História Little Peoples - Capítulo 3


Postado
Categorias Violetta
Personagens Angeles "Angie" Saramego, Diego, Federico, Francesca Cauviglia, Germán Castillo, León Vargas, Ludmila Ferro, Violetta Castillo
Tags Diecesca, Fedemila, Leonetta, Violetta
Visualizações 178
Palavras 1.784
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Famí­lia, Festa, Musical (Songfic), Romance e Novela
Avisos: Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oiii gente! Aqui é a Iza (CarroselDaLodo), eu sei q o capítulo era para ser postado pela Lolo (Lolo_Domingez) mas Andava um pouco ocupada e eu me ofereci para postar o capítulo no lugar dela 😊😊😊😊 me desculpem a demora, mas deu alguns imprevistos kkkkkkk Espero que gostem meninas, fiz cm todo carinho para vcs todas, tanto Diecesca, cm Fedemila e Leonetta, pq amo todos os casais, assim cm todas as leitoras! ❤

Capítulo 3 - Capítulo 3...



Argentina; 11:56 PM; Diecesca, Leonetta, Fedemila ❤����


- eu ainda não acho isso certo. Não gosto de fazer isso.- diz a italiana manhosa e emburrada.


- a cala a boca Francesca! Você medrosinha como sempre né? Não estamos fazendo nada de errado! Para de ser criança!- Ludmila toma mais um gole do vinho. Logo depois que o outro casal chegou, todos foram (escondidos) para o quarto do hotel de Fran e Diego, e pediram um vinho para beber já que eram maior de idade,  apenas para comemorar o reencontro de todos,  Mas para Francesca, eles ainda são seis adolescentes.


- ei! Olha o jeito que fala com ela!- Foi a vez do espanhol falar. Ele puxa a namorada para mais perto de si, e a mesma se agarra nele. 


- e você também Diego! Desde que começou a namorar a Francesca anda todo cuidadoso, todo manhoso e se eu não te conhecece diria que era até gay!- a loira grita e todos que estavam ali riram, inclusive Francesca, mas Diego não gostou nada de ter sido comparado com um gay. 


- Ai gente vocês não tem ideia de como eu senti falta de vocês!- Violetta fala abraçando Ludmila e Diego por cima dos ombros e depois abraçando Fran e Frederico.- mas me digam uma coisa, vocês vão dar aula de que? Eu e o Léon vamos dar aula de dança.


- eu e o Dih vamos dar aula de canto.


- eu a Minha Maravilhosa estrela vamos dar aulas de música.- Federico diz puxando a mesma para perto de si. Todos sorriram fraco até que León que estava quieto até o momento resolveu falar algo.


- será que o resto do pessoal não vai vir também? Sabe, o Máxi, a Naty, a Louca da Camila... Não fiquei sabendo nada deles.


- acho que não. Se não também teriam falado com a gente.- Vilu diz e logo depois olha no seu relógio de pulso.- Meu amor, acho melhor nós quatro irmos para casa e deixar o casalzinho aqui descansar, e também porque estou morrendo de saudades da minha família.

        Todos se levantaram e deram uma leve ajeitada no quarto do hotel, antes de se despedirem de Diego e Francesca. Quando todos já estavam no corredor, Vilu puxou a melhor a amiga um pouco para longe de onde todos estavam, e a italiana já sabia o porquê.


- Violetta não vai acontecer nada hoje!- diz baixo e cruzando os braços. 


- como que não Fran? Já está mais do que na hora de vocês ficarem mais íntimos! Sem falar que o Diego deve estar se segurando ao máximo!


- ah, para Vilu.- fala e fica vermelha. Não era um assunto para aquela hora.- acabamos de chegar de viagem, eu e ele estamos cansados. E amanhã já é o primeiro dia como professores, não quero me preocupar com outras coisas.


- está bem. Mas, não pense que não vai escapar de mim Cauviglia.- ela beija a bochecha da amiga e depois sai de mãos dadas com o namorado.


