1. Spirit Fanfics >
  2. Legends and myths - Kim Mingyu >
  3. Lembranças

História Legends and myths - Kim Mingyu - Capítulo 3


Escrita por:


Notas do Autor


Oiii, voltei finalmente.😛



B
O
A

L
E
I
T
U
R
A

Capítulo 3 - Lembranças


Fanfic / Fanfiction Legends and myths - Kim Mingyu - Capítulo 3 - Lembranças

Mingyu ON •

Como previsto sai de lá e fui em direção ao meu carro, logo entrando e dando partida até minha casa. Durante todo o percurso meus pensamentos só tinham uma ocupação, _____. Ela me lembrava uma garotinha que salvei no meio da floresta a não muito tempo atrás, mas me lembro muito bem do que aconteceu naquele dia.

 • Flashback ON •

Estava andando pela floresta perto da minha casa, como faço de costume todo o final do dia quando escuto um barulho de choro de criança. De primeira não liguei muito mas a medida que eu ia andando o choro ficava cada vez mais alto, então descido ir ver oque está acontecendo.

Vou em direção ao som do do choro, me deparando com uma menininha sentada numa pedra abraçando as pernas e chorando, parecia assustada e perdida, vou até ela pra ver o que aconteceu.

- O que uma garotinha tão bonita como você está fazendo aqui chorando? - falo me abaixando um pouco pra ficar da sua altura 

Ela se vira pra me olhar, assim que se virou fiquei assutado com a semelhança que tinha com uma pessoa que eu conheçia, uma pessoa que amei muito e ainda amo!

Xxx: Eu me perdi dos meus pais - olha pra baixo novamente

- Mais como você se perdeu? - digo passando as mãos nos seus cabelos loiros e soltinhos 

Xxx: Eu não sei, só sei que estou aqui a muito tempo tentando encontrar meus pais e já está ficando de noite e estou ficando com muito medo! - abraça as pernas novamente. Percebi que realmente já estava ficando muito tarde e eu não poderia simplesmente deixá-la aqui no meio do nada sozinha.

- Vem vamos, eu vou te ajudar. - me levanto e estendo a mão pra ela mas logo recua - Olha não precisa ter medo de mim não tá! Pode vir comigo ou prefere ficar aqui no meio do nada chorando sozinha? - me olha e pega minha mão se levantando - Bem que você falou que está ficando tarde. Vamos fazer o seguinte, eu vou te levar pra minha casa lá você toma alguma coisa pra se esquentar e depois nós ligamos pra polícia falando que você está desaparecida e depois eles vem te buscar OK? - ela assentei e começamos a andar até minha casa - A propósito qual o seu nome garotinha?

Xxx: O meu é _____ e o seu?

_____. Esse nome soou na minha cabeça como mais uma lembrança. ______ era o nome da mulher que eu amei a muitos anos atrás mas que infelizmente ela não está mais entre nos.

- Bonito o nome, bem meu nome é Kim Mingyu mas pode me chamar apenas de Mingyu tá bom! 

You: Tá bom então Mingyu.

No caminho estava pensando em _____ e como esse nome mechia comigo de uma maneira em que não sei explicar, percebi que havia uma lágrima correndo pelo meu rosto mais a limpo antes que ela veja.

You: Sabe Mingyu e um nome muito difícil de lembrar, vou te chamar de fantasma!

- Tudo bem, mas por que fantasma?

- Por quê você apareceu do nada e me salvou de ficar nessa floresta de noite, então vou te chamar assim. Tem algum problema, se você quiser posso te chamar de Mingyu mesmo.

- Não, não tem problema nenhum até que eu gostei.

[...]

Já havíamos chegado em minha casa, que mais parecia uma chácara mas tudo bem. _____ disse que estava com frio então fui até meu quarto peguei uma manta e trouxe pra ela que logo se errolou nele.

- Bom vou preparar um chá pra nós dois, você gosta ou prefere outra coisa?

You: Pode ser um chá mesmo

- Ok, senta aí na mesa que eu vou trazer o chá pra você.

Ela se senta e eu vou para a cozinha fazer o chá. Terminei e volto pra mesa e a sirvo com uma xícara. 

- Bebe devagar por que ta quente.

You: Tá bom! - pega a xícara com aquelas mãozinhas delicadas dela e bebi. - Hmm tá muito bom o chá fantasma - da uma risadinha 

- Que bom que gostou pequena - passo as mãos em seus cabelos de novo vendo o quanto eles são macios e bem hidratados - Sabe, você me lembrou uma pessoa que eu amei muito nessa vida.

You: Sério? Quem?

- Uma mulher muito bonita, parecida com você, ela tinha grandes cabelos loiros e a cor dos olhos azuis como as águas. Enfim, bem parecida com você!

- Que legal que eu te faço lembrar alguém especial na sua vida. Mais o que aconteceu com ela? Por que vocês não estão juntos?

- Bem.... ela morreu a muito tempo, as vezes eu acho que a culpa dela ter morrido foi minha por isso nunca mais consegui me envolver com mais ninguém.

You: Sinto muito por isso. - se levanta e vem até mim passando a mão em meu rosto - Mas tenho certeza que ela também te amava muito, e que ela está lá em cima com papai do céu olhando pra você. - viu que tinha uma lágrima caindo por meu rosto e a limpou com a mão - Não chore! - me surpreendi pois ela me abraçou, sem saber oque fazer retribui o abraço.

[...]

Depois dela tomar o chá liguei para a polícia, falando que tinha a encontrado na floresta e que a trouxe pra minha casa. Esperamos mais um tempinho e a polícia chegou, falei que tinha encontrado ela chorando sozinha na floresta e que tinha se perdido dos pais.

Antes de ir embora me da um abraço apertado de despedida.

You: Tchau fantasma, espero te ver de novo algum dia.

- Também espero te reencontrar minha pequena. - antes de ir dei um beijo em sua testa e ela um em minha bochecha e foi embora junto com os polícias.

Entrei em casa e comecei a imaginar de que aquela menina fosse a reencarnação de _____. Mas deixei isso pra lá e fui formir.

Flashback OFF •

Err pelo visto te reencontrei _______ , só que agora ela não e mais uma criança, já e uma mulher muito bonita. Assim pude confirmar, a filha de Ryan é realmente a reencarnação de ______, que por sinal nas duas vidas ela tem o mesmo nome.

Mas a _______ garotinha não imaginava que eu iria a encontrar tão cedo, pois havia colocado uma poção naquele chá que faria com que eu soubesse em que lugar e em que hora ela estaria, assim não ia a perder nunca.

- Finalmente depois de tanto tempo te encontrei meu amor! 

[...]

Já tinha chegado em casa, coloquei o carro no estacionamento e entrei, fui direto para meu quarto tirando o meu terno e o deixando em qualquer canto do quarto e me deitei.

- Como será que vai ser a partir de agora que eu te encontrei? Será que vou conseguir fazer você se lembrar de mim?

Eram perguntas muito difíceis pra serem respondidas agora, coisa que só o tempo dirá.



Notas Finais


Desculpem por qualquer erro de escrita. Bjs😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...