História Leo


Escrita por: ~


Sinopse:

Leo é um nova espécie residente na Zona selvagem. Yllime esta ajudando uma amiga com animais domésticos que foram abandonados e/ou maltratados. Ela o conhece e soube, no segundo em que ele a encarou, que estava
fodida.

Ele amou o cheiro, amou os olhos, amou o som da voz... Amou tudo nela. Nunca apreciou o sexo, nunca entendeu o porquê de seus amigos se prenderem a uma fêmea, até conhece-la.
E nunca se sentiu tão vivo. Tão malditamente bem.

[...] — eu quero tanto você – ele segurou o rosto dela e a
fez olha-lo. Os dedos acariciaram seu rosto. As mãos eram calejadas, mas o toque não deixava de ser bom. — me deixe te mostrar o quanto te quero. Eu vou devagar, eu prometo. Posso até me submeter a você – ele murmurou.

— se submeter? Ele assentiu. Os olhos fixos nos lábios dela.

— eu deixo você ficar por cima de mim. – ele passou a língua nos lábios e respirou fundo — você é linda.

Ela revirou os olhos.

— eu não sou linda.

— você é.

— não sou.

Ele rosnou.

— você é linda pra mim.

— então você tem algum problema de visão.Leo balançou a cabeça.

— novas espécies não tem nenhuma doença.

— tem certeza? Porque eu acho que você é míope...

— o que é isso?

Ela riu e tentou afasta-lo, mas ele nem sequer se mexeu.

— miopia é um problema de visão. As pessoas só conseguem enxergar alguma coisa de perto.

— estou perto de você e consigo te ver perfeitamente. Você é linda.

Ela corou. Ela sentiu uma mão enorme acariciar sua barriga lentamente. [...]

[...]Ele apoiou os braços perto do rosto dela e passou a penetra-la lentamente, mas ia o mais fundo que podia. Ele
abaixou o rosto e roçou seus lábios nos dela.

— está bom pra você? – Ele a viu morder os lábios e assentir rapidamente. Ela tentou segurar um gemido, mas foi
impossível quando ele mordeu seu lábio inferior levemente e ronronou baixinho. Ele também gemeu, mas ao contrario
de Yllime, não foi nenhum um pouco baixo. – você é tão apertada...

Ela se sentia muito bem. Ela sentiu quando ele passou a morder e chupar seu pescoço repetidas vezes, tentando
marca-la. Ele queria deixar bem visível que a noite foi boa, longa e que ela pertencia a ele. Somente a ele.

Ela mordeu o pescoço dele para abafar seus gemidos. Sua vagina ordenhava o pau de Leo enquanto ela
encontrava sua própria libertação.Ele não conseguia desviar o olhar de seu rosto. Queria gravar aquela imagem pra sempre... [..]

Iniciado
Atualizada
Idioma Português
Visualizações 753
Favoritos 21
Comentários 11
Listas de Leitura 5
Palavras 8.068
Terminada Não
Categorias Novas Espécies
Personagens Justice, Valiant
Tags Amor Possessivo, Ciumento, Leo, Nova Espécie Leo, Novas Espécies

Fanfic / Fanfiction Leo
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Fantasia, Ficção, Ficção Científica, Romance e Novela
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Lista de Capítulos

Capítulo
Palavras
1.
I
1
138
1.622
 
2.
II Leo
0
114
1.513
 
3.
III Leo
0
106
1.650
 
4.
IV Leo
0
105
1.620
 
5.
V Leo
1
106
1.557
 
6.
V Leo ( cont...)
7
117
105
 
7.
Aviso importante
2
67
1

Gostou da História? Compartilhe!

Comentários em Destaque

O autor dessa História ainda não destacou nenhum comentário.