História Let me Love You - Capítulo 24


Escrita por: ~

Postado
Categorias Em Família
Personagens Clara Fernandes, Marina Meirelles
Visualizações 166
Palavras 488
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Famí­lia, Ficção Adolescente, Romance e Novela
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Hello baby's demorei mais estou aqui postando um capitulo curto pois na correria me faltou tempo para escrever.
Espero que gostem e boa leitura amorinhos

OBS: Não repare meus erros please kk

Capítulo 24 - Cap. 20


Autora
Depois do tiro porrada e bomba, prosseguimos com nossa história de contos de foda...ops, de fada

Marina
Tava uma correria só na faculdade puta merda, mais claro sempre sobra um tempinho para namorar ne hehe, nunca perco uma oportunidade.
Voltando o assunto correria aqueles professores so ferra com nossa vida na moral mesmo, era trabalho em cima trabalho e prova em cima de prova, já estava a ponto de interna no hospício.

Chegou na sexta queria apenas ficar em casa com meu amor, “assistindo um filminho” e pah. Mas minha querida amiga teve a brilhante Idea de irmos a boate nova que tinha inaugurada a pouco tempo, não queria ir muito mais acabei aceitando o convite liguei pra mozão pra chama-la pra ir, ela aceito na hora, combinei certinho com o ela horário que iria passar na casa dela para irmos a balada.

Fiquei linda de bonita, passei a casa de Vanessinha.

V: Woool, se eu soubesse que ia se linda assim tinha me arrumado melhor – disse pegando na minha mão e me rodando – que matar a Clara do coração ne?

M: Para de se besta que não vou matar ninguém do coração, mal casei já que deixa viúva?

E nesse ritmo de descontração fomos rumo a casa do meu amor, e meu deus acho que ela sim queria me matar do coração, que mulher gostosa misericórdia, vontade de cancela o programa e pega ela pelo braço e tome de prazer nela.

V: Ahh vou embora desse jeito, to parecendo uma mendiga perto de vocês duas

M: Cala a boca Vanessa, se ta já linda...

C: Aeee então quer dizer que eu to feia neh

M: Voce ta gata demais amor – disse me aproximado do ouvido dela – e muito gostosa

Vi que ela se arrepiou dos pés a cabeça, hehe, eu sou demais neh?

M: Vamos que hoje eu quero aproveita

Saímos dali rumo a diversão.

Clara

Aii graças a deus uma diversão, já tava loouca com tanta coisa na faculdade. Hoje nada vai estragar minha noite.
Chegando na boate já gostei de cara, musica boa aii adorooooo vou me joga na pista, já arrastei meu amor pra lá e meti dança com ela. Confesso que me aproveitei do ambiente e provoquei, e muuito. Cada toque dela me arrepiava por inteira, sussurros e beijos quentes, so tava me deixando na vontade. Mais não vai ser agora que ela vai me ter,a noite vai ser uma criança...

C: Amor pega algo pra a gente beber

M: Ta bem minha gostosa antes so um recado, se me provoca mais vai te o que merece

Ta isso quase me causou um orgasmo.
La foi ela pega nossas bebidas em quanto fiquei mais um pouco dançando. Porem notei que ela tava demorando, fui atrás dela pra ver o que estava a acontecer és que me deparo com a pior cena que eu pude ver

C: Mais que porra e essa Marina??!!


Notas Finais


O que sera que deixou Clara puta da vida hien? Alguem se arrisca no palpite...
Aceito criticas, ideias e qualquer comentario
Ate a proxima bye


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...