História Liebe. - Capítulo 9


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Homossexualismo, Lesbicas, Romance
Visualizações 16
Palavras 869
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, LGBT, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 9 - Cedo demais?


Louise 

Acordei na cama de Alexia, não me lembro de como fui parar ali, virei para o lado e não tinha ninguém, peguei meu celular que estava ainda no meu bolso, olhei as horas, 10:40, tinham algumas mensagens, uma delas de Laura, "Já estou em casa, bati na sua porta e nada, onde você tá? Volta logo." Laura tinha viajado nas férias e eu mal podia esperar para vê-la, me levantei e procurei por Lexi, nada, em nenhum cômodo, deve ter ido comprar algo, de qualquer forma não esperei, precisava ir pra casa, fui ao banheiro e escovei meus dentes com uma escova que deixei reserva, lavei meu rosto e fui embora.

Amanda

Me virei, o sol já estava brilhando, no despertador marcava 11:00, não me preocupei muito em levantar, queria aproveitar aquele domingo, não me lembro o que sonhei, mas lembro que tinha Louise, peguei meu celular e fui logo ligando para Nick, comecei a contar toda a história e a mesma ficou tão histérica quanto eu, marcou de vim para minha casa e conversarmos melhor.

Autora

Louise chegou em seu apartamento e foi direto ao banheiro, tomou um longo banho. Ainda enrolada em uma toalha, estava penteando seus cabelos quando se lembrou da noite passada, de Mandy, de como se sentiu, precisava pedir conselhos à Laura. Fazia calor, Louise se vestiu com um short jeans escuro e uma camiseta branca, colocou seus tênis em tom de bordô, um boné preto um relógio da mesma cor. Comeu algo e subiu até o apartamento de Laura, que já estava à esperando, Louise tinha combinado de irem à um bar para se atualizarem.

O reencontro foi com um longo abraço, Laura no colo de Louise, se segurando com as pernas em volta da mesma, que à abraçava com força.

- Senti tanta saudades, vadia. Laura disse apertando ainda mais Louise. E ao fim do abraço as duas seguiram até o elevador e foram andando até um bar na rua paralela à que estavam, foram conversando e Laura contando como foi a viagem. 

Chegaram até o bar e se sentaram em uma mesa que ficava na calçada, o lugar era comum para elas, sempre iam lá, era agradável, por dentro as paredes eram pretas com uma longa bancada de madeira dividindo o espaço, decorações rústicas nas paredes e tocava músicas diversas, o pedido foi uma garrafa de cerveja. Louise ascendeu um cigarro e olhou para a amiga com um olhar que a mesma já conhecia, vinha notícias por aí.. 

- O que você fez Louise Martielli? Ela falou olhando em seus olhos o que à fez rir.

- Não fiz nada demais ainda, Laura Reis. Ela deu um trago no cigarro. - Apenas conheci uma garota, na festa de boas vindas da faculdade. Laura continuou a olhar para a amiga, ela simpatizava com Ivy, sua ex namorada, e não conseguia acreditar que realmente tinham terminado, mas sempre apoiava a amiga.

- Você não perde tempo. Ela riu. - Me conta isso direito, vadia.

Louise contou toda a história e Laura respondia com suas expressões, dando goles em sua cerveja, e ao terminar Louise lançou a pergunta.

- Acha que está muito cedo para me envolver com outras? Louise olhava para Laura séria, que retribuia esse olhar.

- Você e Ivy acabou mesmo? Laura perguntou.

- Sim, ela estava com outra Laura, não tem como.

- Eu te entendo Ize, mais que qualquer um, sei como você gostava dela, mas você não deu nenhuma chance para ela se explicar, não conversou com ela após isso, não acha necessário uma conversa pra por um fim nisso? Ela te procura, deve ter algo pra falar.

- Não quero saber, ela não teve motivos, fiz de tudo por ela, você sabe disso, não quero mais conversar com Ivy, quero seguir minha vida.

- Então é isso que deve fazer, Ize, seguir, você merece ser feliz. Laura pegou uma das mãos de sua amiga e segurou firme com um sorriso no rosto e Louise retribuiu. As duas continuaram conversando, Laura contando de um cara que conheceu na viagem e a manhã se estendeu até tarde. 

Amanda estava em casa quando Nicole chegou, fizeram brigadeiro, assistiram um filme e conversaram sobre a noite de Amanda. 

- Acho que deve ir com calma, Mandy. Você mal conhece essa garota, não quero que se magoe.

- Eu sei Nick, vou tentar me controlar. 

As duas se olharam e riram, sabiam que era mentira, continuaram a conversar enquanto o tempo passava.

Louise 

Já era noite, eu e Laura voltamos para casa, desci do elevador e Laura seguiu até seu andar, cheguei a minha porta e vejo quem não esperava. Uma garota loira, o cabelo curto com um topete no topo da cabeça e as laterais raspadas, olhos azuis e um estilo diferente mas elegante.

- O que está fazendo aqui, Ivy?

- Louise precisamos conversar, tem coisas que você precisa saber. Ivy segurou o braço de Louise, olhando em seus olhos.

- Não tem, Ivy, vai embora, não quero conversar com você. Louise disse se soltando, pegou a chave e abriu a porta do seu apartamento.

- Ize, por favor.

Louise fechou a porta abafando o som da voz de Ivy, trancou e foi para seu quarto, se sentou na cama e não conseguiu evitar as lágrimas que insistiam em cair.

Droga Ivy. 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...