História Lire tinha perfume de jardim - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Grand Chase
Personagens Lire, Sieghart
Tags Crackship, Gcshitpost, Hikariminami
Visualizações 32
Palavras 315
Terminada Sim
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Fluffy

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


› um crackship a mais, um crackship a menos não faz diferença;
› da série: a gente finge que escreveu alguma coisa, mas, na verdade, nada acontece;
› Sieghart é difícil af de representar, para mim, então deve ter ficado ooc /sorry/ vou tentar trabalhar nisso daqui em diante;
› a verdade seja dita, eu só queria escrever sobre essa fanart linda que eu achei no twitter (a que foi usada na capa).

Capítulo 1 - Capítulo Único


A primeira vez que os olhos esmeralda se cruzaram com os prateados teve o mesmo efeito que uma dose repentina de um forte perfume adocicado. Foi memorável e deixou-o sem rumo por instantes. Além disso, fê-lo acreditar que logo enjoaria dela e daquela voz serena, assim como alguém enjoa de uma colônia barata.

Mas, céus, como estava errado.

Lire não era apenas o doce dos frutos amadurecidos, era o jardim inteiro — da terra umedecida pelo orvalho às flores que se abriam naquela estação. A elfa era um todo harmonicamente composto, uma poesia natural ímpar, e não falhava em tomar o fôlego do Imortal, ao mesmo passo em que o abrigava.

E ele simplesmente não sabia como reagir diante dessa composição incrível. Por isso, alternava entre retribuir os sorrisos com uma expressão abobada demais para quem era considerado uma existência lendária e espreitar por entre as brechas da elfa — como quando ela se ocupava com afazeres domésticos — para inspirar o perfume de jardim, como passou a se referir à essência única dela.

De início, Lire afastava-se; não estava acostumada em ter o espaço pessoal invadido. Mas Ercnard era sinônimo de audacioso, e aos poucos a loira foi se permitindo baixar a guarda ao lado dele. Até, enfim, chegar o dia em que Lire apenas lhe disse um bom-dia e abriu um sorriso quando sentiu as mãos do moreno tocando-lhe as mechas douradas.

Ele lembrava-se de ter sorrido como um idiota naquele dia também.

Assim sendo, Sieghart não negaria que se assemelhava a um inseto atraído pela flora. E, quando a elfa tornou-se a companhia mais desejada de todo dia, ele percebeu que já não tinha mais saída daquele labirinto de vida. O Imortal simplesmente precisava vê-la, cumprimentá-la e aproximar-se bem mais do que deveria sempre que a oportunidade se apresentasse.

Porque Lire tinha perfume de jardim, e Sieghart gostava de sentir aquele aroma em qualquer estação.


Notas Finais


› se tiver esquisito, perdão;
› link para a fanart: https://twitter.com/A_feong/status/980652442302889985
› e muito obrigada por ter lido ♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...