqui, apenas me diga onde está a caixinha de remédios" ela pede deixando a bandeja com o almoço no sofá e seguindo as instruções de Lisa.

Segundos depois ela entregava um comprimido pra febre e um copo de água, a tailandesa bebeu sem relutar, Jennie preparou uma compressa de água fria, Lisa parecia muito cansada e isso preocupava a mais nova.

"Você pegou algum resfriado, deve ser isso" ela diz vendo Lisa sorrir de canto, Jennie não entendeu o sorriso mas deixou a compressa de lado e se sentou no sofá ao lado de Lisa.

"Aqui está sua sopa, eu fiz e modéstia parte está ótima, melhor do que a última vez, porque estou pegando mais prática" ela fala entregando o prato para a ruiva que nega.

"Aposto que está ruim" Lisa diz baixinho apenas para provoca-la, ela não podia negar que a sopa de Jennie era ótima.

"Ruim ou não você vai tomar tudo" Jennie diz autoritária.

"Estou sem fome Jennie não adianta" a tailandesa nega fazendo Jennie suspirar derrotada, porém ela apenas pegou a colher com sopa e levou até a boca da mais velha.

"O que está fazendo?" Pergunta Lisa um tanto frustada.

"Não é óbvio? Estou lhe dando comida na boca, agora por favor tome essa sopa" Jennie pediu levando a colher até a boca da tailandesa que tomou tudo mesmo sem vontade, não queria decepcionar Jennie e sabia que tinha que se alimentar, porém essa semana estava sendo de dias difíceis pra ela.

Após tomar tudo Lisa se sente um pouco tonta.

"Eu devo ligar pra Jisoo? Ou pra Rosé?" A coreana se pergunta vendo Lisa soar frio.

"Não quero que incomode elas, nem você...era pra estar aqui...eu vou ficar bem...sempre fico" Lisa diz com dificuldades vendo o semblante de Jennie preocupado.

"Eu não vou sair do teu lado Lisa, você precisa ir ao hospital, vou ligar pra Rosé ela é médica sabe o que fazer" Jennie se levanta indo em direção a cozinha, a coreana ligou para sua amiga e explicou o que estava acontecendo, estava desesperada não sabia o que fazer porém Rosé já sabia do que se tratava, e explicou o que Jennie tinha que fazer.

Lisa ainda estava no sofá, se sentido um ser humano inútil ali, odiava se sentir fraca e dependente das pessoas, odiava ter que deixar pessoas preocupadas, ela tentou se levantar para ir até a cozinha falar com Jennie mas no momento em que ela se levantou tudo pareceu girar em torno de si, sua visão se tornou apenas um borrão e aos poucos ela foi perdendo os sentidos. Jennie escuta um barulho vindo da sala e se assusta ao ver Lisa no chão, sem saber o que fazer ela corre em direção a ruiva se abaixando e chama por ela, porém era sem sucesso.

"Você tenta me evitar a todo custo, tenta não se sentir afetada, mas no mais profundo do teu ser sabe que sou a tua droga, a única capaz de cura_la"


Jennie Kim


Notas Finais


O que a Lisa tem cara?
Continuo?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...