1. Spirit Fanfics >
  2. Libet vobiscum - interativa >
  3. Capítulo 2.1

História Libet vobiscum - interativa - Capítulo 5


Escrita por:


Notas do Autor


Como eu prometi tá aqui um capítulo extra

Capítulo 5 - Capítulo 2.1


Algumas semanas antes…


Nina estava andando de um lado para o outro do quarto, não tinha posição, não parava de passar a mão do cabelo demonstrando seu nervosismo. Aquela parte do ano seria incrível, sair da ilha para um acampamento só da realeza, seria magnífico, ela poderia conhecer novas pessoas, fazer amigos e segundo sua mãe talvez até aliados diplomáticos futuros. Ela não estaria sozinha na viagem, seus irmãos iriam, mas não estava preocupada com sua presença já que seriam divididos por idades e cada um teria um setor pra ficar e como já tinha feito um tour virtual pelo local ela estava tranquila. 

- Eu não to conseguindo me acalmar… - Ela comentou para Lira que fazia a mala da princesa.

- Estou vendo vossa alteza - Disse a dama rindo.

- É que vão ser inúmeras possibilidades, posso encontrar até quem sabe alguém, não se pode ser BV para sempre sabe… - A princesa comentou e a dama apenas sorriu.

   

    O dia passou se arrastando, como se cada minuto durasse uma hora, até as aulas de Yoga não foram tão prazerosas, a aula de etiqueta nem se fale. Tudo pareceu uma eternidade, Nina queria que o dia seguinte chegasse tão rápido quanto as fofocas chegam aos tabloides. Afinal ela nunca tinha deixado a ilha, só via o mundo pelos documentários. Mal conseguiu dormir de tanta ansiedade, Lira chegou ao quarto da princesa com uma grande caneca de café, ela se vestiu, um macacão rosa salmão, um saltinho rosa bebê com pedrarias no tornozelo, colocou uma coroa, afinal… É uma regra de etiqueta FantasiDrømiana, estava com seu colar e um brinco redondo com várias pedrinhas preciosas. 

    Era Onze horas quando o jatinho real partiu do aeroporto da capital Maaginen com os seis herdeiros do trono, a viagem foi tranquila, Nina tentou dormir, até que conseguiu cochilar um pouco, mas nada muito significativo para descanso. A viagem havia sido longa, mas pousaram em um aeroporto em Mônaco, de lá pegaram uma lancha especial, havia o brasão da Casa de Grimaldi,numa ilha paradisíaca que foi fechada só para aquele evento, que seria um tanto quanto secreto, uma vez que a existência da ilha era mantida em segredo. Ao chegarem foram recepcionados por Paulina Ducruet, filha da princesa Stéphanie de Mônaco e por Alexandra de Hanôver filha da princesa Carolina do Mónaco. Foram designados a carrinhos de golf que os levariam para seus destinos. Nina e Téo iam ficar no mesmo espaço ao norte da ilha. Quando o carrinho parou eles puderam contemplar a infraestrutura do local, vários chalés de madeira com varandas e pequenas escadas de concreto. Téo foi designado para o lado esquerdo do pátio onde ficariam os menino e Nina para o direito, foi levada por um funcionário para um chalé que estava escrito na porta “Azalea” com uma flor entalhada na madeira. Ela entrou e pode ver 3 camas mas nenhuma com algum pertence sobre, pensou então que poderia escolher a melhor, jogou sua bolsa em cima de uma delas e saiu para procurar o irmão para que pudesse ver onde estava hospedado. 

    Após conversar um pouco com o Téo ela pode ver alguém entrando em seu chalé mais que depressa correu ao encontro da moça, era uma menina de rosto quadrado e queixo fino tinha algumas sardinhas no rosto, seus olhos eram escuros e estreitos, o cabelo castanho claro ondulado na altura do busto seus lábios eram finos.

- Oi- Disse Nina entusiasmada. - Sou Nina Thea Othilia. - Ela cruzou um pé atrás do outro e abaixou a cabeça.

- Prazer - Nina sou…

- Ei espera eu conheço você…

- É realmente você me parece familiar

- Ah meu deus! Princesa Ingrid da Noruega! - Nina exclamou feliz.

- E você é uma das princesas da ilha, como chama mesmo...

- Sim! FantasiDrøm - Exclamou Nina, e a princesa Ingrid concordou.

- Nossa quanto tempo! Nina poderia me ajudar com as coisas?

