História Let's live this adventure! - Capítulo 29


Escrita por:

Postado
Categorias Candice Accola, Jared Padalecki, Jensen Ackles, Once Upon a Time, Supergirl, Supernatural, The Originals, The Vampire Diaries
Personagens Alex Danvers, Bobby Singer, Caroline Forbes, Dean Winchester, Elijah Mikaelson, Finn Mikaelson, Freya Mikaelson, Genevieve, Hayley Marshall, Henrik Mikaelson, John Winchester, Kara Zor-El (Supergirl), Klaus Mikaelson, Kol Mikaelson, Rebekah Mikaelson, Regina Mills (Rainha Malvada), Sage, Sam Winchester, Stefan Salvatore
Tags Bobby, Castiel, Crowley, Dean, Johw, Klaus, Mary, Mikaelson, Rainha Má, Rebekah, Regina, Rowena, Sam, Sammy, Supernatural, The Vampire Diaries, Winchester
Visualizações 31
Palavras 1.748
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Famí­lia, Fantasia, Ficção, Ficção Adolescente, Magia, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Survival, Violência
Avisos: Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi Hunters, mais uma continuação para vocês, beijos...
E gente, se acalmem, Dean e Anna vão voltar a se ver.. não agora, talvez não amanhã, mais vão..
Beijinhos de mel.. 😚😚😙

Capítulo 29 - You will not lose me, I promise. - Part two.


Fanfic / Fanfiction Let's live this adventure! - Capítulo 29 - You will not lose me, I promise. - Part two.

Nos episódios anteriores de "Let's Live this adventure!":

- Sam Winchester? Irmão de Dean, o nosso Dean??- Ela falou e eu franzi a testa quando ela disse "nosso Dean?"- O MEU DEUS, ENTRE.- Ela falou empolgada.- Não acredito.!! DEAN!!- Ela gritou o nome do Dean enquanto me acompanhava até a sala.

- O que Freya?- Dean falou entrando na sala de cabeça baixa, não me viu ainda, ele estava com uma camiseta xadrez de abotoar, só que todos os botões estavam abertos, típico do Dean, ele levantou a cabeça quando chegou na sala e me viu.- Sammy?

- Olá irmão.- Falei.- Preciso da sua ajuda.

Agora em "Let's Live this adventure!": 

03/11/2001
DEAN (POV-ON)

Você não vai me perder, eu prometo. - Parte dois.

- DEAN!!- A Freya gritou o meu nome um tempo depois de ter aberto a porta.

Olhei para a Rebekah e fiz um beicinho, mostrando que eu não queria ir.

- Vai lá logo amor.- Ela falou me dando um beijo, revirei os olhos e fui na direção da sala.

- O que Freya?- falei entrando na sala de cabeça baixa, eu levantei a cabeça quando cheguei na sala e vi o meu irmão.- Sammy?

- Olá irmão.- Falou.- Preciso da sua ajuda.- Continuou.

- O que aconteceu?- Falei indo na sua direção e pegando no queixo dele, balando seu rosto de um lado para o outro analisando as cicatrizes que continha ali.

- Por isso que preciso de ajuda.- Ele falou batendo sua mão na minha me fazendo o soltar.

- Incrível.- Ouvi a Freya sussurra, ela estava atrás do sofá com os cotovelos apoiados e com seu rosto entre suas mãos. 

- O que você tem? Está maluca?- Perguntei e vi a Rebekah vindo da cozinha com um copo na mão.

- Estou empolgada, você é o caçador mais famoso do mundo, o seu irmão é o segundo..- Ela falo .- E agora ele está aqui.. aquiiiii.- Ela falou apontando para o Sammy.

- Freya, você me conhece a quatro meses, Por Favor.- Falei.

- Eu não estou nem aí pra você Dean, o seu irmão é tão lindo.- Ela falou andando ao redor do Sammy, e eu sorri.- e esses cabelos, meu Deus.- Ela falou juntando as mãos.

- FREYA.- Eu olhei para a Rebekah que chamava a Freya do outro lado sala.- Deixe os irmãos conversaram em paz.- Ela falou cruzando os braços.

- Bex, vem cá.- Falei a chamando com a mão e ela balançou a cabeça negando.- Rebekah Mikaelson, vem cá logo.- Falei a repreendendo, ela serrou os olhos e veio até mim receosa, ela está nervosa.

Ela chegou perto de mim abaixando a cabeça e eu a abracei.

- Sammy, essa é Rebekah.- Falei antes de beija-la.- Rebekah, esse é Sam, meu irmão.

- Percebi.- Falou áspera.

