1. Spirit Fanfics >
  2. Lemonade >
  3. Amigos?

História Lemonade - Capítulo 5


Escrita por: baby_moon_rose

Notas do Autor


OIi gente , desculpa sumir (._.

ANTES DE TUDO , explicações: Então, queria dizer que as vezes é muito complicado continuar uma história por que, não é nada fácil ,mas quando se passa muito tempo des do primeiro, acabo esquecendo partes do conteudo ( tipo, perder o rumo) e então quando volto a escrever tenho que ter todo aquele processo de ler TUDO de novo e anotar cada por menor e no meio disso tudo posso acabar criando ideias para um novo rumo da história ( ALERTA DE SPOILER kkk). Amei mesmo ler o ultimo comentário e saber que alguém no meio de um mundo desse se preocupa com alguém ( mim ) que nunca viu.

Muito obrigada mesmo, Agora sim, BOA LEITURA...

Capítulo 5 - Amigos?


Fanfic / Fanfiction Lemonade - Capítulo 5 - Amigos?

5 de Abril

ESTA TUDO DANDO ERRADO , O QUE FIZ ? O QUE DEVO FAZER??

Estava ali , deitado na cama, sem conseguir nem dormir ou focar nos meus pensamentos. Como pude sair de lá sem uma resposta ou melhor ainda como ele pode me deixar sem uma resposta?

A tela do meu celular era a unica fonte de luz, brilhava diretamente na minha cara , olhava ansioso para a tela.

Mensagens ;

SOPHIA ~ gostei muito de sair 

~Quando acabamos o trabalho?

GRUPO : NOAH E WYATT ~ Quarta saimos? 

 Eu para JACK ~ oi 

<digitando>

JACK ~OI 

Eu ~ Pode sair ? por favor?

<Visualizado- Digitando>

JACK - sim.

 

Ao ver a mensagem, me levanto da cama e coloco uma roupa confortável, assim que sai do quarto tento não fazer barulho pois já era tarde e não queria acordar a minha mãe. Fecho devagar a porta e saio disparado para a estação ( que seria o nosso ponto de encontro). Me sento no banco para me acalmar pois tinha corrido muito.

Os trens passavam por mim e por enquanto nada , mas de longe, vi um garoto magrelo vindo na minha direção. Ele.

- Oi - digo o observando 

- Desculpa. - Diz ele com a cabeça baixa olhando para o chão

-Pelo o que? -digo sério

- Por querer me afastar de ti, principalmente por não ter agradecido . Por tudo - Ele finalmente me olha nos olhos e vi que ele ia chorar

Me levanto ficando a sua frente , os trens passavam por nós fazendo o vento soprar nossos cabelos , a estação era a unica coisa com luz pra alem das pequenas casas que ainda se encontrava com pessoas acordadas mais de resto a noite cobria com  escuridão.

De repente ele me abraça desabando ali mesmo, eu sem entender nada apenas retribui o abraço, por um momento ele fungou e logo se seguiu um silencio. Ele se afasta.

-Quer ir no café ali em baixo? -Digo pra descontrair

 Ele acena e seguimos em direção as escadas com um  corredor , logo entrando no local, estava com poucas pessoas então podiamos sentar em qualquer lugar. Não pedimos nada de especial só uma água.

-Nós somos ...- disse ele com um tom sério.

- Somos?

- Amigos - Ele me olhava com aqueles olhos castanhos profundos , apartir dai congelei 

Ele sorriu e comentou : " O gato comeu sua lingua?" 

Por fim eu disse: - Não mas tenho uma ideia ...

2 horas depois

Esta vamos em frente de uma discoteca bem discreta pela cidade, na frente da porta o segurança escolhia quem passava ou não.Pego na mão de Jack e o guio até lá

-Ta doido? somos menores ! nunca vão deixar a gente entrar- Jack para e me encara de braços cruzados 

-Relaxa ! eu tenho acesso V.i.p - Sorrio para ele e fomos para os fundos 

Dou tres batidas na porta, logo , ouvimos a mesma ser distrancada e nela aparecer Lucas. O moreno me encara com seriedade, mas depois abriu um sorriso.

-Eai meninos , o que tem para hoje?- Lucas era funcionário da discoteca então tinha acesso a tudo pois fazia estágio.

- Ele trabalha aqui? voces não se odeiam? -Diz Jack confuso 

- Não nos odiamos- Fala Lucas 

-Menos o Aidan , ele é quem odeio -Eu e Lucas rimos mas Jack me pareceu ficar desconfortável- Então pode abrir outra exceção ,de novo?

-Vou acabar perdendo o meu emprego -Ele tinha um ar de chateado

-Por favor , só quero animar um amigo- Sorri 

Ele revira os olhos mas nos deixou passar, caminhamos por onde é feito as entregas até uma outra porta, saimos de trás do balção e nos misturamos entre a multidão.

Todos dançavam animados e descontraidos, ao som de Daddy Issues , começo a dançar também mexendo apenas os pés e ombros para ganhar ritmo. Jack me olhava e ria.

-vamos dança -Dançava a sua frente 

As luzes se agitaram e logo a música mudou , Bad Habits, então peguei na mão dele e o motivei a dançar comigo. Riamos como dois bobos e no refrão ele se deixou entrar na onda.E naquele momento vi outro Jack na minha frente, ele estava feliz e completamente cego pela melodia da música. Me aproximei mais dele e todos a nossa volta vibravam e suavam cmo nós. Tudo estava sendo único.

Alguém se esbarra contra mim e eu me aproximei mais do que devia , quando notei meu rosto estava grudado com a do Jack, sentia sua respiração contra mim e naquele instante só conseguia olhar para seus olhos.

- Voces ai ! -Olhamos pro lado e vimos o segurança nos olhando de longe e vindo na nossa direção

-Corre !- Digo indo pro lado oposto da dele e Jack apenas me seguiu 

Iamos contra algumas pessoas e por sorte conseguimos passar pela porta e nisso apertamos o passo, até chegar em um parque , nos sentamos no balanço e rimos sem parar .Jack começou a se balançar e olhar para o céu que se encontrava cheio de estrelas embora estava um pouco nublado.

- Aidan é meu meio-irmão -Diz ele depois de um tempo , e com essa informação fiquei de queixo caido- Quer dizer, ele vai ser , o meu pai vai se casar com a mãe dele. Não me encomoda muito mas ele ?Para ele parece o final do mundo.

-Isso explica tudo - Digo meio atrapalhado

- É ,mas estou nervoso por causa da pressão que ele põe sobre mim e Aidan só atrapalha tudo -Ele suspira fundo e para ao meu lado ficando apenas sentado.

-Eu entendo -Sem saber o que falar, jogo conversa fora -Então...ele te contou?

- Quem? Aidan? o que - Jack me olha 

- Lucas é Pan - Sorri e Jack tinha uma expressão de surpresa, o que descontraiu muito a conversa anterior 

- Sério ! - Eu acenei - To chocado 

Rimos mas eu logo recuperei a postura, por que algo ainda me estava dando comflito. Me aproximo dele e o roubo um beijo, ele por sua vez apenas ficou surpreso e calado.

- Tenho que pegar o trem , antes que minha mãe acorde- Respondo com nervosismo- Até logo...

(  O QUE EU FUI FAZER !?)

 


Notas Finais


OII eu sei que era pra ter postado mais cedo mas deu mais trabalho ahah
OBRIGADO POR LER ATÉ AQUI !


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...