- Claro


Elas entraram e ficaram conversando sobre os dois países, Nina ficou encantada só de imaginar as coisas do país da nova amiga como Tromsø, que tinha as coisas mais ao norte do mundo ou o fato deles almoçarem sanduíches e as comidas mais quentes serem servidas no jantar a cada nova descoberta os olhos da princesa brilhavam. Um solavanco na porta e uma menina negra lindíssima, vestida com roupas provocantes, se apresentou como Mandisa a 21a filha do rei Mswati III da Suazilândia, um pequeno país da África, não precisou de muito tempo ao lado das Duas princesas bálticas para Mandisa desfazer a carranca e se soltar. Disse que aquela roupa era para provocar seu pai que não lhe dava atenção.

- E eu que achava que ter cinco irmãos era muito - Comentou Nina rindo.


Aquelaseria a noite da fogueira, a qual todos daquele lado do camping iam se conhecer, confraternizar e comer. As meninas se arrumaram nada de mais, Nina pegou uma de suas tiaras na maleta de maquiagem.

- Porque você está sempre de coroa? - Perguntou Mandisa.

- Em meu país é regra de etiqueta, temos que usar.

- Nossa que diferente - Comentou Ingrid. - Curti.


Elas finalmente saíram do chalé a ‘pracinha’ estava lotada de adolescentes, uns muito arrumados outros nem tanto, havia uma enorme fogueira no meio e vários bancos fazendo um círculo em volta com uma distância considerável do fogo. Elas sentaram do lado de Téo e seus amigos, Mandisa comentou ao pé do ouvido de Nina que o irmão dela era lindo, a princesa só revirou os olhos. 

- BEM VINDO AO PRIMEIRO ACAMPAMENTO REAL INTERNACIONAL! - Disse um moço com uma roupa preta e um pequeno símbolo no peito do lado esquerdo, que mais tarde se identificou como Frederik.- Para a noite de iniciação vocês terão que falar de onde são e uma curiosidade de seu país, para aqueles que têm irmãos, uma curiosidade já basta, apenas apresentação é suficiente. 

Nina nesse momento torceu para começar da esquerda que dessa maneira Téo falaria primeiro, contudo, começou da direita, e a cada passada de microfone Nina ficava mais e mais nervosa. 

- Ingrid Alexandra da Noruega, meu pai é o príncipe herdeiro e minha curiosidade é que temos a cidade que mais chove no mundo Bergen.

- Mandisa Ashia de Suazilândia, sou a vigésima primeira filha do rei e minha curiosidade é que como podem ver meu país é poligâmico.

- Sou Nina - Ela engoliu em seco e procurou conforto nos olhos do irmão que piscou pra ela e segurou sua mão dando-a confiança. - Nina Thea Othilia Korivoch Merovech, filha do Rei de FantasiDrøm e meu país tem um dos mais diversos recifes de coral do báltico.

- Sou Téo Thorsten Bodil Korivoch Merovech, irmão dessa pirralha aqui. - Bagunçou o cabelo de Nina.

E as apresentações foram se passando. Ao final Frederick disse que estariam liberados para uma festa, garçons surgiram com bandejas recheadas de canapés e a música começou a tocar. As meninas estavam realmente se divertindo, Mandisa puxou conversa com Téo e eles estavam rindo, a princesa adorava brincar com os costumes de seu país e com o fato de ter 24 irmãos. 

- Aquele ali te olhou a noite toda - comentou Ingrid apontando com a cabeça delicadamente.

- Nem vem, claro que não - Nina corou.

- Tô falando sério é o Conde da Casa Saboia acreditavasse que a linhagem havia acabado em 1660 por ai, mas descobriram uma linhagem inteira bastarda e como um deles casou se com outro nobre ele é o atual herdeiro de Saboia.

- Que interessante 

- Eu gosto de história - Ingrid riu. - E acho que deveria falar com ele. 

- Não acho uma boa ideia… Eu não tenho noção nenhuma de como fazer isso.

- Nina no fundo ninguém tem - disse Ingrid empurrando a princesa em direção ao Conde. Que sorriu ao vê-la chegar. - Conde me permita apresentar a princesa Nina de FantasiDrøm…

- É um grande prazer - disse ele fazendo reverência e beijando a mão da menina.


Notas Finais


Taaan taaan taaaaaaaan hahahahah e é com esse clima de meu deus o que vai acontecer que eu deixo esse capítulo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...