- Você.. Está com algum problema?- Perguntei.

- Não.- Ela falou antes de sair da sala, eu olhei para a Freya.

- Eu... Eu... Vou atrás dela.- A Freya falou sem entender o que deu nela, assim como eu.

- Então sammy, desculpe a Rebekah, ela não é muito de falar.- Falei mentindo, tentando disfarçar, a Rebekah é muito de fala.- O que aconteceu, porque precisa da minha ajuda.- Sentei no sofá fechando a minha camisa.

- Um demônio me atacou ontem.- Ele falou e eu olhei para ele.- Ele levou a Amanda.- Ele abaixou a cabeça depois de falar.

- O que? Porque?- Falei.

- Não faço a mínima ideia, talvez por eu ser quem eu sou.

- Não fala isso Sammy, não foi sua culpa.- Falei indo até ele.

- Eu só preciso de ajuda para achar ela.- Falou.

- Eu te ajudo, claro que eu te ajudo.- Falei.- Você é meu irmão Sammy, vamos sempre passar por problemas mas, eu sempre vou estar aqui quando precisar de mim.

- Obrigada irmão..- Ele falou e me abraçou.

Nós nos separamos e eu parei por um minuto pensando em outro assunto, o meu Deus, é claro.

Flashback ON 

- Obrigada..- Ela falou me abraçando e percebi que ela estava chorando, eu separei nossos corpos e com uma mão limpei sua lágrima.

- Não tem que me agradecer.- Falei..

- Só de pensar que eu vou perder você.- Ela falou me abraçando novamente.- Meu coração se aperta.

- Você Não vai me perder Rebekah, que papo é esse?

- Eu sei que vou Dean.- Ela colocou suas mãos no meu rosto.- No momento em que seu irmão perceber que o que ele está fazendo não vai dar certo e querer voltar para você, você vai me deixar.- Ela falou.

- É o meu irmão, Rebekah.

- Eu sei, e eu não estou pedindo para que não vá com ele, pelo contrário, eu vou te apoiar, eu só quero aproveitar o tempo que ainda tenho com você.- Ela falou e me beijou.

- Vamos aproveitar sim, muito.- Falei dando outro beijo nela.

Flashback OFF

E claro, é por isso que ela está estranha assim, eu suspirei pensando no que falaria para ela.

- O que?- Sammy perguntou.

- Nada, eu vou preparar uma mochila para a gente ir.- Falei e depois subi as escadas, Bex estava sentada na nossa cama olhando para a janela, ela disfarçou um pouco quando me viu, ela está chorando?

- Você está chorando?- Perguntei e praticamente corri para sentar ao seu lado.

- Você vai com ele?- Ela perguntou segurando o choro.

- É, mas é só por um tempo Bex, ele precisa de ajuda para achar a namorada dele, um demônio a sequestrou.- Falei passando a mão pelo seu rosto para limpa suas lágrimas.

- Então, me deixe ir com você.- Ela falou soluçando.

- O que? De jeito nenhum.- Falei.- Seus irmãos precisam de você.

- Dean, eu tenho muitos irmãos, não precisam de mim.- Ela falou e eu balancei a cabeça achando uma péssima ideia, mas quando olhei para ela, ela estava com seus olhos abaixados, ela se jogou no meu colo abraçando minha cintura.

- Por favor.- Ela falou chorando mais ainda.- Eu sei que você vai me deixar Dean, só preciso de um tempo para me despedir.

- Eu já te disse mil vezes, você não vai me perder, não agora.- Falei levantando a cabeça dela e a olhando nos olhos.

- Não agora, mas um dia sim.

- Um dia sim.- Passei a mão nos seus cabelos os colocando atrás da sua orelha.

- Promete que não vai ser agora?

- Eu prometo.- Dei um beijo nela e um abraço forte.

- Vamos.- Eu falei e ela pulou de cima de mim.

- Obrigada, obrigada...- Falou depois levantou e foi até o seu closet e jogou uma mochila pra mim, e pegou uma pra ela.

- Ainda bem que você não pegou uma mala.- Falei rindo.

- Idiota.- pegou algumas roupas minhas e me jogou eu embolei tudo, coloquei dentro da mochila e ela me olhou de cara feia.

Eu joguei a mochila nas costas e desci as escadas.

- Sammy, a Rebekah vai com a gente.- Falei já lá embaixo, ele estava na cozinha com a Freya, eles estavam rindo o que me faz pensar que se deram bem.

- Porque?- Freya falou.

- Porque ela quer.- Falei óbvio.

- Klaus vai te matar.- Ela completou.

