História Lia Levesque e os Semideuses - Capítulo 14


Escrita por:

Postado
Categorias Mitologia Grega
Personagens Personagens Originais
Visualizações 2
Palavras 1.065
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Ficção Científica

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir culturas, crenças, tradições ou costumes.

Notas do Autor


Eu quero agradecer as minhas amigas e amigos que estão representando os novos personagens, espero que gostem da história ♡

Capítulo 14 - Encontro com Apolo e novos semideuses


Fanfic / Fanfiction Lia Levesque e os Semideuses - Capítulo 14 - Encontro com Apolo e novos semideuses

Enquanto estive inconsiente novamente vi Quírion no acampamento, ele estava com um grupinho de quatro semideuses, um dos semideuses era filho de Hades, o que eu fiquei descontente, e tinha um mortal comum, porque permitiram um mortal entrar no acampamento? Eu não sei, mas tudo bem, uma menina disse:

-Quiríon então vamos ajudar a filha de Zeus?

-Sim Elizabeth, ela está tendo muitos problemas, perdeu todos os movimentos do corpo por culpa de Porfírion, o Oráculo só deu parte da profecia, mas ainda tem mais por vir.

-Eu não concordo com o meu pai, nem com os meus irmãos, por isso resolvi ajudar- disse o filho de Hades

-Eu sei Charles, mas cuidado não comente isso nem ao seu pai nem aos seus irmãos- respondeu Quírion

-Vamos para de papo e vamos ao que interessa?-Perguntou uma menina

-Bom, olha o jeito de falar Myra, vocês vão para Fernando de Noronha, com um jato, eu sei que é estranho, mas não se preoculpe Charles, Lia vai controlar o avião durante o vôo

-Prefiro ir nas sombras- respondeu Charles

- Você vai de avião, Aimi cuide de seu irmão, ele tá sofrendo por Lia, e sim eles começaram a namorar durante a missão

-Esse é um bom momento de zoar ele- disse Aimi com cara de maldosa

-Lyn você vai acompanhar sua namorada Myra, e vê se não deixa ela destruir as coisas

-Pode deixar- respondeu Lyn

-Eu vou mandar cinco pégasos para vocês, Lia já tem Drogon e Daniel Rhaegal, nunca usem os pégasos deles. Levem ambrisiosa, néctar e tudo o que vocês precisam, agora são onze da manhã, vocês vão chegar lá ao meio dia; lá em Fernando de Noronha será uma da tarde, eles estarão em uma casa, e lá estará Apolo, ele vai trazer de volta os movimentos de Lia, apenas o braço esquerdo dela que ele não vai conseguir, Porfírion deixou uma marca ruim nela, e vai demorar para esse braço melhorar, então ajudem o máximo possível Βωα σωρτε.

Acordei e eu estava deitada em uma cama de casal; Daniel estava dormindo quietinho ao meu lado, fiquei pensando. ... daqui a uma hora quatro semideuses e um mortal estaria ajudando a gente, e agora a pestinha da irmã de Daniel vai com a gente (eu vou matá-lá se ela começar a me irritar)

Alguém entrou no quarto, era um homem bonito, olhos castanhos, ele me olhou e disse:

-Olá irmã, meu nome é Apolo, como está se sentindo?

-Tô bem, só meu braço esquerdo que não está bem, quanto tempo eu dormi?

-É seu braço eu não consegui fazê -lo melhorar, e você dormiu dois dias. Seu namorado ficou preoculpado, não dormiu esses dois dias; até que convenci a dormir, ele vai acordar daqui a pouco.

Daniel se mexeu na cama, como se estivesse tendo um sonho desconfortável, voltei a olhar para Apolo e disse:

-Daqui a pouco quatro semideuses e um mortal vai chegar aqui, depois cinco pégasos também.

-É eu sei, to fazendo as coisas o mais rápido possível, não quero que eles me vejam.

-Como está meu pegáso?

-Há mas ele está bem, e irmã eu acho que você não descobriu uma bênção de nosso pai, né?

-O quê? Que bênção?