         Fran Entrou no quarto junto com o moreno e depois de fecharem a porta, ambos ficaram frente a frente e sorriram de lado. Diego se aproximou dela e pegou na sua mão, onde a conduziu até a cama como uma Princesa. A deixou sentada em um lado da cama e foi Apagar as luzes, o que deixou o quarto quase que totalmente escuro. Logo depois, se juntou a namorada na cama e a fez deitar sobre ele, logo tapando os dois com as cobertas e beijando a testa de Francesca, fazendo os dois sorrirem. Poderiam estar em silêncio, mas aqueles gestos indicava que se amavam. Francesca, como retribuição de todo o carinho, já que estava sobre o rapaz, lhe beijou o peito e fez leves carícias com dedos até os dois adormecerem.



Argentina; 00:49 AM; Leonetta �� 


          Como o Hotel de Fran e Diego não era longe da mansão, e todos estavam de carro, não demorou muito para logo chegarem na casa onde Violetta morria de saudades. 


         Federico estacionou o carro na garagem, e a morena apressada, bateu a porta do carro para logo adentrar sua casa correndo e com um sorriso no rosto, sem se preocupar com o namorado, Ludmila e Fede.


- Angie? Papai? Angelina? Cheguei! Onde vocês estão? - pergunta olhando ao redor, mas a única coisa que ouviu foi um barulho vindo da cozinha. Foi até a mesma, e tomou um susto com o grande abraço de urso que tomou.


- Aiii minha pequena Voltou! Como está crescida e mais parecida com a sua mãe!- fala Olga quase que sufocando a menina, mas ela não se importava. Estava com Saudades disso.


- Também...senti...saudades...Olga.- fala pausadamente por conta da falta de ar.


- Eu e o Ramalho estávamos tão ansiosos com a sua volta! Por falar nisso cadê esse infeliz? Ramalhoooo! Onde você está Ramalhoooo!- sai andando enquanto gritava pela casa. Vilu põe a mão na cabeça e ri voltando para a sala, onde encontra Ludmila sentada no sofá enquanto bocejava escorada no ombro de Federico. Leon entrou com a mala dos dois e deixou perto da porta. 


-  Vilu, acho melhor irmos dormir, todos esta...- então ouviram a escada fazer barulho. Passos fortes e rápidos estavam sendo dados na mesma, até que então Violetta foi para o pé da mesma, e abriu os braços para receber a loirinha.


- Mana!- grita a menina, enquanto a morena a roda em seus braços. Afastou a pequena de si e a olhou dos pés a cabeça.


- Você está tão Grande Angelina! Quando eu saí daqui você ainda era uma bebezinha e agora... você está tão parecida com Angie!- passa a mão sobre os cabelos ondulados e loiros da pequena, que sorri e volta a abraçar a irmã.- mas o sorriso é igual o do papai!


- isso eu concordo. Angelina é a cópia da Angeles.- Violetta não aguentou, e começou a chorar quando viu seu pai e Angie alguns degraus acima da escada. Subiu até eles e os abraçou com força, de tamanha saudade que tinhas deles. Se afastou e olhou para sua tia e seu pai que sorriam alegres para ela, depois para sua irmãzinha que também sorria.


- Você está cada vez mais parecida com a sua mãe Violetta.- a loira passa a mão nos cabelos da sobrinha e depois a puxa para um abraço. Os quatro se abraçaram novamente, até que Vilu se deu conta de que León, Federico e Ludmila estavam ali. Ludmi batia o pé, mas não era por impaciência ou algo assim, mas por ciúmes. Federico estava normal como sempre, e Leon olhando a cena emocionado.


- ahh, gente, acho melhor irmos todos descansar, amanhã temos muito o que fazer no Studio.- diz Vilu.

- eu concordo. Vamos meu amor?- Federico levantasse do sofá e pega na mão da loira que cruza os braços.- o que foi?


- Não quero que só porque a Violetta esteja aqui novamente, que todos agissem diferente ou mudassem a rotina.- Violetta revira os olhos, entrega Angel para a mãe e vai até a "irmã" e passa os ombros por cima de seus ombros cobertos com manta pelucíada branca.


- nada vai mudar Ludmilla. Só vão ter mais dois na casa. Talvez pouca coisa mude.