- Eu sei.- Falei.- Por isso que nós vamos sair antes dele chegar.

Ouvi a Rebekah descendo as escadas.

- Vamos.- Falei batendo no ombro dele.

- Aii cara..- Ele reclamou.

- O que?- Falei puxando a jaqueta dele e vendo o curativo.- O que foi isso?

- Facada.- Ele falou desinteressado.- Demônio idiota.- Ele foi em direção a sala e Freya e eu fomos atrás.

Ele passou pela Rebekah estendendo a mão para pegar sua mochila, ela agradeceu e entregou para ele.

- Boa sorte com o trabalho Sam, espero poder nos vermos de novo.- Freya falou acenando.

- Foi bom te conhecer Freya.- Sammy falou acenando da porta, Rebekah pegou na minha mão e nós fomos atrás do Sammy.

- Até mais Freya.- Rebekah falou e acenamos juntos da porta.

A viagem de New Orleans até a cidade onde o Sammy estuda é quase 12 horas.

Nos demoramos até chegar no aeroporto, eu odeio avião e a Rebekah sabe disso, nós ficamos com um caso quase dois meses atrás que era longe pra caralho daqui, tivemos que ir de avião, eu fiz uma cena, o Sammy também sabe porque ele é meu irmão, já andamos muito de avião.

Quando chegamos para embarcar Rebekah ficou ao meu lado e pegou a minha mão, eu olhei para ela e ela sorriu para mim, eu devolvi o sorriso, vi Sammy sorrindo atrás de nós, aposto que ele deve estar rindo de mim essa vadia.

Nós embarcamos, Rebekah e eu sentamos um do lado do outro é Sammy sentou na poltrona ao lado, logo pegou um livro e começou a ler, Rebekah colocou sua cabeça no meu ombro e fechou os olhos.

04/11/2001

Eu acordei com o baque do avião pousando, eu olhei para o lado, Rebekah ainda estava dormindo e Sammy continuava lendo, só que agora era outro livro.

- Você não dormiu?- Perguntei.

- Não.- Ele falou virando para mim.

- Senhoras e Senhores, o desembarque está autorizado.- Ouvimos uma voz feminina, eu olhei para a Rebekah ainda dormindo, da até dó de acorda ela de tão linda que ela fica dormindo.

- Bex.- Falei baixo e ela gemeu, eu mordi os lábios de excitação.- Bex, amor.- Eu falei e vi o Sammy me olhar estranho pela palavra que eu usei 'amor'.- Bex, acorda.- Dessa vez falei sacudindo o ombro dela.

- Ai saiiii.- Ela falou fazendo manha, depois abriu os olhos devagar, até que acordou mesmo.- chegamos?.

- Sim, vamos.- Falei ajudando ela a levantar.

Pegamos um táxi e fomos para a casa do Sammy.

- Nunca entrei aqui, é bonito.- Falei.

- É mesmo, acolhedora, parece casa de mãe.- Rebekah falou e eu dei uma risada e o Sammy revirou os olhos rindo também.

- Obrigada.- Ele falou irônico.- Sê acomodam no quarto de hóspede e vamos começar o trabalho.

- É, a Rebekah e eu vamos começar o trabalho, você... - Falei apontando para ele.- Você vai dormir um pouco, passou o voo inteiro acordado.- Eu falei, Sammy fez cara feia, eu fiz uma cara de bravo apontando para o corredor onde parecia que ficava os quartos.

Sammy fez cara de que foi derrotado e foi para o quarto dormir.

- Adoro quando você banca o responsável.- Rebekah falou no meu ouvido, me virei para ela, ela piscou e foi levar nossas mochilas para o quarto seguindo o Sammy.

Eu levantei as sobrancelhas e comecei o trabalho, vendo os registo de ocorrência na área.

Rebekah voltou e ficamos horas trabalhando, de vez enquanto nós nos distraídos um pouco nos divertindo.

Sammy acordou e se juntou a nós depois de um tempo.

- Eu encontrei um lugar no mapa onde mostra um maior índice de ataques no padrões dos demônio.- Rebekah falou chamando a atenção de todo mundo.

DEAN (POV-OFF)
 


Notas Finais


E para que vocês comecem a amar Dearoline como eu, vou colocar alguns vídeos para vocês assistirem se quiserem:
https://m.youtube.com/watch?v=UBwLKS8Tz_4&list=PLxOcBo5B3ODRC54Z9bA3p8gAh9ck2i9s-&index=3&t=19s
OBS: Os vídeos não são meus, então vamos dar os créditos aos devidos donos..


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...