-Hãn... Vai soar estranho, mas você pode se transformar em animal, quaisquer um, tanto um animal pequeno exemplo: um coelho e tanto animal grande como um dragão.

-Você está brincando comigo, né?

-Por acaso eu estou rindo? Tente aí, pense em um animal.

Pensei em uma raposa, e o meu corpo foi ficando pequeno, até eu me ver rm forma de uma raposa, pensei em voltar para a minha forma normal, e me vi novamente sentada.

-Tá agora eu acredito em você

-Viu? É raro ter essa bênção, nem mesmo Thalia tem....

O nome Thalia me deixou triste, fiquei lembrando dela me salvando. ...

-O que aconteceu com ela?

- Ah; ela está bem; estou vendo ela atravessar uns bosques com as caçadoras, ela conseguiu fugir. Sobraram poucas caçadoras - respondeu Apolo

-Como....? Ah é você é o deus do sol

-Isso mesmo, bom agora tenho que ir, são meio dia e cinquenta e cinco, seus amigos já vão chegar.

-Ok, até um dia Apolo, e... hum.... obrigada por trazer de volta os meus movimentos.

-De nada Lia, até mais.

Apolo foi embora e no mesmo instante Daniel acordou, olhou para mim, sorriu e me abraçou

Ele me beijou, fico imaginando como ele sofreu esses dois dias comigo inconsiente, o afastei devagar e sorri:

-Vamos senhor amoroso, temos que ir rápido para a praia

-Porquê?

-Quírion nos mandou ajuda, quatro semideuses e um mortal, e eles trouxeram uma das suas irmãs

-Qual?

-Aimi

-Ah não, aquela pestinha não, ela ama me irritar.

-Também pensei nisso.

Fomos correndo e pegamos os nossos pégasos, fomos voando até eu localizar eles, que pararam olharam e apontaram para agente. Descemos até pousarmos, ficamos em nosso pégasos e eles correram até agente. Pararam na nossa frente e eu disse:

-Olá a vocês semideuses e mortal, sou Lia Levesque, filha de Zeus, e esse é Daniel, filho de Afrodite, .....

-Olá mano- disse Aimi

-Cala a boca Aimi- respondeu Daniel

-..... estamos nessa missão já faz um tempinho, o que faz de nós líderes, não quero confusão; ouviu Charles?

-Que foi? Só vim ajudar

-Eu sei, mas caso tenha algum problema, eu me transformo em dragão e te mato.

-Até parece que você consegue se transformar em um dragão -Falou Myra

- Você dúvida ?-Perguntei

-Duvido

Desmontei do meu pegáso e imaginei um dragão adulto, então fui ficando mais alta e escamosa, até chegar a quase vinte metros, abaixei minha cabeça e olhei para Myra que disse:

-Tá bom, não duvido mais não

Voltei a minha forma normal e disse:

-Temos muitos problemas agora, Gaia está se reerguendo novamente, meu pai ta em conflito com Hades, temos que deter Hades; e teremos que enfrentar Gaia, então iremos fazer isso JUNTOS. NUNCA SEPAREM-SE DO GRUPO, VAMOS VENCER TODOS OS GIGANTES E GAIA. VOCÊS ENTENDERAM?

-SIMMM!!!!-Gritaram todos

-Melhor vocês montarem em seus pégasos que estão ali e irmos embora

Eles se viraram e correram para os pégasos, montei em Drogon, olhei para Daniel que sorria

-Pelo jeito você vai dar medo em Aimi.

-Provavelmente não

Cheguei perto de Daniel e o beijei, de longe ouvi Aimi gritando:

-ESSE É O MEU IRMÃO

-Deixa ela de lado- respondeu Daniel- Vamos

Seguimos até o grupo e eu disse:

-Teremos que ir até Brasília, pois o problema está concentrado lá, tentem não morrer.

-Bela dica- disse Elizabeth

-Vamos, que não temos muito tempo.

Levantamos vôo; eu e Daniel estava na frente e o resto atrás, olhei para ele e sorri, próxima parada Brasília 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...