História Lips - Markhyuck - Capítulo 14


Escrita por:

Postado
Categorias Neo Culture Technology (NCT)
Personagens Chenle, Haechan, Jaemin, Jeno, Jisung, Mark, RenJun
Tags Markchan, Markhyuck
Visualizações 483
Palavras 1.244
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Ficção Adolescente, Fluffy, Lemon, LGBT, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


ai gente socorro eu realmente espero não decepcionar vocês :((

vai ter mais, muito mais... isso é só as preliminares kahdjsjdjd

ai meu deus eu realmente espero isso esteja bom, eu não sou boa com hot 😔

okay só isso irraaaaa

Capítulo 14 - Fourteen


Donghyuck não via a hora da terceira aula começar, somente para ir onde Mark estava o esperando.


Com certeza o medo de serem pegos o excitava!


Lee Minhyung conseguia ser bem filho da puta quando queria...


E isso era o que mais deixava o Lee mais novo louco!


Não tardou de sair da sala assim que o sino para terceira aula tocou. Antes mesmo da professora entrar, o acinzentado já estava virando o corredor indo em direção a última salinha, a mais afastada onde era a do zelador.


Adentrou a mesma, e logo viu a figura de Minhyung que estava a sua espera.


— Uau, você foi rápido! - O loiro sorriu ladino para o garoto em sua frente. — Fará tudo que eu pedir! Está ouvindo?


O menor apenas concordou com a cabeça, sorrindo em seguida.


Sabia que além do lado extremamente lerdo, Mark deveria ser dominante.


Donghyuck só faltava latir para o mesmo de tão entregue que estava. Como uma cadelinha no cio.


— Hoje toda atenção irá somente para você. Você não desejava por isso? Pois então terá! - Exclamou rente ao ouvido do melhor amigo, que vibrou com as palavras. — Vamos ver quanto tempo você aguenta antes de gritar o meu nome.


Assim que terminou sua fala, apertou a popa esquerda da bundinha redonda que tanto gostava.


— Só não se esqueça do nosso desafio, e se você perder, terá uma punição!


As últimas palavras foram ditas.


Minhyung não tardou a selar os lábios do menor, um beijo afoito e cheio de desejos.


Aaah como era bom sentir seus lábios macios, muito melhor do que imaginava.


Donghyuck já estava entregue a si desde o momento em que entrou naquela salinha apertada, Mark sabia disso, e estava ciente de que o pequeno não iria resistir por muito tempo.


E ainda estavam no começo.


Por tempo o loiro já havia retirado a camisa do mais novo, logo então o enchendo de beijos e chupões por todo seu pescoço e peitoral.


Hyuck já revirava os olhos.


Tão, tão entregue.


Mark levou seus dedos até o cós da calça do Lee mais novo, a retirando de uma vez junto a sua cueca.


Parou apenas para apreciar o corpo lindo e bronzeado que o seu garoto tinha.


Gostoso pra caralho!


— Chupa! - Minhyung mandou, colocando dois de seus dedos na boca do menor.


Donghyuck apenas o fez, chupando como se fosse o pirulito mais gostoso que já havia experimentado.


O mesmo olhava atentamente para Mark, o provocando feito uma vadiazinha de todos os jeitos enquando tinha os dedos em sua boca.


Porra, como o Mark queria que fosse o seu pau ali.


Iria adorar foder sua boquinha macia...


Depois de bem lubrificado, Minhyung virou o pequeno contra a porta o deixando de costas para si.


— Vamos, Hyuck... Fique bem empinadinho para mim! - Seu pedido não tardou de ser feito, logo tendo a visão que tanto desejava ver bem exposta.


Merda, esse garoto era tão gostoso!


O loiro se ajoelhou diante ao menor, logo começando a beijar suas coxas torneadas. Vagando seus dedos lubrificados de saliva entre a fenda de seu bumbumzinho farto.


Donghyuck já piscava de tão ansioso que estava.


Mark adentrou um dedo. Fazendo o menor trancar um gemido manhoso em sua garganta, sabia que não podia gemer...


Sua boca vagava por toda banda direita, dando chupões fortes que já tomavam a cor avermelhada.


Adentrou mais dois dedos, um sem lubrificar. O que levou o pequeno a suspirar alto, não podia gemer, não podia!


Entre suspiros, Donghyuck se recompunha e logo já estava todo empinadinho, rebolando entre os dedos do maior.


Mark então, retirou as digitais, recebendo um murmúrio insatisfeito do garoto a sua frente.


Sorriu ladino, logo caindo de boca no buraquinho gostoso do mesmo.


