História Layla: O que o medo e o ódio me tornou - Capítulo 3


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags A Menina-marionete, Finais Tristes, Histórias Pequenas, Inferno, Layla, Marionete, Medo, Ódio, Originais, Pouca Violência, Raiva
Visualizações 0
Palavras 245
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 10 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção, Ficção Adolescente, Romance e Novela, Sobrenatural, Violência
Avisos: Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 3 - Layla - Segunda Parte


De algum jeito,eu estou de volta a Terra,como um espírito,vi que as pessoas as quais me faziam mal pouco ligavam pra minha existência,eu pensava que eles estariam com a consciência pesada e fazendo terapia ou que estariam se suicidando por não aguentar a culpa,mas não! Parece que ninguém deu a mínima,agora voltei e vou amedrontar todos,começando por incendiar meu colégio de quando tinha 10 anos,certeza que vai ser ótimo fazer isso!


Chegando lá,derramei gasolina pelo colégio inteiro,depois foi só acender o fogo e… Cabum! O colégio explodiu,eu comecei a rir,aquilo era lindo de presenciar,hahahaha! Depois consegui ficar em forma humana,e fui na casa de CADA professor dali,esfaqueei eles e sua família,até que para um demônio,eu estou indo bem,eu acho…


Depois eu fui na casa de alguns alunos da minha sala,aqueles monstros de alma podre,mandarei todos para o inferno! Bem, um deles matei decapitado,o outro esfaqueado até a morte,o outro quebrei a garganta, e quando eu fui na casa do garoto que fez eu ser expulsa… Eu não o matei, apenas a cada dia que se passava eu matava um de seus familiares: Avós,tios,primos,irmão,mãe e pai. E,além disso,eu o amedrontava psicologicamente, deixando-o com paranóias,fazendo ele ver vultos,acabou que ele mesmo se matou se enforcando numa corda…


Meu medo fez criar o meu ódio,meu ódio me transformou uma pessoa horrível,mas eu não ligo pra isso,aliás,não preciso ligar pra mais nada! Eu. Estou. Morta, e minha vida agora é ser um demônio que atormenta pessoas,prazer, sou a Layla, o demônio-marionete.


Notas Finais


Beibe beibe do biruleibe leibe?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...