- é, talvez você tenha razão. Mas uma coisa NUNCA vai mudar.- ela sai pisando forte no chão, subindo as escadas e pegando Angelina no colo. Logo continuou a subir enquanto falava.- eu ainda vou colocar a Angelina para dormir.


       Todos riram e pensaram "Essa é a nossa Ludmila".




Argentina; 01:30AM; Fedemila��


       Depois de colocar Angel na cama, Ludmila foi dormir no seu quarto junto a Federico. Os dois não costumavam dormir juntos por causa das constantes brigas, mas no outro dia, seria um dia especial e eles estavam muito felizes e ansiosos para dormirem separados. 


- Será que seremos bons professores?- Ludmila cochicha baixinho, porque todos estavam dormindo, tudo estava escuro. Federico se vira de frente para ela na cama e acaricia deu rosto com o polegar enquanto sorria de leve. Eles mal conseguiam se ver na escuridão, mas a conexão que tinham era forte o suficiente para saberem o que o outro senti naquele momento.


- a minha estrela insegura? Isso é raro.


- é, eu sei. Você é uma das poucas pessoas que eu deixo transparecer isso.- ela se aconchega perto do peito dele e fecha os olhos.- promete que vai me ajudar quando eu precisar? Que nunca vai me abandonar?


- prometo. Eu jamais faria isso minha Super Nova. Eu te amo.- beija sua testa e depois seus lábios.


- eu também te amo. Boa noite meu amor.


- boa noite linda.

         E assim adormeceram abraçados, um seguro nos braços do outro.



Argentina; 01:30AM; Leonetta ��



            Felicidade existia, e isso estava bem estampado no rosto de Vilu. Estava ali, com seu namorado, na sua casa, com sua família, o que mais poderia querer? Tinha tudo o que precisava para ser feliz, ou, naquele momento, quase tudo. Leon ainda tomava banho, enquanto ela o esperava na cama. 


          Sem paciência, ela foi até a porta da suíte e bateu três vezes forte. Ouviu o chuveiro ser desligado, e uns instantes depois a porta se abriu e León apareceu com uma toalha enrolada na Cintura, apenas. Os cabelos louros molhados, assim como o resto do seu corpo. 


- O que foi Violetta? Não posso nem tomar um banho em paz!- diz sério enquanto ia até a mala que estava no canto do quarto para pegar seu pijama.


- Léon já passou da meia noite, e esse chuveiro faz o maior barulho! Se a Angel acordar vai dar Problema pra mim amanhã!- Léon respira fundo. Detestava começar uma briga. Vai em direção a ela com o pijama nas mãos, a abraça e depois lhe da um selinho.


- desculpa. Não quero brigar. Acho que estou cansado da viagem, só isso. 


- tudo bem... Não tem problema.- a morena se deita na cama enquanto se tapava com as cobertas.- eu ia dar a opção de fazermos amor, mas você está cansado demais.- Leon arregalou os olhos e olhou para a namorada que tinha acabado de fechar os olhos.


- não...perai...eu estou cansado, mas não para...Vilu não faz isso comigo não!


- palavras suas leon.- diz bocejando.- boa noite Mexicano.


- você ainda vai me pagar por isso danadinha.- aperta o nariz da moça de leve e depois lhe beija a testa.




         Os três casais estavam dormindo. Os três casais estavam ansiosos, e pelo mesmo motivo: sempre foram alunos do Estúdio, nunca professores. Tudo está tão diferente para eles, novas responsabilidades, novos desafios, e será que agora, quando amanhecer, tudo vai mudar novamente? 


Notas Finais


E aí? O que acharam? Tentei agradar todas as leitoras de todos os casais kkkkkkk então Meninas, espero que tenham gostado, o próximo capítulo eu ainda não sei de quem vai ser, mas com certeza vai ser muito bem feito e cm muito carinho para vcs 😊 Beijão amores, Obrigada por lerem!💕💕💕💕💕❤❤❤❤❤❤❤❤💜💜💜💜💜💜💜💜💟💟💟💟💟💟💟💟💟💟💟💟💟💟💟💟💟💟😍😍😍😍😍😍


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...