1. Spirit Fanfics >
  2. Lemon Boy - (Sasunaru) >
  3. Ain't nothing please me more than you — let me come home.

História Lemon Boy - (Sasunaru) - Capítulo 7


Escrita por: oldsatan

Notas do Autor


grrr que odio atrasei dnv<br />VELHO 203 FAVORITOS QUEEE EU TO EM CHOQUE 😳😳 muito obrigada a todos que me apoiaram ate aqui amo de vcs de montão.<br />ja enrolei demais, bora pro cap

Capítulo 7 - Ain't nothing please me more than you — let me come home.


Fanfic / Fanfiction Lemon Boy - (Sasunaru) - Capítulo 7 - Ain't nothing please me more than you — let me come home.

Ja faziam duas semanas. Duas semanas desde que Naruto simplesmente desapareceu na minha frente, sem dizer pra onde iria ou se algum dia voltaria. Os dias tem sido chatos, entediantes, desesperadores. Aonde eu vou, é como se eu pudesse vê-lo, é como se eu escutasse alguma baboseira aleatória que ele provavelmente diria, é como se sua presença continuasse aqui... Mas não está, a única coisa que eu sinto é vazio, um triste e silencioso vazio é o que domina todos os lugares que eu vou.

Minha rotina se baseia em checar todos os lugares possíveis onde ele poderia aparecer, já não saio mais pra almoçar com meus amigos pra ficar na sala de música esperando algum sinal de sua volta, e como sempre, nada.

Depois, vou até a praça que costumávamos ir, pergunto ao sorveteiro se ele viu um garoto de cabelos dourados perambulando por aqui, e mais uma vez, nada.

Subo no telhado e encaro as estrelas, esperando que a brisa traga meu amor de volta, que as constelações milagrosas façam algo mágico, que o céu escuro se ilumine e que ele apareça misteriosamente. Nada, nada, nada.

Mas não posso desistir, não agora, eu não aguentaria ou superaria, certas coisas são demais pra suportar.

Gosto de pensar sobre o efeito borboleta e da teoria criada em cima dele, "o simples bater das asas de uma borboleta podem criar um furacão do outro lado do mundo". Como coisas simples que poderiam ter sido evitadas trazem um estrago irreparável.

"E se eu tivesse ficado em casa naquele dia..."

"E se eu tivesse afastado a Sakura de uma vez..."

"E se..."

Suposições e mais suposições não me deixavam dormir de forma alguma, ja havia tentado me comunicar de todas as formas possíveis, tabuleiro, dados, nada funciona, nenhuma resposta, já havia até perguntado à alguns fantasmas se existia um jeito de entrar no mundo deles pra trazer uma pessoa junto consigo. Eles não responderam. Sem solução. Sem Naruto de volta. Sem felicidade alguma. É assim que minhas semanas vem seguindo.

A amargura prevalecia no meu peito o tempo inteiro, dormir e acordar chorando, torcendo pra que algo aconteça. Estou vivendo na espera de alguém que não vai mais voltar, isso não é viver.

Levanto-me da cama, hoje o dia me parece mais cinza do que o de costume — Pra ser sincero, todos os dias andam meio sem cor ultimamente.

Pulo o café da manhã e ignoro meu irmão sentado na mesa, não sinto fome a tempos e ando pulando a maioria das refeições, comendo alguma besteira de vez em quando pra não deixar os outros preocupados.

Faço meu caminho de sempre, ônibus, escola, aulas, tudo um tanto solitário, silencioso, entediante. Ós fantasmas pararam de me encher o saco, alguns que eu costumava trocar palavras apenas sumiram. Tive uma discussão com meus amigos e eles pararam de falar comigo. Eles disseram que estavam preocupados e eu disse que eles pareciam idiotas por estarem tirando conclusões precipitadas.

Quando as aulas acabaram, aproveitei e sai um pouco pra caminhar na praça onde costumávamos ir — eu e ele.

Sentei perto do lago que ele amava tanto e me perdi nas lembranças que eu guardava do seu sorriso. Do som estridente da sua risada. Não ouvi-lo de perto era chato, triste, muito triste.

— Oie? Sasuke? Como você ta cara?— Uma voz conhecida me tirou dos meus pensamentos melancólicos. Deidara estava com seu poodle na coleira, aparentemente dando um breve passeio.

— Oi Deidara, estou bem sim, obrigado — Era mentira.

— Não é o que me parece, aconteceu algo?— Ele lança um olhar preocupado. Não é justo. Não é justo eu afetar as pessoas ao meu redor. Todo mundo, meu irmão, meus amigos, não é justo com eles, eu poderia só sumir. Até que não é uma má ideia.

— Se é assim, vou continuar com a caminhada, até mais! — Ele coloca seus fones e vai embora, murmuro um "tchau" quase que inaudível e sigo meu caminho.

Pra onde eu estou indo? Não sei. Na verdade, é como se não importasse. Se estou indo a algum lugar ou não, chegou ao ponto que eu não me importo mais. Meus pensamentos estão completamente vazios, minha cabeça dói, minha respiração falha, lágrimas agressivas caem mas sem nenhum sinal de um soluço, de um barulho, não faço nada, não falo nada, apenas sinto, sinto intensamente, sentimentos fortes, sem rumo, sem sentido, assim como eu. No final, somos tudo o que sentimos de um jeito ou de outro.

Acabo andando mais que deveria, estou bem longe da cidade e o único vestígio de sinalização aqui é a linha to trem que vai passar daqui a pouco.

Eu quero te seguir até o parque, na selva, no escuro — Começo a cantarolar — Eu vou estar em todo lugar com você.

Mais lágrimas. Aquelas promessas não adiantaram de nada. O sol já estava quase posto e as luzes do trem em alta velocidade iluminavam meu caminho.

 Por favor, me deixe ir pra casa.— 

Em um impulso corro até os trilhos e me preparo pro impacto.

Finalmente vou ver você de novo.

Ficaremos juntos.

Você prometeu, não prometeu?

Que não me deixaria nem se eu quisesse.

Eu vou te encontrar, Naruto, eu prometo.


...


Estou morto? Não, posso sentir uma dor insuportável nas minhas pernas, como eu sobrevivi a isso?


Com muito esforço abro meus olhos, tem uma barulheira de fundo mas não consigo reconhecer nada, apenas um aperto leve de alguém me segurando. Afirmo a visão pra reconhecer quem teria supostamente me salvado da morte. 

Naruto?...— Sinto seu cheiro, eu estou morto ou ele voltou e me salvou... logo minha visão fica turva e não vejo mais nada.


Continua rs



Notas Finais


adorei fazer esse capítulo rs<br />por favor, leiam escutando a música Home – Edith Whiskers, me inspirei nela rs<br /><br />e ai, oq vcs acham q aconteceu? Ele morreu ou foi salvo? So no próximo pra saber


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...