História Life-Imagine Jungkook - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jungkook, Personagens Originais, V
Tags Life&life
Visualizações 278
Palavras 1.076
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Esporte, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção Adolescente, Hentai, Luta, Mistério, Poesias, Policial, Romance e Novela, Saga, Sobrenatural, Survival, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 11 - Conhecendo a rotina.


Fanfic / Fanfiction Life-Imagine Jungkook - Capítulo 11 - Conhecendo a rotina.

                      

                     →Dia seguinte←


Acordei com o celular despertando, era 6 da manhã. Não queria me atrasar por isso botei para despertar 2 horas antes.

-Bom dia para mim. Disse enquanto levantava e me espreguiçava.

Fui para o banheiro giz minhas higienes, como era um emprego "simples", botei apenas uma calça preta e uma camiseta branca com uma sapatilha da mesma cor que a calça cabelos presos em um coque de cavalo baixo.

Olhei no relógio ainda ia dar 7 horas.

-Acho q da para comer algo.

Disse indo para a cozinha e pegando uma torrada com leite e nescal, enquanto comia mexia no celular até que recebi uma mensagem.

{Msg on Tae}

T: Boa sorte hoje .

-Obrigada irei precisar.

T: Se precisar de alguns conselhos de especialista para especialista pode ligar.

- Sim senhor Taehyung pode deixar.

T: Vê se não faz nada errado.

- Você está dizendo que eu sou desastrada Taehyung?

T: eu não disse nada, você que está dizendo.

-humn, por que você tá mandando mensagem agora? Dia de plantão?

T: pra falar a verdade passei a madrugada aqui uma paciente entrou em trabalho de parto e os outros médicos estavam ocupados eu estava de folga mais o dever chamou, e ele já está chamando de novo, tenho que ir se cuida s/n.

- se cuida você Tae, se não você vai acabar adoecendo por trabalho em excesso.

T: tá okay senhorita s/n irei me cuidar, Tchau.

-Tchau.

{ Mng Tae off }

Terminei de comer e vi que já eram 7:15.

- é melhor eu ir.

Disse pegando minha bolsa com as roupas e logo em seguida saindo de casa.

● ● ●

Assim que cheguei na casa a Chang já me esperava na frente da mesma.

Sra.C: você é pontual, bem vamos entrando.

Eram 8 horas em ponto.

Assim que entrei fui direto para a cozinha.

Sra.C: acho que não precisarei falar como se cuida de um bebê né, alias você é pediatra, ela agora está no quarto mamando, deixa eu te apresentar ela.

Disse caminhando até uma moça que estava arrumando uma bandeja de café da manhã.

Sra.C: s/n essa é a sook ela é a responsável pela cozinha.

Ela (sook) olhou para mim e riu, sook era uma senhora.

Sk: prazer em conhece-lá s/n.

Disse estendendo a mão.

-prazer é todo meu.

Enquanto nos apresentavamos senhorita Chang estava a procura de algo.

Sra.C: Sook cadê o remédio?

Sk: eu já botei na bandeja.

Fiquei curiosa será que tem alguém doente.

-alguém está doente?

Perguntei fazendo as duas me olharem.

Sk: ninguém está doente meu bem, é que o senhor Jeon bebeu muito ontem e precisa tomar o remédio para ficar bem.

Quer dizer que além de não ligar para a filha ele sai e enche a cara? Nossa não sei se tenho pena da menina que tem um pai assim ou se tenho pena dele pois se ele continuar assim será desprezado por ela.

Sra.C: vamos s/n, vou lhe levar até o quarto da Mingju ela já deve te terminado de mamar.

Nós saimos da cozinha e fomos para o quarto da pequena a casa era realmente enorme tanto por fora quanto por dentro eu levaria um tempo para de acostumar.

Sra.C: s/n sobre seu uniforme ele ficara pronto daqui três dias.

- sim senhora.

Sra.C: se você me chamar mais uma vez de senhora vai rolar escada a baixo.

Ela disse séria e elogo depois riu.

-tá okay Chang.

Sra.C: assim está melhor, bem vamos as regras aqui as coisas começam bem cedo as 6 da manhã a bebê acorda e pega sol as 8 é hora de mamar as 9 hora do banho depois disse ela dorme até as 11 da manhã.

Nesse momento ela parou no corredor em que estavamos andando e virou para mim.

Sra.C: aqui em cima ficam 6 quarto e lá em baixo os três quartos para funcionários você terá seu quarto lá mais você ira dormir no quarto da Mingju.

Nós tinhamos parado no início do corredor.

- as minhas coisas ficaram lá mas eu dormirei aqui em cima.

Sra.C: olha aqui no corredor tem 8 portas 6 quartos um banheiro e um escritório, os dois últimos quartos são os quartos do senhor Jungkook e da Mingju o do senhor Jungkook é o do lado direto e da Mingju esquerdo, o quarto ao lado do senhor Jungkook e do primo dele Jung Hoseok ele está viajando a trabalho voltará daqui um mês e os outros dois são de hóspede, vamos ao quarto da bebê.

Enquanto andávamos pelo corredor percebi que não tinha fotos nos quadros, fiquei curiosa alguns quadros estavam virados e outros sem fotos.

- Chang cadê as fotos do quadros?

Sra.C: ele tirou tudo como eu disse ele sofre em silêncio não se abre com ninguém, bem cada um tem seu jeito de enfrentar as coisas.

Contiamos andando (esse corredor não acaba), quando estava perto do quarto a bebê chorando muito. Chang rapidamente estra no quarto.

Sra.C: Sammy o que aconteceu?

Sm: eu não sei ela estava mamando e começou a rejeitar o leite do nada ai depois começou a chorar e não quis mais mamar, acho que ela está com cólica.

Eu estava ouvindo o choro da bebê e com a experiência que tenho soube o que ela tinha só pelo choro.

- Chang pode me dar ela.

Ela me deu a bebê e eu logo vi que eu estava certa.

Sm: o que ela tem?

-Ela está com gases e muitos, ela arrota depois que mama?

Sm: s-sim sempre fasso ela arrotar.

- pois não parece a barriga dela está muito tufada .

Comecei a fazer massagens na barriga da bebê ela foi se acalmando aos poucos até que pegou no sono.

-ela é linda.

Disse enquanto a colocava em seu berço.

Sammy já tinha saido só estava Chang, depois de botar ela no berço saimos do quarto.

Sra.C: obrigada por isso.

-Não foi nada, quando eu trabalhava no hospital sempre tinha mães de primeira viagem que sempre deixavam seus bebês com gases pois não sabiam como fazer direito para eles arrotarem.

Sra.C: que eu esqueci de falar os horários do senhor Jungkook são apertados ele sai as 7 da manhã e volta as 10 da noite quando ele não sai para beber, então tente evita deixar a bebê chorar enquanto ele estiver em casa.

- vou tentar.

Falei e fomos para a cozinha, estavam todos lá, Chang tinha terminado de me explicar tudo e tinha dado todos os horários da bebê para mim ela grande parte do dia dormindo.

-Já vi que vai ser difícil trabalhar aqui com esse Senhor Jungkook.

Disse para mim mesma em um sussurro.





Notas Finais


Desculpe se tem erros.
Obrigada por ler
S2


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...