Donghyuck soltou um gemido alto e manhoso.


Já havia perdido o desafio!


O loiro ficou pouco tempo ali, depois de chupar o suficiente para o deixar todo abertinho para si. Logo se levantando para apenas abaixar suas calças e cueca de uma vez.


— Aah, Hyuckie... Eu achei que iria durar mais tempo. - Susurrou ao ouvido do mesmo, que se arripiou todo com a voz rouca.


Mark não perdeu tempo em se enfiar por inteiro no menor, ouvindo outro gritinho alto que fora tampado pela mão do mesmo.


Imaginou tantas vezes estar dentro do mesmo, mas nenhuma delas era tão bom quanto estava sendo agora!


Assim que Hyuck começara a se mover, soube que já tinha acostumado com o tamanho ali dentro.


Começou as estocadas de vai e vem seguindo um ritimo lento, que fora se aprofundando com o tempo.


Logo já estava em uma velocidade de fazer o menor em sua frente reavirar os olhos.


Donghyuck já estava cego de prazer, nem se quer se importava se estava ou não gemendo alto.


O fodia da maneira mais gostosa possível, enquanto sua boca estava a marcar toda a pele sensível do pescoço do garoto.


Puxava seus fios de cabelo cinza, vendo-o se contorcer todo com o prazer.


— M-mais forte... Aahh m-me fode com força... - Donghyuck gemeu alto. 


As marcas dos tapas fortes em sua bunda já tomavam uma coloração bem avermelhada com tons aroxeados. Parecia uma bela obra de arte.


Nesse momento soube que Hyuck gostava de brutalidade.


O mesmo gemia manhoso o seu nome.


Amava isso, era gostoso o ver tão entregue a si.


Mark estava com um leve medo de serem pegos, porém não tinha ninguém por alí aquela hora, estavam todos em sala, então quem se importa?


Hyuck já sentia o espasmo em seu corpo, a vibração estava desde o dedinho do pé, até a pontinha da cabeça.


Gemeu mais ainda quando Mark começou a estimular seu membro esquecido, podia jurar que estava quase morrendo de prazer.


Minhyung estava sendo perfeito enquanto o fodia!


Forte e fundo, gostoso pra caralho!


— A-aah... M-mark, assim... E-eu, eu estou qua-se lá. — O menor gemia, fazendo o Lee mais velho sorrir satisfeito. — Aahh... E-eu vou g-gozar...


Seu pontinho doce fora acertado. Uma... Duas... Três vezes.


Assim que sentiu o corpo do pequeno tremer, não tardou em retirar seu pau de dentro do mesmo, parando também a masturbação que fazia no membro do garoto.

 

Hyuck era um poço de confusão, não entendia o porquê do mais velho ter parado. Virou para o mesmo e o viu com um sorriso ladino entre os lábios.


Tentou se aproximar novamente, mas foi logo parado.


— Não, não Hyuck... Eu avisei que não era pra gritar, você perdeu o desafio e essa é a sua punição. - Mark exclamou, recebendo uma careta do mesmo. — Não adianta ficar assim, na próxima eu te compenso. Ai você vai poder gritar igual uma vadia o quanto quiser.


O mesmo tremeu após a fala do amigo, era incrível como Mark conseguia mexer tanto consigo...


Porém, apenas obedeceu e logo começou a se vestir.


— Você não me deixou chegar ao ponto. - O mais novo proferiu, sorrindo sapeca. — Mas não falou nada sobre eu te fazer gozar!


Se ajoelhou sobre o Lee mais velho, o olhando como se fosse um garotinho inocente, fazendo-o perder a cabeça.


— Por favor, me deixa te fazer gozar... - Pediu manhoso com um biquinho nos lábios, impossível de ser negado.


Lee Minhyung conseguia ser bem filho da puta quando queria...


Mas nada comparado a Donghyuck!


E era agora que ele teria o todo o pau de Mark inteirinho para si.



Notas Finais


ai gente eu realmente sou péssima fazendo hot socorro :((
mas eu espero que gostem desse capítulo mixuruca ajdhskbdjd 😔💖💖❤💓❤

obrigada pelos comentários no capítulo anterior e pelos favoritos JÁ CHEGOU NOS 200 MANO EU TÔ TRISTE DE AMOR 👉😔💓❤💖❤💖❤💓💕💖💓❤💓❤💓❤💖❤💖❤💓❤💓❤💓❤💖💖❤💓❤💖❤💖❤💓❤💓💕💖💕💓❤💖❤💖💖❤💖💖💖🌼


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...