História Life And Death - Yaoi - Capítulo 6


Escrita por: e DuendeBem

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Lemon, Morte, Vida, Yaoi
Visualizações 187
Palavras 344
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Ficção, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Espero que gostem.

Capítulo 6 - Droga, Morte!


Fanfic / Fanfiction Life And Death - Yaoi - Capítulo 6 - Droga, Morte!

Vida POV :

17:28 PM :

Eu havia chegado em casa a algum tempo, comprei ração canina e petiscos para o Café. A adoção é bem simples e eu apenas precisava pagar pela coleira que vinha com o nome do filhote, endereço e telefone com o nome do dono. 

Corei um pouco de vergonha ao me lembrar da atendente que achou meu "nome" fofo. Sério, desde quando Rynk Marsh Mello é fofo?? 

Fazia algumas horas que eu estava com o Café e já tive que limpar a casa inteira por conta do filhote que agora estava roendo meus chinelos. 

- VIDA!!! - ouvi alguém gritar do andar de baixo

Era Morte e ele estava bêbado. 

- Morte!! - falei correndo até o bêbado para o segurar

Corei muito ao perceber que ele estava sem camisa. Morte tinha barriga e músculos definidos e mesmo bêbado seu olhar era atraente. 

Levei Morte para o meu quarto o levando para o banheiro para lhe dar um banho frio. Fui até o box ligando o chuveiro e sou agarrado por Morte que me prende na parede já sem suas roupas. 

- M-Morte!!!!! - falei assustado e extremamente corado

- Suas roupas vão me atrapalhar... - fala Morte segurando meu rosto com força 

Ele estava muito bêbado e eu às vezes tinha medo da agressividade que ele tinha quando ficava assim. 

Morte segurava meu rosto como se fosse destroçar minha mandíbula com a própria mão. 

- Morte... E-Está me machucando... - falei ficando ofegante com meu coração acelerado

Morte começou a me beijar e acabei o retribuindo... 

Eu queria beija-lo a tanto tempo... 

O gosto das várias bebidas alcoólicas misturadas invadiram minha boca em meio ao beijo. 

De repente me assusto com a mão de Morte em meu membro. 

- Morte!! Não!!! - falei o sentindo apertando meu membro

- Apenas fique quieto... - fala Morte no meu ouvido me fazendo arrepiar

- Não... - falei sentindo a mão de Morte entrando em minha calça de moletom

Soltei alguns gemidos com a mão de Morte me masturbando enquanto me beijava novamente com seu gosto de bebidas caras. 

Continua... 


Notas Finais


VAI SER PEQUENO MEMO PQ TÔ COM SONO ;^;

OPA ;-;


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...