1. Spirit Fanfics >
  2. Learning to Love - Min Yoongi >
  3. The End

História Learning to Love - Min Yoongi - Capítulo 15


Escrita por:


Notas do Autor


Gente, esse é o último capítulo de LTL.
Por motivos (confidências no momento)não ditos, por pouca visualização e reconhecimento.

Capítulo 15 - The End


Ouço as vozes e a música clássica soar e olho pela fina cortina branca e vejo algumas pessoas rindo e com drinks em suas mãos.

Pulo ao ver Taehyung ali, ao meu lado e de braço dado para mim.

- Está pronta Prima? Logo, tudo que jamais pensou, irá acontecer.

- Eu sei primo, e estou pronta. Pois o homem naquele altar, é quem eu amo.

Ele sorri e eu ponho meu braço sobre o seu. Logo, as cortinas se abrem e eu o vejo.

Céus, eu sequer sabia que poderia amar tanto um homem!

Ele sorri docemente e eu não ouso deixar de retribui-lo.

Mamãe, Sun Hee, estão a frente. Mamãe sorri, como se estivesse a ganhar um doce.

A Duquesa parece se emocionar ao seu lado, com um lindo chapéu a cobrir seu rosto.

Mal percebo quando estou no altar, ao lado do Min.

O padre iniciou suas palavras, mas sequer as escutei. Apenas ele. Só eu, e ele!

Trocamos nossas alianças e ele sela nossos lábios rapidamente, antes de se ouvir as palmas.

Ótimo, estou casada!

----

3 anos depois...

- Ora Min Young! Venha trocar-se!

A babá corria por toda a casa atrás do pequeno Min.

- Filho, obedeça a Senhorita Seok!

Digo e o mesmo para e se vira para a jovem. Segurando em sua mão e subindo novamente as escadas.

- Madame, o Duque solicita sua presença no escritório dele.

Assinto e ela se curva, saindo.

Caminho para o fundo da casa e bato levemente na porta, logo tendo permissão.

-Solicitou minha presença? – Sorrio e ele me chama.

- Sim, preciso de sua opinião quanto a este documento querida.

Sorrio. Sem opiniões ou julgamento de outros. Meu marido pedia minha opinião e ajuda com seus trabalhos. Eu amava ajuda-lo e ele amava minha ajuda.

- Venha, sente-se aqui. – Ele levanta de sua poltrona e toca na mesma.

Sento e observo. Não há nenhum documento.

O olho e ele ri.

- O que planeja Min Yoongi? – Semicerro os olhos

- Ora, apenas a humilde companhia de minha esposa...

- És traiçoeiro Duque – Digo e ele ri - Diga-me, o que quer?

- Que me deixe beija-la. Estou a dias trabalhando, viajando. Mal vejo-te e a nosso filho. – Ele se aproxima – Quero...

- Diga-me – Sussurro – Por que ainda me pedes?

Ele se aproxima e nossos lábios se tocam profundamente e nossas línguas dançam entre si. Como num baile...

- Ora, amo-te tanto mulher! – Ele grita após nos separarmos.

- E eu a ti. – Sorrio

Ele se aproxima e ao nossos lábios encostarem novamente, a porta é aberta.

- Mamãe, Papai, quero colo! – Young vem a nós correndo, seus cabelos cacheados balançam e ele sorri angelical.

Temos uma bela família, tenho os amores da minha vida. Apesar de ser rude, amoleci com o nascimento de meu primeiro filho.

E digo, até os mais rudes, sofridos e tristes, podem amar.

Amem, pois aquece ao coração!

- Venha filho! – Yoongi abre os braços para o pequeno garoto a minha frente e o levanta.

- Querido, ele terminou o desjejum a pouco, pare!

- Mamãe, vem!

Ele faz bico e Yoongi ri. Ora, eu amo esse homem/garoto!

Fim!


Notas Finais


E é isso gente! Final pequeno, porém fofo.😊


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...